Tiros, Eua, Filmes, Artes, Donald Trump, Saturday Night Live, Halyna Hutchins, Joel Souza, Alec Baldwin, Bonanza Creek

Tiros, Eua

Ator Alec Baldwin ​​​​​​​matou uma pessoa a tiro durante rodagem de filme

Ator Alec Baldwin ?mata uma pessoa a tiro durante rodagem de filme

22/10/2021 09:21:00

Ator Alec Baldwin ?mata uma pessoa a tiro durante rodagem de filme

O ator norte-americano Alec Baldwin matou acidentalmente a diretora de fotografia do filme que estava a rodar, ao disparar uma arma de adereço que não devia estar carregada, afirmou hoje a polícia local.

As vítimas foram atingidas quando"disparou uma arma de fogo utilizada para as filmagens" de"Rust", tendo sido já iniciada uma investigação, de acordo com um comunicado do gabinete do xerife de Santa Fé.O acidente ocorreu durante a tarde (hora local) de quinta-feira, no rancho de

Novavax anuncia vacina contra a Ómicron para janeiro Novas tabelas do IRS isentam de imposto salários e pensões até 710 euros Catarina Martins defende aumento de ″todos os salários″

Bonanza Creek, onde estavam a ser filmadas várias cenas do"western", do qual Baldwin era produtor e protagonista.De acordo com os investigadores, que se deslocaram ao local, o incidente parece ter sido causado pela utilização, como adereço, de uma arma de fogo, disparada durante uma cena do filme.

"Os investigadores estão a investigar que tipo de bala foi disparada e como", acrescentou o comunicado, sem referir quantos tiros foram disparados. Consulte Mais informação: Jornal de Notícias »

O Futuro do PSD

Escolhemos seis questões que determinam o futuro do PSD e sobre elas questionámos os dois candidatos a presidente do partido, que será eleito a 27 de Novembro

Até tirei print para mostrar aos meus amigos no estrangeiro a vergonha de jornalismo que temos Custava muito colocar a palavra ACIDENTALMENTE logo após a palavra 'mata'? Portagens como essa apenas corroboram para a crescente desconfiança na media. Sejam sérios, e conseguirão mais leitores. O nome completo está na net: Alexander Rae Baldwin III

Vocês não mudem de teclado, não.....

Klopp furioso com jornalista: «Eu não sou idiota e tu não és uma boa pessoa»Treinador do Liverpool perde as estribeiras em entrevista após vitória frente ao Atlético Madrid Nada que o Grupo Cofina não saiba o que é ... Ser jornalista ñ implica relatar histórias que ñ acontecem ou inventar narrativas, como estão habituados

Covid-19. Maioria dos juízes exerceu funções em teletrabalho no primeiro confinamentoDados foram apresentados por uma equipa de investigação, coordenada por Paula Casaleiro, do Observatório Permanente da Justiça, durante o XV Encontro Anual do Conselho Superior da Magistratura

″Portugal tem uma hipótese fantástica de poder liderar esta transição para uma sociedade carbono zero″choosezero foi o tema da intervenção de Pedro Diaz Gaspar, diretor de Future Business Technology do Ceiia, e na qual apresentou o AYR, uma plataforma de sustentabilidade criada pelo Centro de Engenharia e Desenvolvimento de Produto que recompensa as pessoas e comunidades por não emitem CO2. Esta plataforma foi premiada pela Google e esta parceria irá ajudar na sua aplicação em várias cidades do mundo. maravilha destruição do tecido industrial, do que resta, preços altos e uma ilusão que o mundo vai acabar.....entretanto arranjamos mangaruças com o litio e destruímos o meio ambiente.

Mulher que matou o filho autista em Mirandela condenada a 10 anos de prisãoFátima Martinho, a mulher de 52 anos que, no verão do ano passado, atirou o filho autista a um poço e desceu para o afogar, na aldeia de Cabanelas, em Mirandela, foi esta quarta-feira condenada a 10 anos de prisão. Só? A justica wm Portugal é um circo ambulante Deveria ter sofrido semelhante destino ao do filho...

Uma coleção de arte clássica que é também a história de amor de um casal alemãoNo Museu D. Diogo de Sousa, em Braga, abre ao público uma rara coleção com 300 obras da antiguidade clássica doada por um casal alemão de colecionadores residente em Portugal. Tudo começou com um simples cartão deixado na receção do museu.

Promoção da Greenvolt ao PSI-20 deixou índice (ainda) mais verdeA Greenvolt apresenta uma ponderação de perto de 2% no índice de referência nacional. Juntando-se às cotadas do Grupo EDP, o peso das renováveis sobe para 24,31%.