9 em cada 10 portugueses consideram alterações climáticas ''problema muito sério''

Eurobarómetro coloca Portugal acima da média da União Europeia.

11.9.2019

9 em cada 10 portugueses consideram alterações climáticas “problema muito sério“

Eurobarómetro coloca Portugal acima da média da União Europeia.

Portugueses revelaram estar a tornar-se mais 'verdes' Em causa está um Eurobarómetro hoje conhecido, em Bruxelas, para o qual foram feitas 1.012 entrevistas presenciais em Portugal entre os dias 09 e 22 de abril, e que demonstra que 87% dos inquiridos portugueses classificam as alterações como"um problema muito sério", contra 11% que o consideram um assunto"relativamente sério" e 1% que o desvalorizam. As preocupações demonstradas pelos portugueses foram superiores à média da UE (num total de 27.655 cidadãos dos 28 Estados-membros entrevistados neste Eurobarómetro), já que foram menos (79%) os inquiridos europeus que falaram num"problema muito sério", enquanto 14% apontaram ser um assunto"relativamente sério" e 6% o desconsideraram. Ainda assim, 23% dos entrevistados europeus falam nas alterações climáticas como o problema mais sério que o mundo enfrenta, percentagem que baixa para 19% nos inquiridos portugueses. Questionados sobre o que estão a fazer, a nível pessoal, para combater este fenómeno, 74% dos entrevistados em Portugal afirmaram estar a tomar medidas, mais do que a média de toda a UE, que rondou 60%. Como exemplo das medidas adotadas nos últimos seis meses, os inquiridos portugueses falaram na redução do lixo produzido e num aumento da reciclagem (76%) e ainda na diminuição do consumo de energia através da utilização de eletrodomésticos mais eficientes (42%). Acresce que quase todos os entrevistados portugueses (96% e 95%, respetivamente) defendem que o Governo deve estabelecer metas para aumentar o uso de energias renováveis até 2030 e apoiar a melhoria da eficiência energética. Também a quase totalidade destes inquiridos nacionais (97%) disse apoiar o objetivo de a UE se tornar neutra em emissões de carbono até 2050. Hoje, a Comissão Europeia adotou ainda uma comunicação que reafirma o envolvimento da União com os compromissos ambientais, que serão desde logo apresentados na Cimeira de Ação Climática promovida pela Organização das Nações Unidas (ONU), no final deste mês, em Nova Iorque. Em conferência de imprensa realizada em Bruxelas após a divulgação dessa comunicação, o vice-presidente do executivo comunitário e comissário para a União da Energia, Maros Sefcovic, vincou que"o facto de julho [deste ano] ter sido o mês mais quente alguma vez registado torna evidente a necessidade de atuar". "Durante todo o verão -- e até arriscaria dizer durante todo o ano -- temos tido notícias trágicas sobre como o mundo está a mudar drasticamente aos nossos olhos", acrescentou, aludindo a"exemplos vindos do Brasil, de França, mas também do sul da Europa". Já recordando as declarações do secretário-geral da ONU, o português António Guterres, Maros Sefcovic vincou que Bruxelas está"disposta a fazer mais". "Respeitamos na totalidade o pedido feito por António Guterres, de que não devem ser feitos anúncios, mas sim colocados planos em prática", precisou. Este responsável revelou ainda que, na cimeira das Nações Unidas, a UE -- que está representada pelo presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk -- vai sublinhar o seu objetivo de ter neutralidade carbónica até 2050, assumido por 24 Estados-membros, incluindo Portugal. Com Lusa Consulte Mais informação: SIC Notícias

E curiosamente o restante 1 em 10 vem para aqui mostrar a sua ignorância :-D Isso é para rir.. Isso nota se todos os dias pelos comportamentos.. Ridículo E 10 em cada 10 também se preocupam com a corrupção, nepotismo, com aumentos de impostos, baixos salários... e os governos nunca fizeram nada porque os partidos vivem da corrupção, do compadrio, nepotismo... e a esquerda só sobrevive com a miséria alheia.

Quantos desses fazem separação de lixo, não atiram beatas para o chão e têm cuidado com o seu comportamento no ambiente? 🤔 Interessante que ainda esta semana li ou ouvi algures que aparentemente o Governo não está nem aí para projectos que diminuam o impacto das alterações climáticas... Mas depois continuam a sua vidinha toda como se não fosse nada com eles...

9 em cada 10 Portugueses da Extrema esquerda Essa estatística foi coordenada pelo irmão do primeiro Ministro? O irmão é director da SIC e do Expresso.. alguém pode acreditar da SIC sabendo que o Director é irmão do Costa Pensem Portugueses...

Portugal emite hoje até 1.250 ME em dívida a 10 e 15 anos

Ana Catarina Nogueira entra no top-10 do ranking mundialCom a vitória no Madrid Master, a jogadora portuguesa subiu quatro posições e ocupa o 8.º lugar no World Padel Tour.

''O peso da mochila não deve exceder 10% a 15% do peso da criança''Estudos demonstram que acima desse peso registam-se alterações biomecânicas da coluna vertebral Tablets com o instagram que isso passa.

Mais de 50 concelhos de 10 distritos em risco máximo de incêndioPaís

Biblioteca Trindade Coelho, em Mogadouro, recebeu mais de 180 mil visitantes em 10 anos

Dona da Zara lucrou mais 10% no primeiro semestreA Inditex fechou o primeiro semestre com vendas de 12,82 mil milhões de euros, 7% acima do ano passado, enquanto os lucros avançaram 10%, para 1,55 mil milhões de euros



Escócia aprova plano para dar tampões e pensos grátis a todas as mulheres. Será o primeiro país a fazê-lo

Insultos racistas a Abdu Conté motivam processo ao FC Porto

Proibir comissões vai levar a fecho de balcões e despedimentos, avisam bancos

'É impossível fechar as fronteiras e não é solução': Marcelo Rebelo de Sousa sobre o avanço do coronavírus na Europa

RTP negoceia contratos milionários com empresa de governante

Futebol feminino chega à Arábia Saudita: Mais um truque do regime intolerante?

Maradona: «O Messi não conseguia fazer em Nápoles aquilo que eu fiz»

Escrever Comentário

Thank you for your comment.
Please try again later.

Últimas Notícias

Notícia

11 setembro 2019, quarta-feira Notícia

Notícias anteriores

ADSE vai limitar financiamento de novos medicamentos para o cancro

Próxima notícia

Vitória de Guimarães e ex-direção absolvidos de crime de abuso de confiança fiscal
Covid-19. Recomendação de isolamento foi um “lapso” de Marta Temido Um filme para causar pesadelos a Fernando Medina e aos lisboetas Crianças morrem ao frio no noroeste da Síria após ofensivas do regime de Bashar Al-Assad Covid-19. Direção-Geral da Saúde confirma 25 casos suspeitos em Portugal, oito nas últimas 24 horas Há mais um caso suspeito de coronavírus em Portugal Insólito: Adepto invadiu relvado e Cristiano Ronaldo desatou a correr atrás dele Arrancada fantástica de Gabigol terminou no segundo golo do Flamengo DGS confirma oito novos casos suspeitos de coronavírus nas últimas 24 horas em Portugal Colorado prestes a tornar-se no 22.º estado dos EUA a abolir pena de morte Oito casos suspeitos de coronavírus em Portugal nas últimas 24 horas Vários mortos em tiroteio numa cervejeira na cidade norte-americana de Milwaukee Colorado prestes a tornar-se no 22.º estado dos EUA a abolir pena de morte
Escócia aprova plano para dar tampões e pensos grátis a todas as mulheres. Será o primeiro país a fazê-lo Insultos racistas a Abdu Conté motivam processo ao FC Porto Proibir comissões vai levar a fecho de balcões e despedimentos, avisam bancos 'É impossível fechar as fronteiras e não é solução': Marcelo Rebelo de Sousa sobre o avanço do coronavírus na Europa RTP negoceia contratos milionários com empresa de governante Futebol feminino chega à Arábia Saudita: Mais um truque do regime intolerante? Maradona: «O Messi não conseguia fazer em Nápoles aquilo que eu fiz» BE propõe subsídio de alimentação mínimo para todos os trabalhadores Novas imagens mostram o que aconteceu antes da PSP atuar e disparar para o ar durante Carnaval em Lisboa BES: Salgado “perplexo” com condenação por violação de prevenção de branqueamento Motards afrontam polícias e cercam carro patrulha durante funeral de vítimas da Segunda Circular Oficial: Novo Banco vai pedir €1.037 milhões ao Fundo de Resolução