Rússia, Estaline, Historiador

Rússia, Estaline

Historiador russo dos Gulag condenado a 13 anos de prisão

Historiador russo dos Gulag condenado a 13 anos de prisão

29/09/2020 23:53:00

Historiador russo dos Gulag condenado a 13 anos de prisão

O historiador russo Yuri Dmitriev, conhecido pelo seu trabalho sobre os Gulag e a repressão no período de Estaline , foi condenado a 13 anos por abuso sexual de uma criança. Apoiantes de Dmitriev falam em perseguição política.

SubscreverO investigador foi condenado em julho a três anos e meio de prisão, uma pena que já tinha cumprido em grande parte em prisão preventiva.Os procuradores recorreram da sentença e o Supremo Tribunal de Carélia aplicou uma pena mais pesada.

#VermelhoemBelem marca o tom (e a cor) no Twitter Presidenciais: Mayan rejeita 'tom e estilo' de campanha de 'baixo nível' Restaurantes: Matosinhos oferece entregas de refeições em casa

"Dmitriev foi considerado culpado de cometer um crime punível com 13 anos de detenção num campo com um regime severo", de acordo com a sentença.Para o chefe da organização não-governamental Memorial, especializada na documentação dos crimes estalinistas, Oleg Orlov,"é óbvio que o veredicto não se baseia na lei, que tem uma motivação política", disse em declarações à estação de rádio Echo de Moscovo.

O responsável informou que a Memorial e a defesa irão recorrer da sentença para um tribunal superior russo e formalizar uma queixa junto do Tribunal Europeu dos Direitos Humanos.Para os seus apoiantes, este caso constituiu uma tentativa das autoridades de intimidar e silenciar Dmitriev, cujas investigações colidem com o discurso oficial russo de reabilitação da época soviética, em particular o longo consulado de Estaline que se prolongou por cerca de 30 anos até à sua morte em 1953. headtopics.com

Numerosas personalidades russas e estrangeiras denunciaram as perseguições injustificadas sobreYuri Dmitriev, apelando à mobilização contra a"falsificação" histórica.A organização Memorial considera Dmitriev um prisioneiro político, acreditando que a verdadeira razão para o processar era"a sua atividade para preservar a memória" das vítimas da repressão política.

Consulte Mais informação: Diário de Notícias »

Santuário de Fátima deverá ter peregrinos no próximo dia 13 de outubroBola nada! Viva a Covidiria! Não se esqueçam, de ir perguntar aos comerciantes e moradores na zona envolvente: se com medo do contágio, vão fechar? ou de fim de semana grande?

Peregrinação do 13 de Outubro com lotação controlada e limitadaOs pormenores das restrições ainda estão a ser ultimados entre o Santuário e a DGS mas é já certo que as celebrações do 12 e 13 de Outubro em Fátima vão contar com a presença de peregrinos.

PSD reduz passivo em 13%, apesar do Chão da Lagoa. E pede “reflexão profunda” ao PSD-MadeiraPSD aprovou o Relatório de Gestão e Contas relativo a 2019, com avisos ao líder madeirense Miguel Albuquerque, que continua a pesar no passivo do partido. A sede nacional diz ter pago tudo aos fornecedores das campanhas eleitorais e saldou 500 mil euros que devia ao Parlamento. nada de mais não fosse o verdadeiro das “contas certas” ao leme!

Homicídio de Luís Grilo. António Joaquim entrega recurso no SupremoEstá acusado do crime de homicídio de Luís Grilo, foi condenado a uma pena única de 25 anos de prisão.

Ministério Público pede 25 anos de prisão para gémeos acusados de assaltos que fugiram do TIC do PortoPortugal - Ministério Público pede 25 anos de prisão para gémeos acusados de assaltos que fugiram do TIC do... 100 fazem cá alguma falta lixo deste? Dónde está a condena de Sócrates que roubou a todo o povo ? Justiça desigual não é justicia

Prisão preventiva para suspeito de abuso sexual de menina em FaroO Tribunal de Faro decretou prisão preventiva ao suspeito de abusar sexualmente de uma menina de 6 anos, em Faro, e prisão domiciliária a duas familiares da menor, que consentiam os encontros.