Agência de segurança sueca investiga drones que sobrevoaram centrais nucleares

Agência de segurança sueca investiga drones que sobrevoaram centrais nucleares

17/01/2022 22:47:00

Agência de segurança sueca investiga drones que sobrevoaram centrais nucleares

Os três drones eram suficientemente grandes para suportar o vento forte que soprava sobre as centrais nucleares. A polícia não tem suspeitos.

Pernilla Wahlman/EPAsobrevoado duas centrais nucleares suecasum outro drone tinha sido visto a sobrevoar uma terceira central nucleara polícia não tem suspeitos.• CONTINUE A LER A SEGUIRHans Liwang, professor do Colégio de Defesa Nacional Sueco, afirmou à televisão nacional SVT que

Consulte Mais informação: Observador »

Veja como os investigadores concluíram que os cães conseguem distinguir línguas diferentes - CNN PortugalCNN Portugal. O canal de informação, com uma cultura multiplataforma, que acompanha, em tempo real e em diversos meios, os acontecimentos que marcam o país e o mundo.

Validados mais de 100 testemunhos sobre os abusos sexuais na igrejaA Comissão Independente sobre os abusos sexuais na igreja já validou 102 testemunhos. Os depoimentos chegaram por via telefónica e online, e foram feitos por pessoas entre os 30 e os 80 anos.

O que dizem os programas eleitorais sobre o RSI?Eis as propostas de cada partido sobre o Rendimento Social de Inserção.

Áustria prepara-se para tornar vacinação obrigatória para todos os adultosO projecto de lei deverá ser aprovado na quinta-feira pelo Parlamento de Viena. O plano é dar oportunidade para as pessoas se vacinarem, antes de as autoridades começarem a multar quem não é vacinado. Não sou adepto das teorias da 'conspiração'... Mas que há farmacêuticas, laboratórios, farmácias e etc..., a ganhar biliões, HÁ! Acho muito bem que a vacina da Pfizer seja obrigatória pois quem não toma a vacina é um perigo para a sua saúde. A força, ou a tortura, ou até a pena de morte, finalmente vencerão no sistema democrático, representando um progresso indesmentível. Multas, humilhações, insultos ou a privação de diversos bens associados ao social é coisa de menos.Força com o apedrejamento!

Kate Moss: os melhores momentos de Beleza em dia de aniversárioA top model britânica completa hoje 48 anos e esta é a nossa forma de comemorar.

Debates na SIC e SIC Notícias foram os mais vistos - SIC NotíciasPode ver ou rever aqui a todos os frente a frente que passaram na SIC e SIC Notícias. A sic cansa!

Estão duas centrais nucleares desativadas e uma fechada permanentemente na Suécia Pernilla Wahlman/EPA Estão duas centrais nucleares desativadas e uma fechada permanentemente na Suécia Pernilla Wahlman/EPA A agência de segurança nacional da Suécia anunciou esta segunda-feira ter assumido a investigação preliminar sobre os drones que na semana passada foram vistos a sobrevoar as três centrais nucleares do país. A polícia disse inicialmente que drones (aparelhos aéreos não tripulados) tinham sobrevoado duas centrais nucleares suecas em Forsmark, a norte de Estocolmo, e em Oscarshamn, na região sudeste do país. Mas, mais tarde, os serviços secretos, conhecidos pelo acrónimo sueco SAPO, indicaram que um outro drone tinha sido visto a sobrevoar uma terceira central nuclear , localizada em Ringhals, a maior das três estruturas e fica na costa oeste do país. Neste momento, a polícia não tem suspeitos. No que diz respeito aos casos destes sobrevoos de drones em três centrais nucleares, a avaliação feita levou a que as investigações preliminares fossem retiradas às autoridades policiais a fim de se poder investigar os incidentes de forma mais pormenorizada, informaram os serviços secretos suecos, em comunicado. PUB • CONTINUE A LER A SEGUIR Na sexta-feira, a polícia foi alertada para a presença dos drones, mas perdeu o rasto dos aparelhos. Segundo a imprensa sueca, os drones eram suficientemente grandes para suportar o vento forte que soprava sobre a área. Hans Liwang, professor do Colégio de Defesa Nacional Sueco, afirmou à televisão nacional SVT que a Suécia não está bem preparada para este tipo de acontecimento. “Não adaptámos muito a nossa forma de ver este tipo de evento à realidade de hoje”, disse o académico. “ Ainda pensamos no mundo como estando em paz ou em guerra “, acrescentou. Em 2019, o reator 2 da central de Ringhals, no sudoeste da Suécia, foi permanentemente fechado, tendo os operadores justificado a medida com o aumento dos custos de manutenção da operação e com a ausência de lucro. A par desta estrutura, existem outras duas centrais nucleares desativadas na Suécia: Barseback, que fica numa estreita via navegável entre a Suécia e a Dinamarca, e Agesta, a sul da capital sueca de Estocolmo. Leia também: