Botellón, Ano Novo, Madrid

Botellón, Ano Novo

'Botellón', festas, e gritos de 'liberdade': Espanhóis invadiram as ruas após fim do estado de emergência

Mundo - 'Botellón', festas, e gritos de 'liberdade': Espanhóis invadiram as ruas após fim do estado de...

09/05/2021 19:33:00

Mundo - ' Botellón ', festas, e gritos de 'liberdade': Espanhóis invadiram as ruas após fim do estado de...

Milhares de pessoas em Barcelona, mais de 450 intervenções policiais em Madrid e 16 detidos em Palma. Espanha voltou à rua sem regras de segurança.

17:31Os espanhóis voltaram às ruas esta madrugada, após o fim do estado de emergência e do recolher obrigatório, sem regras e com milhares de pessoas reunidas. Os 'botellons' voltaram, as festas e muitos foram os gritos de"liberdade" num evento que mais parecia uma véspera de Ano Novo pré-pandemia.

Fernando Santos confiante na vitória cita Pinto da Costa ''Se houver reações negativas, problema deles'' Neemias Queta começa em grande o NBA Draft Combine: as melhores jogadas do poste português

Apesar do levantamento das medidas restritivas, Espanha ainda conta com dados preocupantes. A incidência começou a cair mais ainda é uma tendência decrescente muito precoce.A milhares de pessoas em Barcelona, as mais de 450 intervenções policiais em Madrid para controlar os aglomerados e 16 detidos em Palma podem muito bem resultar num retrocesso para o país vizinho no que à Covid-19 diz respeito.

O fim das restrições na capital espanhola teve como palco emblemática praça Puerta del Sol que costuma ser um dos principais cenários de passagem de ano. Esta madrugada em vez de passas houve latas de cerveja, centenas de pessoas reunidas em festejos, mesmo que Madrid ainda conte com uma incidência acumulada de 317 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias, representando um alto risco de contágio. headtopics.com

Consulte Mais informação: Correio da Manhã »

C/ a euforia gerada, dá-me a sensação, mesmo c/as vacinas o caminho é mais longo do q se pensava. Ñ há motivos p/ festa,a pandemia ñ acabou, pode ser a antevisão do LAXISMO. Em Portugal o mind-set é cada vez + similar a isso. Uma das razões, creio eu, q estava por trás da explosão de casos de COVID-19 em janeiro foi que o surto no outono não foi totalmente medido, (-) testes.

Com toda essa displicência não vão demorar muito e já lá estão outra vez. 🤨Oxalá eu me engane.🤔

'Botellón', festas, e gritos de 'liberdade': Espanhóis invadiram as ruas após fim do estado de emergênciaMilhares de pessoas em Barcelona, mais de 450 intervenções policiais em Madrid e 16 detidos em Palma. Espanha voltou à rua sem regras de segurança.

Milhares de pessoas saíram às ruas de Espanha para festejar fim do estado de emergênciaMilhares saíram às ruas de Espanha para festejar fim do estado de emergência

Espanhóis saíram à rua para festejar fim do estado de emergênciaMilhares de espanhóis comemoraram, em Barcelona, assim como em outras regiões do país, a suspensão do estado de emergência desde a meia-noite. Medida vigorava desde outubro em Espanha. LAXISMO E A ANTEVISÃO DE UMA PANDEMIA PROLONGADA MESMO COM VACINAÇÃO COMPLETA. NÃO TENHO NENHUM PUDOR EM SER UM DESMANCHA-PRAZERES, ALÉM DISSO ALGUÉM C/ JUÍZO TEM QUE DIZER AS COISAS COMO ELAS SÃO, MESMO Q NÃO GOSTEM.

«As imagens que envergonham»: espanhóis celebram fim do estado de emergênciaVídeos - «As imagens que envergonham»: espanhóis celebram fim do estado de emergência

“Botellones”, “fiesta”, detenções, “imagens lamentáveis”: espanhóis celebraram o fim do estado de emergência“Os botellones e as festas sem medidas de segurança tomam conta das ruas no fim do estado de emergência”, titula Calem a boca de uma vez por todas seus jornaleiros fracos e vendidos! Não valem nada! São lixo! E fazem muito bem. Lidem com isso malditos jornalistas mercadores do medo. O que me assusta é esta gente que vem insultar jornalistas, e esses que fazem festas como se já não houvesse pandemia!! Não têm olhos na cara para ver o que se passa na Índia? Têm a memória curta para a quantidade de morte também na Europa?