Discutir acesso à inovação e cuidados de saúde

Discutir acesso à inovação e cuidados de saúde

02/12/2021 03:31:00

Discutir acesso à inovação e cuidados de saúde

Encontro anual GSK/ViiV Healthcare para Associações de Doentes realiza-se pelo segundo ano consecutivo em modo virtual. O acesso dos doentes podem aceder às melhores práticas na medicina.

© EPA/RAFAL GUZ"Queremos contribuir para a maior capacitação dos responsáveis e representantes de associações de pessoas com doença crónica". Com esta afirmação, Guilherme Ferreira, diretor de Acesso ao Mercado e Relações Externas da multinacional farmacêutica GSK resume a iniciativa de amanhã que pretende"proporcionar espaço de formação, informação e discussão com especialistas de diferentes áreas e matérias consideradas críticas para estas estruturas". A conclusão é ter associações de doentes mais atuantes e bem-sucedidas na missão de defender os interesses dos associados.

O tema central da iniciativa, realizada pelo segundo ano consecutivo em modo virtual, centra-se no acesso à inovação. Contundente, Guilherme Ferreira explica que o assunto não pode continuar a ser visto apenas pelo lado frio dos números."A grande preocupação, senão a única, das autoridades de saúde é com os custos e gastos do Serviço Nacional de Saúde. Devemos privilegiar o interesse superior dos doentes e tomar decisões com base nos ganhos de saúde que a inovação proporciona".

Cuidar Mais da Saúde MentalO"Encontro Anual GSK / ViiV Healthcare Para Associações de Doentes" é a versão portuguesa de uma iniciativa global da GSK que ao longo de quase 10 anos contou com a participação de mais de 250 representantes e quase uma centena de associações de doentes. Maria do Rosário Zincke, presidente da Plataforma Saúde em Diálogo da qual fazem parte 56 associações, quase todas de doentes, mas também associações de promotores de saúde, de profissionais de saúde e até de consumidores, vai questionar o acesso à inovação e aos cuidados de saúde, em Portugal, no período pós pandemia. Por antecipação disse ao DN que coloca a saúde mental no topo das preocupações."Entre todos os problemas que a pandemia agravou, atrevo-me a dizer que a saúde mental já de si muito vulnerável tem vindo a agravar-se, e muito, nestes momentos conturbados, em que as pessoas saem das rotinas, e têm de se dedicar a múltiplas tarefas, nomeadamente, à tarefa de cuidar de quem lhe está mais próximo". headtopics.com

Consulte Mais informação: Diário de Notícias »

Portugal com 19 casos da nova variante Ómicron. Estão todos ligados à Belenenses SADSociedade - Portugal com 19 casos da nova variante Ómicron. Estão todos ligados à Belenenses SAD BOLSONARO ESTÁ QUEIMANDO E DESTRUINDO AS FLORESTAS DO BRASIL.SEM NATUREZA NÃO HÁ VIDA VOCÊ PODE ME ENTENDER? A AMAZÔNIA E AS FLORESTAS DO BRASIL ESTÃO SENDO DESTRUÍDAS! ISSO VAI CAUSAR CRISES CLIMÁTICAS,SECAS,INUNDAÇÕES, FALTA DE ÁGUA,POLUIÇÃO E MORTES NO BRASIL. 'OXOSSI ' Está senhora diz cada disparate que ainda não sei como seguem acreditar nesta senhora e seu covid-19 Se estão todos lá, proponho cerco sanitário à capital.

Covid-19: 70% dos internados nos cuidados intensivos em Lisboa não estão vacinadosEsta quarta-feira foi registado o número mais alto de novos casos desde fevereiro. Que paguem o hospital agora! Deviam ir para o privado e pagar o internamento a ver se a teimosia compensa Vaccinated people are spreading the virus. Because the unvaccinated are unable to travel, so we have to isolate the vaccinated to stop the advance of the virus.

Covid-19: GNR faz controlo aleatório nas fronteiras terrestresMedidas de combate à pandemia apertam a partir desta quarta-feira. Vaccinated people are spreading the virus. Because the unvaccinated are unable to travel, so we have to isolate the vaccinated to stop the advance of the virus.

“Só me queriam dar a AstraZeneca.” Ilda tinha “horror àquela vacina” e, por isso, esperou um ano para tomar a primeira dose (da Moderna)No arranque do maior centro de vacinação do país, a manhã deste feriado foi de longas filas, mesmo antes da abertura de portas. O cenário à tarde mudou consideravelmente. Com capacidade para inocular diariamente seis mil pessoas, o centro na FIL, em Lisboa, já tinha tinha vacinado mais de metade a meio da tarde. A organização aponta melhorias a fazer, enquanto alguns se queixam de falta de clareza na comunicação das autoridades de saúde

PSP acionada para manifestação de trabalhadores junto à empresa Armasul no SeixalSociedade - PSP acionada para manifestação de trabalhadores junto à sede da empresa Armasul

Requalificação do Mosteiro de Odivelas está em marcha e promete dar ″sangue novo″ à cidadeNuma visita guiada ao histórico monumento nacional, o autarca Hugo Martins explicou ao DN o projeto que deverá estar concluído no final de 2023. Apresenta a remodelação do mosteiro fundado pelo rei D. Dinis como 'uma revolução' que visa o relançamento cultural do concelho e dará à população novas áreas de lazer e de conhecimento.