Conservadores da Áustria elegem Karl Nehammer como novo chanceler

Karl Neehammer, Opv

03/12/2021 23:15:00

Conservadores da Áustria elegem Karl Nehammer como novo chanceler

Quer partilhar este artigo?Karl Neehammer, chanceler nomeado da ÁustriaParlamento da República da ÁustriaO até agora ministro da Administração Interna e defensor de uma linha dura para com a imigração ilegal, foi escolhido para liderar o Partido Popular da Áustria, OPV e a coligação com os Verdes, após a demissão do chanceler Alexander Schallenberg, empossado há menos de dois meses.

Karl Nehammer anunciou ele próprio a nomeação para o cargo por parte do partido. “É um privilégio para mim, poder liderar este novo OPV agora”, reagiu.Não foi anunciado o dia da tomada de posse e juramento que deverá no entanto ocorrer na próxima semana. Nehammer vai liderar a atual aliança governamental. O vice-chanceler Werner Kogler (Verdes) já fez saber que a parceria com o OPV se mantém tal como a sua equipa.

O chanceler nomeado promete manter a prioridade da governação nos temas de lei e da ordem que levaram Kurz ao poder por duas vezes em eleições legislativas desde 2017.“Considero importanteenquanto novo líder do Partido Popular manter as nossas linhas, que digamos claramente o que é necessário quanto às questões de migração e de asilo, quando está em causa a segurança dos nossos cidadãos no nosso país headtopics.com

Marques Mendes considera campanha 'simples e eficaz' de Rui Rio peça importante para aproximação do PSD e ao PS

”, afirmou Nehammer.Antigo secretário-geral do OPV, aos 49 anos Nehammer tem a reputação de linha dura com a migração, em linha com Kurz.Foi ainda um dos principais líderes no combate à pandemia de Covid-19 no país, outra prioridade para o novo executivo

. A Áustria está sob confinamento enquanto as autoridades procuram levantar a pressão sobre os hospitais a braços com níveis elevados de internamentos causados pelo crescimento no número de contágios.Nehammer apelou os austríacos a unirem-se para vencer o coronavírus. “

Solidariedade é um dos valores fundamentais da filosofia social cristã e torna-se evidente especialmente em tempos de crise”, lembrou.Terceiro chanceler em dois mesesO chanceler nomeado garantiu ainda que irá trabalhar com o Presidente austríaco, Alexander Van der Bellen, para nomear o mais depressa possível o seu gabinete, com os analistas a considerarem pouco provável que Van der Bellen se oponha a qualquer das escolhas de Nehammer.

Investimentos alternativos. Opções para todos os gostos

Sabe-se já que o novo chanceler irá dar a pasta das Finanças a Magnus Brunner, enquanto Schallenberg irá regressar ao Ministério dos Negócios Estrangeiros, do qual se afastou para assumir o posto de chanceler em substituição de Kurz. headtopics.com

Nehammer será o terceiro chanceler austríaco em menos de dois meses, devido àsconvulsões no seio do partido conservador, provocadas por investigações de corrupção a Sebastian Kurz.Este demitiu-se de chanceler mas manteve-se líder do OPV e da bancada parlamentar dos conservadores até esta quinta-feira, quando anunciou o abandono da vida política para se dedicar ao seu filho recém-nascido e devido ao

stressda investigação.Nas horas seguintes, dois dos seus aliados mais próximos no OPV e no executivo, Alexander Schallenberg e Gernor Blümmel, ministro das Finanças, apresentaram igualmente a demissão.Schallenberg justificou a decisão com a necessidade de unir numa só pessoa as funções de chanceler e de líder dos conservadores.

Mais de 13 mil pessoas em confinamento e idosos pediram para votar

“Não é a minha intenção nem nunca foi o meu objetivo assumir a liderança do Partido Popular Austríaco”, garantiu numa publicação na rede Twitter o sucessor de Kurz no governo do país.“Sou firmemente de opinião que ambos os cargos – líder do Governo e líder do partido mais votado na Áustria – sejam rapidamente reunidos” sob a mesma pessoa, afirmou.

Ao aceitar ambas as incumbências, Nehammer disse “respeitar enormemente Sebastian Kurz que me abriu caminho como novo líder do partido” e considerou “incrivelmente imenso” o que o ex-líder popular alcançou enquanto ocupou o cargo.A queda de Kurz headtopics.com

Kurz, uma das figuras mais marcantes e desafiadoras da política austríaca dos últimos anos, foi eleito chanceler em 2017 à boleia do combate firme à imigração ilegal. Na altura coligou-se com o Partido da Liberdade, de extrema-direita.

A sua estrela começou a perder o brilho quando a procuradoria austríacao acusou e a nove colaboradores, assim como o OPV, de má gestão e de uso indevido de fundos públicospara realização de sondagens manipuladas e subornos a jornalistas para estas serem publicadas.

Apesar de reiterar a sua inocência, Kurz, de 35 anos, pediu para ser exonerado do cargo de chanceler dia nove de outubro e indicou Schallenberg, o seu ministro dos Negócios Estrangeiros, como sucessor. Este tomou posse dois dias depois.As sondagens indicam que o OVP perdeu desde então pelo menos 10 pontos percentuais

face aos seus rivais políticos mais próximos, os social-democratas, estando ambos agora praticamente empatados nas intenções de voto.A substituição de Kurz e agora a nomeação de Nehammer  permitiram contudo a continuidade da solução governativa da Áustria.

Na posse de Schallenberg, a 11 de outubro, o Presidente Van der Bellen lembrou aos líderes do executivo a sua "grande responsabilidade" em virtude do escândalo de corrupção "para que seja recuperada a confiança da população".

Nem o OPV nem os Verdes querem eleições antecipadas, uma vez que as sondagens sugerem que ambos iriam perder representação. As tensões internas no seio da aliança executiva são contudo graves e poucos analistas antecipam a sua sobrevivência até ao fim do mandato em 2023.

Consulte Mais informação: RTPNotícias »

Atual ministro do Interior da Áustria nomeado como novo chancelerEx-chanceler Sebastian Kurz anunciou na quinta-feira a saída da vida política e, portanto, da liderança do partido.

Conservadores austríacos já escolheram novo chefe do GovernoActual ministro do Interior, Karl Nehammer, é o senhor que se segue, depois de Kurz anunciar o abandono da política e do dirigente que escolhera para o substituir anunciar que dava lugar ao novo líder do partido.

Já há data para a chegada ao poder do novo chanceler alemãoPondo termo aos 16 anos de Angela Merkel.

Emma Dante: ″Os espectadores portugueses são muito calorosos e participativos″Depois da peça 'La scortecata', Emma Dante estreia em Portugal o novo filme, 'As irmãs Macaluso'.

Siza Vieira. ″Não vale a pena ter um aeroporto se não houver TAP″Ministro da Economia considera incapacidade de decisão sobre o novo aeroporto de Lisboa 'mesmo lamentável'. Siza Vieira. 'Não vale a pena ter um aeroporto se não houver TAP' Escândalo O Luxemburgo tem aeroporto mas não tem companhia aérea? Ah! Um homem inteligente. Só pode ser do PS! Ah !?!? Então é por isso que ainda não há aeroporto novo! Ainda não se sabe se vamos ter TAP ou não !!! 😂😂😂🙏🙏

Governo aprova novo regime das empresas de investimento incorporando objetivos de sustentabilidadeRecorde-se que esse era um dos diplomas propostos pela Comissão de Mercado de Valores Mobiliários ao Ministério das Finanças com vista à simplificação regulatória e aumentar a competitividade.