Eua, Democracia, Capitólio, Ataque, Donald Trump, Joe Biden, Extrema-Direita, Populismo, Partido Republicano, Partido Democrata, Filosofia Política, João Cardoso Rosas, Viriato Soromenho-Marques

Eua, Democracia

Até onde estica a democracia?

Na próxima semana, quando Joe Biden tomar posse como Presidente dos Estados Unidos, herda um país profundamente dividido, com reputação internacional enfraquecida e em risco de entrar numa espiral de violência

16/01/2021 14:05:00

Na próxima semana, quando Joe Biden tomar posse como Presidente dos Estados Unidos, herda um país profundamente dividido, com reputação internacional enfraquecida e em risco de entrar numa espiral de violência

Na próxima semana, quando Joe Biden tomar posse como Presidente dos Estados Unidos, herda um país profundamente dividido, com reputação internacional enfraquecida e em risco de entrar numa espiral de violência. Depois do ataque ao Capitólio nada ficará igual. A democracia americana foi atingida no coração e não será fácil recuperar deste golpe. Os filósofos políticos João Cardoso Rosas e Viriato Soromenho-Marques refletem sobre como a maior democracia do mundo poderá sobreviver a esta crise.

...Os olhos do mundo vão estar virados para Washington na próxima quarta-feira, dia em que decorrerá a cerimónia de tomada de posse de Joe Biden como 46.º Presidente dos Estados Unidos da América. O homem que foi vice-presidente de Obama sabia desde o início que teria uma tarefa dura pela frente ao suceder a Donald Trump na Casa Branca. Mas no dia 6 de janeiro, quando o Congresso foi invadido e vandalizado por civis de extrema-direita apoiantes de Trump,

Costa imune ao descontrolo da pandemia. Popularidade de Marcelo dispara Pandemia deixa milhares de crianças órfãs ''Na segunda quinzena de março, poderá haver um início de desconfinamento'' Consulte Mais informação: Jornal de Negócios »