Fed aponta aumento dos juros e assusta Wall Street

Fed aponta aumento dos juros e assusta Wall Street

27/01/2022 01:00:00

Fed aponta aumento dos juros e assusta Wall Street

A Reserva Federal norte-americana sinalizou que vai subir os juros em março para combater a aceleração da taxa de inflação. Dow Jones e S&P 500 fecham em terreno negativo.

maior parte dos índices de referência em Wall Street fecharam a sessão em terreno negativoesta quarta-feira, após o banco central dos EUA adiantar que. A direção das conclusões da reunião da Fed já estavam a ser antecipadas, mas era ainda incerto qual seria o calendário adotado.

A Reserva Federal norte-americana sinalizou no comunicado da reunião desta quarta-feira queestá pronta para subir os juros em março, encarecendo o “preço” do dinheiro.Neste momento, os juros estão em níveis historicamente baixos, entre 0% e 0,25%. A concretizar-se, será a primeira subida desde dezembro de 2018.

Consulte Mais informação: ECO »

Ultrapassados por bicicletas e trotinetes, buzinados no fim: fomos andar de carro a 30km/h com a vereadora de Lisboa que o propõe

CNN Portugal. O canal de informação, com uma cultura multiplataforma, que acompanha, em tempo real e em diversos meios, os acontecimentos que marcam o país e o mundo. Consulte Mais informação >>

Wall Street abre no ‘verde’ em antecipação ao anúncio da FedNo início da sessão, o S&P 500 sobe 1,76%, para 4.433,28 pontos. O industrial Dow Jones valoriza 1,36%, para 34.763,75 pontos. Já o tecnológico Nasdaq aumenta 2,25%, para 13.844,4 pontos.

Volatilidade continua, mas Wall Street fecha em quedaO dia terminou em terreno negativo para os principais índices de Wall Street, na véspera do final da reunião da Fed.

Wall Street vai entrar em bear market?De acordo com o estudo do Bespoke Investment Group, a recuperação de última hora de Wall Street a que os investidores assistiram no fecho da última sessão não é um bom sinal para o futuro do mercado.

Wall Street em alta à espera da Fed. Microsoft sobe 4%Serão conhecidas esta tarde as conclusões do banco central norte-americano após uma reunião de dois dias. Investidores aguardam decisão sobre taxas de juro.

Fed começa a subir juros em breve devido à inflaçãoO banco central dos EUA decidiu não mexer na taxa dos fundos federais, que se manteve entre os 0% e os 0,25%, mas sinaliza que 'em breve' será apropriado começar a subir os juros diretores, indo ao encontro do que tem sido antecipado: que poderá aumentar as taxas já em março.

Fed sinaliza subida dos juros em março para baixar inflaçãoA Reserva Federal norte-americana sinalizou na reunião desta quarta-feira que vai subir os juros em março para combater a aceleração da taxa de inflação nos Estados Unidos. Ó diabo! É td tretas. Só há uma solução, deixar a inflação pagar o custo das parvoíces que o FMOC fez nos últimos anos. Perde quem ñ tem Activos e vive do trabalho. Uma injustiça. Em Março aumento 0.01 ou 0,02 e fica td na mesma.

A maior parte dos índices de referência em Wall Street fecharam a sessão em terreno negativo esta quarta-feira, após o banco central dos EUA adiantar que . A direção das conclusões da reunião da Fed já estavam a ser antecipadas, mas era ainda incerto qual seria o calendário adotado. A Reserva Federal norte-americana sinalizou no comunicado da reunião desta quarta-feira que está pronta para subir os juros em março, encarecendo o “preço” do dinheiro. Neste momento, os juros estão em níveis historicamente baixos, entre 0% e 0,25%. A concretizar-se, será a primeira subida desde dezembro de 2018. O S&P 500 caiu 0,15%, para 4.349,80 pontos, enquanto o industrial Dow Jones perdeu 0,36%, para 34.175,90 pontos. Já o tecnológico Nasdaq contrariou a tendência e avançou 0,2% para 13.543,78 pontos.