Rtp, Notícias, Rtp Notícias

Rtp, Notícias

As linguagens dos cinemas nazi e soviético na génese do cinema do Estado Novo

30/09/2020 16:59:00

As linguagens dos cinemas nazi e soviético na génese do cinema do Estado Novo - RTP Notícias

Quer partilhar este artigo?cancelarFundação António QuadrosNum novo ensaio, a investigadora e jornalista Maria do Carmo Piçarra sintetiza o papel do cinema nazi e soviético, no cinema de propaganda do Estado Novo em Portugal.VER MAIS

Eleitores receberam e-mails com ameaças de perseguição caso não votem em Trump Cancelo: «Critério do árbitro não foi igual, à mínima falta levávamos logo amarelo» Alemanha decreta confinamento por duas semanas na Baviera

Reaparece um país de tradições rurais, com gente trabalhadora sem meios para trocar as voltas à sorte e exposto ao discurso que a máquina política de Portugal dos anos de 1930 começava a fabricar:é este o guião do mais recente livro da autora, intitulado "Projectar a Ordem - Cinema do Povo e Propaganda Salazarista 1935-1954"

.Desde 2006 que Maria do Carmo Piçarra tem publicado ensaios sobre a utilização do cinema na propaganda do Estado Novo.A apresentação do livro decorre esta quarta-feira na Livraria Linha de Sombra (na Cinemateca Portuguesa em Lisboa), às 19h00. Segue-se, às 21h30, a apresentação na Esplanada dos filmes "Jornal Português nº 52" e "Aniki-Bobó", numa reconstrução de uma sessão do "Cinema do Povo" - mais de 80 anos depois das primeiras, realizadas em Lisboa em 1936.

Maria do Carmo Piçarra analisou profundamente o Fundo do SNI - Secretariado Nacional da Informação na Torre do Tombo.Num livro dividido por cinco capítulos, começa por enquadrar a forma como o cinema acaba por ser o veículo perfeito para a "política do Espírito" de António Ferro. Com falta de produção nacional, o Governo português de então estabelece contactos com a Alemanha para mostrar erm Portugal «filmers que façam a apologia dos Estados fortes», refere MaRia do Carmo Piçarra.

Foto: José da Costa RamosHá dois filmes que se destacam, na história do cinema ambuulante em Portugal: "A Revolução de Maio" (1937) e "O Feitiço do Império" (1940), ambos realizados por António Lopes Ribeiro. Ele que se assumiu como o realizador do regime salazarista, tinha grandes projectos para uma expansão internacional do cinema português, mas não convenceu o regime a suportar os gastos desse grande projecto.

Mesmo assim, viajou até à Alemanha e depois à então União Soviética. E de lá trouxe o modelo do cinema soviético que, noutros países como França e Inglaterra, já fazia caminho - na forma de veicular a propaganda das diversas potências europeias.

Ironias da história: o Estado Novo usa a linguagem do cinema soviético para enfraquecer e imobilizar o progresso da ideologia comunista em Portugal.Foto: José da Costa RamosO "Cinema do Povo" está na estrada a partir de 1936 e até 1954. Percorre as aldeias e vilas de Portugal, com o objectivo de combater o comunismo, promover o corporativismo e as Casas do Povo. Um método eficaz, sem muitos meios financeiros envolvidos.

''Não é um reality show, é a realidade''. Obama acusa Trump de não levar cargo a sério Espanha é o primeiro país europeu a atingir um milhão de casos de covid-19 Covid-19. Marcelo avisa que crise sanitária vai durar muitos meses Consulte Mais informação: RTPNotícias »

Ex-jogador do Benfica em estado grave após queda em falésia no ChipreCarlitos, de 27 anos, e a namorada, de 22, sofreram acidente quando passeavam de moto 4 e caíram de um penhasco com mais de 40 metros no Chipre. Jogador fez parte da formação no Benfica.4

Mantém-se o impasse no alargamento da ADSE a todos os trabalhadores do EstadoHá três anos que se arrasta a prometida abertura do subsistema de saúde público aos funcionários do Estado com contrato individual de trabalho. Conselho Diretivo do instituto avançou com uma proposta que ainda não obteve acordo junto do Conselho Geral e de Supervisão, mas ainda há esperança de ser atingido o consenso

Irão acusa EUA de terem abatido o principal inimigo do Estado Islâmico

O plano “estatocêntrico” de Costa: recuperar o Estado sem relançar a economiaCosta e o seu governo preferem infelizmente quedar-se por um exercício orçamental gigante que mistura algum do delírio “socrático” com doses substanciais do “assistencialismo” da geringonça. Enterrar milhões nas empresas do estado, e nas empresas q financiam os partidos. Queres ver que este do do partido que se diz opotso faria melhor ?!! É que são farinha do mesmo saco .

Vários mortos em tiroteio no estado norte-americano do OregonMundo - Vários mortos em tiroteio no estado norte-americano do Oregon

Vários mortos em tiroteio no estado norte-americano do OregonDe acordo com o gabinete do Xerife do Condado de Marion, vários policias deslocaram-se para o local depois de terem recebido uma chamada a alertá-los para uma possível situação com reféns