BEI dá 75 milhões de garantia ao Deutsche Bank para financiar PME

BEI dá 75 milhões de garantia ao Deutsche Bank para financiar PME

08/12/2021 23:30:00

BEI dá 75 milhões de garantia ao Deutsche Bank para financiar PME

O BEI concedeu uma garantia de 75 milhões de euros para o Deutsche Bank financiar as PME alemãs afetadas pela Covid-19. Trata-se de uma das primeiras titularizações sintéticas do FEI sob o novo padrão STS (de transparência e simplificação) e uma das primeiras no mercado.

O Grupo Banco Europeu de Investimento (BEI) forneceu uma garantia de 75 milhões de euros ao Deutsche Bank. A garantia proporcionará que o maior banco de retalho na Alemanha, o Deutsche Bank, conceda novos empréstimos de 300 milhões de euros para pequenas e médias empresas (PME) e mid-caps.

A operação tem em vista ajudar as empresas de pequena dimensão a recuperar da escassez de liquidez causada pela crise da Covid-19.Esta operação foi estruturada para cumprir os requisitos STS (simple, transparent and standardised) para titularizações sintéticas. “É uma das primeiras transações a se enquadrar nas novas regras para titularizações sintéticas simples, transparentes e padronizadas (STS), que foram adotadas pelo Parlamento Europeu em abril de 2021. Os critérios STS para titularizações sintéticas estão a promover um rótulo comum associado a transações de alta qualidade para fins de libertação de capital”.

A transação beneficia do apoio do Fundo Europeu para Investimentos Estratégicos (FEIE). O FEIE é o pilar central do Plano de Investimento para a Europa, no qual o Grupo BEI e a Comissão Europeia são parceiros estratégicos para mobilizar investimentos na economia europeia. O Grupo BEI é constituído pelo Banco Europeu de Investimento (BEI) e pelo Fundo Europeu de Investimento (FEI), que concede empréstimos a pequenas empresas em condições favoráveis. headtopics.com

Grécia olha para Afonso Sousa (Belenenses SAD)

O FEI emitirá uma garantia de 75 milhões de euros ao Deutsche Bank cobrindo a tranche mezzanine [tranche entre senior e subordinada] de uma carteira de empréstimos de mil milhões de euros numa estrutura de securitização sintética.

Uma contragarantia (back-to-back) do BEI espelhará totalmente as obrigações do FEI, de modo que o BEI cubra o risco de crédito relacionado com a tranche mezzanine que será desembolsada através do Deutsche Bank em benefício das PME alemãs.

“Ao fornecer uma garantia ao Deutsche Bank para o benefício final das PMEs e mid-caps, o Grupo BEI está complementando os apoios nacionais de resposta ao Covid-19”, diz em comunicado, o vice-presidente do BEI, Ambroise Fayolle, que é responsável pelas operações na Alemanha.

José Ornelas será o novo bispo de Leiria-Fátima

O Chefe do Executivo do FEI, Alain Godard, acrescentou: “O FEI tem o prazer de trabalhar com o Deutsche Bank e o BEI para fornecer acesso adicional ao financiamento para as PME e empresas de média capitalização. A combinação da experiência de investimento e estruturação do FEI com a implementação eficiente dos fundos do FEIE pelo BEI oferece uma solução de financiamento competitiva para o Deutsche Bank que servirá para impulsionar a oferta de financiamento na economia real”. headtopics.com

Paolo Gentiloni, Comissário Europeu para a Economia, disse na mesma nota que a União Europeia está continuamente a trabalhar para apoiar as PME e mid-caps em toda a Europa “que desempenham um papel tão central na nossa economia”.“Graças a esta garantia fornecida pelo Plano de Investimento para a Europa e pelo Grupo BEI, o Deutsche Bank poderá conceder novos empréstimos a empresas na Alemanha, ajudando-as a investir, criar empregos e impulsionar a recuperação da crise Covid-19”, acrescenta.

Consulte Mais informação: Jornal Económico »

Uber Eats serve 75% da população nacional e tem parceira com mais de 8.800 restaurantesNo início da operação, que data de 2017, o Uber Eats tinha apenas 90 restaurantes em parceria.

Unicef lança o maior apelo financeiro de sempre para ajudar criançasO apelo, no valor de 9,4 mil milhões de dólares, tem como objetivo apoiar programas essenciais para mais de 177 milhões de crianças.

O que espera ao F. C. Porto depois de esbanjar 9,6 milhõesDragões têm de disputar um play-off para chegarem aos oitavos de final da Liga Europa. esbanjar? Taremi tem andado lento/apático e sem garra. Zaidu continua a desiludir. O Porto não soube aproveitar várias oportunidades para provocar penalti. Sérgio Conceição não deixa de ter alguma culpa. MAS... também jogou contra DUAS EQUIPAS REPLETAS DE MANHOSOS. FORÇA...PORTO SEMPRE.

Universidade de Coimbra com 1,2 milhões de euros para estudar autismoInvestigação será concretizada por um consórcio internacional liderado por cientistas da Universidade de Coimbra, terá uma duração de três anos e vai estudar quais as células do cérebro que têm um papel principal no autismo

Mais de 3 mil investidores emprestam 40 milhões de euros à SAD do SportingObrigações do Sporting dão juros de 5,25% a quem fez a aplicação. Para o Sporting permitirá reembolsar dívida e financiar atividade corrente