Elétricas impulsionam PSI-20 face a quebra superior a 2% do BCP

20/01/2022 20:13:00

Elétricas impulsionam PSI-20 face a quebra superior a 2% do BCP

Elétricas impulsionam PSI-20 face a quebra superior a 2% do BCP

Praça lisboeta terminou a sessão a subir 0,06%, para 5.663,94 pontos seguindo a tendência das suas congéneres europeias.

A fazer subir o PSI 20 estiveram entre as principais cotadas portuguesas a EDP Renováveis que disparou 5,05%, para 20,18 euros, a EDP que impulsionou 2,75%, para 4,64 euros e a construtora Mota-Engil que valorizou 1,64%, para 1,30 euros.Em terreno positivo ficaram também a Altri que subiu 1,57%, para 5,82 euros, a Greenvolt que cresceu 0,66%, para 6,13 euros, a RENE que valorizou 1,19%, para 2,55 euros e a Navigator que aumentou 0,54%, para 3,38 euros.

A negociar com sinal ‘vermelho’ no fecho da sessão estiveram o BCP que caiu 2,07%, para 0,16 euros, a petrolífera Galp que tombou 2,56%, para 9,57 euros, a Jerónimo Martins que depreciou 2,93%, para 21,23 euros e a Corticeira Amorim que desceu 1,30%, para 10,64 euros.

Consulte Mais informação:
Jornal Económico »

PSI-20 cai pela quarta sessão consecutivaA bolsa lisboeta arrancou esta quarta-feira em terreno negativo, somando quatro sessões consecutivas de quedas. A EDP Renováveis desvaloriza mais de 2%.

Bolsa de Lisboa abre no vermelho pressionada com queda de 2% da EDP RenováveisDas 19 cotadas do PSI-20, 12 abriram em queda e apenas três em contraciclo. A EDP Renováveis é uma das cotadas que mais perde, com um tombo de 2,49%. Na Europa, a bolsa de Roma lidera as perdas com uma queda de 0,47%.

PSI-20 cai pela quarta sessão consecutivaA bolsa lisboeta arrancou esta quarta-feira em terreno negativo, somando quatro sessões consecutivas de quedas. A EDP Renováveis desvaloriza mais de 2%.

RTP. Quebra de energia interrompe debate dos pequenosRTP junta no Cine Teatro Capitólio, em Lisboa, onze representantes dos onze partidos sem assento parlamento. Há um único partido novo, o Volt. Todos os outros concorreram em 2019. Outro sonho! João Paulo( coordenador das estatísticas do Ricardo Jorge diz que cada vez estamos mais imunes!?!? Outra dose!? Quem tomou a vaccina está imunizado de acordo pelas ultimas 24 horas!? Que tristeza o Ricardo Jorge tornou-se de uma agência de Propaganda.

Médicos de saúde pública preocupados com quebra de isolamento para votarA Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública diz que 'não pode deixar de exprimir a preocupação perante um precedente evitável de quebra de isolamento'.

A quebra de isolamento para votar é motivo de preocupação para os médicos de saúde públicaA Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública afirma que 'não pode deixar de exprimir a preocupação perante um precedente evitável de quebra de isolamento' É um 'abre olhos' isso sim. Médicos estão preocupados não com a saúde pública Mas sim Com falta de pacientes para manter o negócio Lindas palavras Para uma falsa pandemia O fia q tufo isto terminar Vai se saber toda verdade Médicos q vê-o fazer ? Continuar a viver enganados enganando ? Os médicos de saúde pública dissem que sim… mas eu por mim só confio no Costa e no Marcelo…

O principal índice bolsista português, PSI 20, fechou a sessão desta quinta-feira, 20 de janeiro, a valorizar 0,06%, para 5.Ler Mais Em Lisboa, a maioria das cotadas está a desvalorizar nos primeiros minutos da negociação desta sessão, a qual conta ainda com quatro cotadas inalteradas.Assine para partilhar E usufrua de todas as vantagens de ser assinante A bolsa de Lisboa abriu esta quarta-feira em baixa, prolongando as perdas da última sessão, em linha com as principais praças europeias.Ler Mais Em Lisboa, a maioria das cotadas está a desvalorizar nos primeiros minutos da negociação desta sessão, a qual conta ainda com quatro cotadas inalteradas.

663,94 pontos seguindo a tendência das suas congéneres europeias. A fazer subir o PSI 20 estiveram entre as principais cotadas portuguesas a EDP Renováveis que disparou 5,05%, para 20,18 euros, a EDP que impulsionou 2,75%, para 4,64 euros e a construtora Mota-Engil que valorizou 1,64%, para 1,30 euros. Mas a maior desvalorização é registada pela Novabase com uma queda de 2,9% para os 5,36 euros. Em terreno positivo ficaram também a Altri que subiu 1,57%, para 5,82 euros, a Greenvolt que cresceu 0,66%, para 6,13 euros, a RENE que valorizou 1,19%, para 2,55 euros e a Navigator que aumentou 0,54%, para 3,38 euros.  Das 19 cotadas do PSI-20, 12 abriram em queda e apenas três em contraciclo. A negociar com sinal ‘vermelho’ no fecho da sessão estiveram o BCP que caiu 2,07%, para 0,16 euros, a petrolífera Galp que tombou 2,56%, para 9,57 euros, a Jerónimo Martins que depreciou 2,93%, para 21,23 euros e a Corticeira Amorim que desceu 1,30%, para 10,64 euros. A travar maiores perdas em Lisboa está a Pharol com uma subida de 2,96% para os 9,05 cêntimos , seguindo-se a Jerónimo Martins que valoriza 0,56% para os 21,55 euros, a Corticeira Amorim com uma subida de 0,38% para os 10,64 euros e a Galp Energia com uma valorização de 0,24% para os 9,89 euros. “Os principais índices acionistas europeus foram contagiados pelo otimismo da abertura de Wall Street e encerraram na sua maioria em alta. https://eco.

As declarações de Christine Lagarde de que o Banco Central Europeu tem todos os motivos para não responder com tanta força quanto o banco central norte-americano à escalada da inflação foi outros dos triggers para as praças europeias e acabou por ofuscar a confirmação de que a inflação da zona euro atingiu os 5% no mês de dezembro”, refere o analista de mercados do Millenium investment banking , Ramiro Loureiro.sapo. Ainda no setor da energia, a casa-mãe EDP recua 0,45%, para 4,46 euros por ação, enquanto a Galp Energia desliza ligeiramente 0,02%, para 9,87 euros, depois de o petróleo ter atingido máximos de sete anos. Nas principais bolsas europeias, na Alemanha, o DAX cresceu 0,64%, no Reino Unido, o FTSE 100 caiu 0,09%, o francês CAC 40 valorizou 0,30%. Nos Países Baixos, o AEX impulsionou 0,74%, em Espanha, o IBEX35 aumentou 0,46% e em Itália o FTSE MIB subiu 0,69%.. A cotação do barril de Brent valoriza 0,69%, com valor de 89,05 dólares, enquanto a cotação do crude WTI cresce 0,90%, para 86,57 dólares por barril. O Stoxx 600, que serve de referência para a Europa, está a cair 0,09%. No mercado cambial o euro desvaloriza 0,05%, para 1,13 dólares. Assine o ECO Premium No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso. Assine o ECO Premium No momento em que a informação é mais importante do que nunca, apoie o jornalismo independente e rigoroso.

.