TSE confirma decisão que proíbe Bolsonaro de usar discurso na ONU em sua propaganda

28/09/2022 03:13:00

TSE confirma decisão que proíbe Bolsonaro de usar discurso na ONU em sua propaganda

TSE confirma decisão que proíbe Bolsonaro de usar discurso na ONU em sua propaganda

Por 6 votos a 1, a Corte Eleitoral chancelou a determinação do ministro Benedito Gonçalves

discurso do presidente na Assembleia-Geral da ONU.Apoie Siga-nos no O Tribunal Superior Eleitoral confirmou nesta terça-feira 27, por 4 votos a 3, a decisão do ministro Benedito Gonçalves que proibiu o presidente (PL) de promover suas lives eleitorais no Palácio do Planalto, no Palácio da Alvorada e em demais “bens e serviços públicos” a que o ex-capitão só tem “acesso em função do seu cargo”.Luiz Inácio Lula da Silva (PT)..

Conforme o despacho de Gonçalves, “a utilização das imagens na propaganda eleitoral seria tendente a ferir a isonomia, pois faria com que a atuação do Chefe de Estado, em ocasião inacessível a qualquer dos demais competidores, fosse explorada para projetar a imagem do candidato”.A Corte se manifestou no âmbito de uma ação apresentada pelo PDT, do presidenciável Ciro Gomes.A Corte se manifestou no âmbito de uma ação apresentada pelo PDT, do presidenciável Ciro Gomes.Na sede das Nações Unidas, em Nova York, Bolsonaro atacou indiretamente Lula (PT) e a esquerda e repetiu clichês da extrema-direita sobre temas como aborto e “ideologia de gênero”.A magistrada determinou o pagamento de multa de 5 mil reais por Deltan e Martins.Seguiram o relator nesta terça os ministros Raul Araújo, Maria Claudia Bucchianeri, Ricardo Lewandowski, Cármen Lúcia e Alexandre de Moraes.A decisão também manda YouTube, Instagram e Facebook removerem a transmissão ao vivo realizada por Bolsonaro em 21 de setembro.O ministro Carlos Horbach foi o único a divergir.Sendo lícito ao primeiro investigado, 'do refúgio de seu lar', exercer direitos políticos sem qualquer restrição.

Relacionadas.Foram vencidos os ministros Raul Araújo, Carlos Horbach e Maria Claudia Bucchianeri.Para Bucchianeri, “o contexto das postagens questionadas revela claríssima intenção de demover o eleitor de optar futuramente por determinada candidatura, mediante a propagação de conteúdo claramente negativo e tipicamente eleitoral”.

Consulte Mais informação:
CartaCapital »
Loading news...
Failed to load news.

Poderia colocar o discurso da ensacadora de vento… Nada novo! O TSE e o STF viraram partido sem número! É o vale tudo! R.I.P. estado de direito…

TSE confirma decisão que proíbe Bolsonaro de usar Planalto e Alvorada para lives eleitoraisPor 4 votos a 3, a Corte Eleitoral chancelou a determinação do ministro Benedito Gonçalves Se ele peitar qual a consequência Sua casa, Bolsonaro, é o cafofo da milícia na Barra. O desespero dos juízes indicados pelo LulaLadrão é gigante!😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂😂

Ministra do TSE condena Deltan por propaganda eleitoral antecipada contra LulaMaria Claudia Bucchianeri determinou o pagamento de multa de 5 mil reais Quem diria!!! Essa turma do MP, Judiciário, todos estão levando invertida na política e na, adivinhem, na Justiça. Que feio! Legalidade irmão Kkkkkkk

TSE rejeita pedido de Bolsonaro e mantém proibição de lives no AlvoradaO ministro do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) Benedito Gonçalves negou hoje (25) pedido da campanha do presidente Jair Bolsonaro (PL) para que a Corte revisse decisão do próprio Go Gente boa! O Ciro é o único que vence o Lula em 2T. Ninguem quer o Brasil na mão do PT, a conta é facil, Ciro divide os votos do Lula em 2T. Para o bem do Brasil CiroPresidente12 As maletas de dinheiro já estão vindo do RJ para Brasília. Dizem que amanhã o Bolsonaro compra o Palácio do Alvorada em dinheiro vivo Grande dia

Apoiador de Lula morto no MT recebeu mais de 70 golpes de faca e machado, aponta laudoBenedito Cardoso dos Santos foi assassinado por um apoiador de Bolsonaro em Confresa (MT); a Justiça determinou que o autor do crime passe por um exame de sanidade mental Covardes! Monstros! Muito ódio kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

BC: Maioria votou por manter Selic por necessidade de avaliar impactos passados da alta de jurosHouve unanimidade em “reforçar” que o Copom irá “perseverar até que se consolide não apenas o processo de desinflação como também a ancoragem das expectativas em torno de suas metas”