Covid-19: CDS interpela hoje Governo sobre gestão da pandemia pós-estado de emergência

Covid--19: CDS interpela hoje Governo sobre gestão da pandemia pós-estado de emergência

18/06/2021 12:07:00

Covid--19: CDS interpela hoje Governo sobre gestão da pandemia pós-estado de emergência

Partido quer fazer a avaliação do processo de vacinanação e dos apoios à recuperação económica e social.

O Parlamento debate hoje a gestão da pandemia no pós-estado de emergência, numa interpelação suscitada pelo CDS-PP, que quer fazer a avaliação do processo de vacinanação e dos apoios à recuperação económica e social.

Gustavo Ribeiro brilha e garante final no skate Milhares nas ruas do Brasil para exigir destituição de Bolsonaro Teresa Bonvalot faz história e apura-se para os 'oitavos'

O debate contaa com a presença de três secretários de Estado: Adjunto e da Economia, João Neves, Adjunto e da Saúde, António Sales e da Inclusão das Pessoas com Deficiência, Ana Sofia Antunes.O líder parlamentar do CDS-PP, Telmo Correia, defendeu, em declarações à Lusa, que o parlamento discutiu e votou durante meses as declarações de estado de emergência e os respetivos relatórios, mas há"uma avaliação que tem de ser feita" no pós-estados de emergência.

"Do que é que foi feito de então para cá, do que é que está a acontecer, do que é que correu mal e está a correr muito mal e também de um ou outro aspeto que esteja a correr bem, como é evidente. Desde o fim do estado de emergência não temos este tipo de debates e achamos que este debate faz todo o sentido, designadamente no fecho do ano parlamentar", sustentou. headtopics.com

Um outro aspeto que o CDS-PP quer ver explicado pelo Governo será a situação pandémica de Lisboa, um dia depois de o Governo ter imposto novas restrições neste território, devido à subida de casos covid-19, disse

"Nós temos ouvido várias explicações, desde os festejos futebolísticos, à questão dos jovens e dos eventos, há um conjunto de explicações. (...) Isto é uma interpelação ao Governo portanto nós queremos que o Governo nos explique na perspetiva do Governo exatamente o que é que falhou, e depois obviamente saber o que é que se vai fazer daqui para a frente", adiantou.

Outro dos temas que estará em debate é o funcionamento dos certificados digitais de vacinação contra a covid-19, que Portugal começou a emitir esta semana."Por outro lado, um caso que é estranho e sobre o qual também não há dados que é estão a aparecer muitos casos com pessoas vacinadas e nalguns casos vacinadas com as duas doses. Menos letalidade, é certo, e isso é positivo, mas o que é que explica isso e se há ou não estatística sobre isso. Nós sabemos que a cobertura da vacina, nenhuma delas é total, mas a impressão que temos é que existem muitos casos de vacinados", apontou.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 3.835.238 mortos no mundo, resultantes de mais de 176,9 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP. Consulte Mais informação: SIC Notícias »

Tholos do Barro. Valorizar sepultura megalítica com cinco mil anos

Jornalista irlandesa banida do Instagram por espalhar teorias da conspiração sobre a covid-19

Covid-19. ''Estamos numa nova fase da pandemia''Tiago Correia, professor de Saúde Pública Internacional, na Edição da Tarde da SIC Notícias. Finalmente alguém que afirma que não sabe em vez de lançar palpites.Que o desconfinamento está mais rápido que a vacinação.Acrescento,pelos nrs. de hoje que a Delta está km à frente do ritmo de vacinação.O encurtar o prazo entre doses da AstraZeneca,parece importante nesta fase.

Covid-19: Doentes internados devem ser estudados para se perceber variantesSegundo António Diniz, o aparecimento de uma nova variante, a Delta, associada à Índia, vem perturbar o processo normal de vacinação que estava a decorrer e “vem obrigar a repensar o jogo” porque é uma estirpe “mais resistente” às vacinas e mais tra

Saiba como aceder ao certificado digital da covid-19Portugal já começou a emitir os primeiros certificados.

Reino Unido vai exigir vacinação contra a Covid-19 a funcionários de lares de idososMatt Hancock afirma que funcionários não imunizados colocam em risco a vida das pessoas que os rodeiam.

Portugal com seis óbitos e 1.350 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horasO número de vítimas mortais é 17.055, enquanto o total de casos confirmados subiu para 860.395.