Homem detido por mais de 150 crimes de violação contra companheira e filha desta

Violação, Violência Doméstica

18/01/2022 13:17:00

Um homem de 41 anos foi detido na Moita, no distrito de Setúbal, por fortes indícios de ter cometido dois crimes de violência doméstica e 153 de violação. As vítimas foram a sua parceira e a filha desta.Em 2018, a vítima começou a namorar com o agressor e mudou-se para sua casa, juntamente com a filha e um filho de dois anos. De acordo com a Polícia Judiciária, em 2020, o arguido, “num momento em que se encontrava sozinho em casa com a filha da sua companheira, deslocou-se para o quarto desta e, recorrendo a força física, obrigou-a a manter relações sexuais”.

Consulte Mais informação: Jornal SOL »

Homem detido por suspeita de 153 crimes de violação no concelho da MoitaA PJ indica que o homem é suspeito de violação da filha da companheira e que 'os factos ocorreram até dezembro de 2021'. Para já é tudo especulação.. foi detido por suspeita tal como o deputado do Partido Socialista (Largo do Rato) que foi detido por suspeitas de pedofilia....tudo acabou bem aos ombros no Parlamento da Republica.

'Gritos' supera Homem-Aranha e conquista as bilheteiras norte-americanasO novo filme da saga 'Scream', o novo lançamento da Paramount, saltou para o primeiro lugar das bilheteiras norte-americanas este fim de semana, mostrando que o fascínio por ...

Big Brother: Nuno Homem de Sá discute com Bruno de Carvalho: 'Mentiste...'BigBrother: Nuno Homem de Sá discute com Bruno de Carvalho: 'Mentiste...' TVI BBTVI BigBrother BigBrotherFamosos BrunoDeCarvalho NunoHomemDeSá

Homem vai ser julgado por aliciar crianças na internet a enviar fotografias sem roupa

Homem morre atropelado na EN103 em BarcelosCNN Portugal. O canal de informação, com uma cultura multiplataforma, que acompanha, em tempo real e em diversos meios, os acontecimentos que marcam o país e o mundo.

Homem morre atropelado na EN103 em BarcelosV\u0026237;tima foi colhida junto a umas bombas de combust\u0026237;vel.\r\n

PJ Um homem de 41 anos foi detido na Moita, no distrito de Setúbal, por fortes indícios de ter cometido dois crimes de violência doméstica e 153 de violação. As vítimas foram a sua parceira e a filha desta. Em 2018, a vítima começou a namorar com o agressor e mudou-se para sua casa, juntamente com a filha e um filho de dois anos. De acordo com a Polícia Judiciária, em 2020, o arguido, “num momento em que se encontrava sozinho em casa com a filha da sua companheira, deslocou-se para o quarto desta e, recorrendo a força física, obrigou-a a manter relações sexuais”. A autoridade adianta ainda que o homem chantageou a filha da namorada, dizendo que se as relações sexuais não se repetissem com regularidade, este expulsava-os da sua casa, sendo esse “o pagamento para as deixar residir na sua habitação”. Os crimes terão ocorrido até dezembro de 2021, quando as vítimas apresentaram queixa e o agora detido, que tem antecedentes por crimes de roubo, foi presente a interrogatório tendo ficado em prisão preventiva.  Ver Comentários