União Europeia cogita alterar regras para viagens; veja o que deve mudar

23/01/2022 20:50:00

União Europeia cogita alterar regras para viagens; veja o que deve mudar

União Europeia cogita alterar regras para viagens; veja o que deve mudar

A União Europeia está preparando um novo modelo de gestão das regras sanitárias contra a covid-19 para viajantes, em decisão que deve ser confirmada durante o conselho de assuntos gerais previstos para a próxima terça-feira (25).Conforme antecip

Com isso, as regras de quarentena obrigatória, por exemplo, dependerão se a pessoa tiver os comprovantes ou não, destaca ainda a publicação."As pessoas vacinadas, que já superaram a doença ou tenham o teste negativo poderão se movimentar com total liberdade", ressalta a publicação.

Além disso, o certificado sanitário que atesta a imunização terá confirmada a validade de nove meses.As informações sobre a situação epidemiológica dos países - que classifica as nações de acordo com a quantidade de casos por 100 mil habitantes, além de taxas de internação e mortes - serão mantidas apenas como o"objetivo de informar". Isso vai continuar valendo, inclusive, para os países do bloco europeu.

Consulte Mais informação: UOL Notícias »

CBN Em Foco - 17/08/2022

No CBN Em Foco, você acompanha uma análise aprofundada dos temas que dominam o noticiário. Um programa que tem a proposta de separar os fatos da espuma. Com ... Consulte Mais informação >>

Para minar Moro, Bolsonaro se aproxima da União Brasil | O AntagonistaPlano inclui abrir mão de candidaturas bolsonaristas em estados, em prol de integrantes do novo partido Se o Bolsonaro serve para o União Brasil, o União Brasil não serve para o Moro2022 . A estratégia é requentar matérias de hj de manhã? Que os dois se matem. Pena que nao tem um nome pra parar o desastre chamado lula.

Bahia diz que União anunciou 'recursos velhos' a cidades afetadas por chuvaO Governo da Bahia disse hoje o governo federal anunciou recursos já previstos como se fossem nov O que aconteceu com o dinheiro dos impostos dos baianos? Ditador Rui Costa precisa dar explicacoes

Moro pode se fortalecer no União Brasil, diz vice-presidente do PSLEm entrevista ao UOL News da noite de hoje, Júnior Bozzella (PSL-SP), deputado federal e vice-presidente nacional do PSL, afirmou que Sergio Moro (Podemos) pode se fortale Não importa o lugar, ... eternamente juíz ladrão!! Nem era para está pré candidato. Cey 💰💰💰💰💰💰💰💰

Moro na União Brasil pode ser “ímã” para a Terceira Via, diz vice do PSL | O AntagonistaDeputado Júnior Bozzella afirma que a possível filiação do ex-juiz ao novo partido poderá atrair outras legendas Saldanha_BrasiI Mblixo1 Vai se juntar ao partido do laranjal e botar os últimos suspiros da biografia no lixo? hahahahahaha Com fundo bilionário vcs podem atrair todo tipo de mau caráter.

'Um boçal virou presidente', diz Ciro, sobre Bolsonaro | O AntagonistaO político defendeu que, para mudar o Brasil, é preciso criar uma corrente que faça com que o povo pare de acreditar em 'salvador da pátria' cirogomes Não mentiu cirogomes E outro (ele) quer virar. 🤦🏻‍♀️ cirogomes FOI O POVO QUE O ELEGEU.....INFELISMENTE

Anvisa se reúne com Ministério da Saúde para tratar do uso de autotestesReunião foi marcada após a agência ter decidido que, para mudar a regulação e permitir a venda dos exames em farmácias, é preciso que o governo proponha política pública sobre o assunto

Exame de covid grátis nos EUA: saiba onde fazer antes de voltar ao Brasil Com isso, as regras de quarentena obrigatória, por exemplo, dependerão se a pessoa tiver os comprovantes ou não, destaca ainda a publicação.De acordo com O Globo, uma opção citada nos bastidores seria João Roma desistir do governo da Bahia e apoiar ACM Neto O outro flanco aberto é na eleição ao governo de Goiás , que deve contar com os bolsonaristas Ronaldo Caiado.O UOL procurou o governo federal e o Ministério da Saúde, e aguarda posicionamento sobre o caso.Sob questionamento interno, PDT formaliza candidatura presidencial de Ciro "Antes mesmo da filiação ao Podemos, sugerimos a possibilidade de [Moro] não se filiar ao Podemos e ir direto ao União Brasil, mas já tinha um caminho pavimentado para o Podemos, que é legítimo.

"As pessoas vacinadas, que já superaram a doença ou tenham o teste negativo poderão se movimentar com total liberdade", ressalta a publicação. Além disso, o certificado sanitário que atesta a imunização terá confirmada a validade de nove meses. As informações sobre a situação epidemiológica dos países - que classifica as nações de acordo com a quantidade de casos por 100 mil habitantes, além de taxas de internação e mortes - serão mantidas apenas como o"objetivo de informar". O total previsto para adiantamento seria de R$ 104 milhões para 155 municípios baianos. Isso vai continuar valendo, inclusive, para os países do bloco europeu. Atualmente, quando uma área está em vermelho ou vermelho escuro, há a recomendação para que não sejam feitas viagens não essenciais para essas áreas."Nós conversamos e trabalhamos em conjunto, inclusive a possibilidade aventada inicialmente era do União Brasil indicar o candidato a vice [de Moro, no Podemos].

Os líderes da União Europeia já previam o afrouxamento das medidas sanitárias em relação aos países ou às regiões - tornando o controle mais pessoal - desde o fim do ano passado. São mais de 800 mil pessoas afetadas e os municípios encontram-se com estruturas arrasadas, sendo necessário recursos adicionais, não uma antecipação do que já era de direito das prefeituras", afirma a secretária da Saúde da Bahia, Tereza Paim. Porém, o surgimento e a disseminação da variante ômicron, que é muito mais transmissível, adiaram os planos. Em novembro, por exemplo, a Comissão Europeia já havia anunciado que iria recomendar, a partir de 1º de março, que os países-membros aceitassem turistas que foram vacinados com imunizantes aprovados pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Atualmente, a maioria das nações só reconhece as fórmulas aprovadas pela Agência Europeia de Medicamentos (EMA), que é muito mais restrita do que a da OMS. Mas, mesmo com o afrouxamento, cada país é soberano para decidir se segue ou não a medida, como acontece atualmente.

Por exemplo, a Itália não libera os turistas brasileiros em nenhuma ocasião; já a Espanha aceita brasileiros vacinados com a CoronaVac - reconhecida pela OMS e não pela EMA; a França libera os turistas brasileiros se eles tomaram vacinas liberadas pela EMA ou se tomaram reforço da Pfizer após a CoronaVac; entre outros exemplos. As mais lidas agora .