Tem espião na linha: os alvos do software israelense Pegasus

Tem espião na linha: os alvos do software israelense Pegasus

24/07/2021 20:00:00

Tem espião na linha: os alvos do software israelense Pegasus

Vazamento expõe uso do programa para invadir celulares de políticos, jornalistas e ativistas. Qual o limite da bisbilhotagem?

Julia BraunAtualizado em 23 jul 2021, 08h43 - Publicado em 23 jul 2021, 06h00CUIDADO, PRESIDENTE - Macron: seu número de celular pessoal consta da lista de 50 000 aparelhos espionados - Bernd von Jutrczenka/Getty ImagesPublicidadePublicidade

Emmy 2021: Confira a lista completa dos vencedores O cálculo político do PT desconsidera a memória da corrupção Paulo Freire é homenageado em Doodle do Google

Em 2013, Edward Snowden, consultor de TI a serviço da Agência Nacional de Segurança (NSA) dos Estados Unidos, fez o mundo tremer ao revelar a imensa lista de pessoas sob escrutínio dos órgãos de inteligência americanos via, principalmente, acesso facilitado por operadoras de celulares (até a então presidente Dilma Rousseff estava na lista). De lá para cá, espionar a privacidade alheia ficou mais fácil graças a softwares criados especialmente para esse fim — caso do Pegasus, da empresa israelense NSO. O programa bisbilhoteiro, capaz de invadir todo e qualquer celular, acessar fotos e mensagens (inclusive as de aplicativos criptografados, como o WhatsApp) e ainda localizar o usuário, é propagandeado como ferramenta imprescindível contra criminosos e terroristas. Na prática, seu uso é mais generalizado. Segundo listas vazadas e divulgadas por um consórcio de veículos de comunicação, catorze chefes de Estado, cerca de 600 políticos e funcionários de alto escalão e centenas de jornalistas e ativistas se encontram entre 50 000 números de telefones de mais de cinquenta países invadidos pelo Pegasus (nem todos efetivamente hackeados).

Constam da lista os números do presidente francês Emmanuel Macron, do ex-primeiro-ministro Edouard Philippe e de outros catorze ministros de seu gabinete. Também aparecem no rol de vítimas o presidente da África do Sul, Cyril Ramaphosa, o primeiro-ministro paquistanês Imran Kahn, o rei Mohammed IV do Marrocos, e até Tedros Adhanom, diretor da Organização Mundial da Saúde (OMS). O país com o maior número de espionados é o México: 15 000 pessoas de diversos setores da sociedade civil. Para acessar as informações, o sofisticado headtopics.com

spywareisraelense utiliza brechas na segurança de aplicativos e sites. “O Pegasus consegue driblar os antivírus e tem a capacidade de se autodestruir após três meses de inatividade, o que torna a identificação dos aparelhos grampeados ainda mais difícil”, explica Rodolfo Avelino, especialista em segurança da informação.

A NSO negou categoricamente a veracidade das listas e o mau uso de seu programa. “As acusações são tão absurdas e fora da realidade que estamos considerando abrir um processo por difamação”, esbravejou a empresa em um comunicado. Embora o grupo não divulgue o nome de clientes, sabe-se que o Pegasus já foi vendido a pelo menos quarenta países. No Brasil, executivos da NSO participam de eventos de telecomunicação e rodam o país em busca de contratos. Em 2019, o sistema foi empregado para localizar sinais de celular por militares israelenses que ajudaram na busca de vítimas do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, Minas Gerais. Em maio, o Ministério da Justiça abriu licitação para a compra de um aparelho espião e o Pegasus chegou a ser cogitado, mas a empresa desistiu de concorrer quando se revelou o envolvimento irregular do vereador Carlos Bolsonaro, filho do presidente, nas negociações.

QUEM É QUEM - Mundo afora: o primeiro-ministro indiano Modi (à esq.) é suspeito de mandar vigiar adversários, enquanto o mexicano López Obrador (à dir., no alto) e o sul-africano Ramaphosa foram vigiados – Sean Gallup/Getty Images; José Méndez/EPA/EFE; Themba Hadebe/EPA/EFE

Em alguns casos, os objetivos da espionagem agora revelada ficam evidentes. O primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, está sendo apontado como beneficiário da invasão de mais de 1 000 celulares de jornalistas, ativistas e de um de seus principais adversários políticos, o deputado Rahul Gandhi. Suspeita-se fortemente da mão da Arábia Saudita na invasão do aparelho da noiva e de outras pessoas próximas a Jamal Khashoggi, o oposicionista assassinado a mando da monarquia, em datas próximas ao crime. O governo do mexicano Enrique Peña Nieto, antecessor de Andrés Manuel López Obrador, o AMLO, estaria por trás da invasão dos aparelhos da mulher e dos filhos dele durante a campanha eleitoral. headtopics.com

Emmy 2021: veja lista com vencedores Na ONU, Bolsonaro se divide entre tentativa de mudar imagem internacional e acenos a eleitorado fiel - BBC News Brasil Geraldo Alckmin lidera pesquisa para Governo de São Paulo

O governante de Dubai e primeiro-ministro dos Emirados Árabes Unidos, xeique Mohammed bin Rashid Al Maktoum, é tido como maior interessado na infiltração do Pegasus no celular de duas rebeldes em seu palácio: a filha Latifa, que o acusou de prisão e tortura, e a sexta mulher, Haya, que fugiu com os dois filhos para Londres. O escândalo atual respingou no governo de Israel, acusado de fazer vista grossa à venda do

spywarea governos repressivos. “Não é só o Pegasus. Há uma série de ferramentas semelhantes para qualquer país que se interessar”, diz Gene Spafford, professor da Universidade Purdue, nos Estados Unidos. Finda a Guerra Fria, com seus espiões treinados em disfarce e infiltração, o perigo mora agora no pequeno dispositivo eletrônico do qual ninguém desgruda.

Consulte Mais informação: VEJA »

Em ato em Brasília, Bolsonaro faz discurso com ameaças ao Congresso e Judiciário - Política - Estadão

Presidente afirmou que 'ou o chefe desse Poder enquadra o seu' ou 'pode sofrer aquilo que não queremos'; ele não citou a quem se referia, mas fala remete ao STF; Bolsonaro afirma ainda que vai convocar o Conselho da República

Abertura dos Jogos de Tóquio tem homenagem aos mortos com minuto de silêncio - ISTOÉ IndependenteCom uma cultura de respeito e admiração aos que já morreram, a organização dos Jogos de Tóquio incluiu na cerimônia de abertura uma homenagem aos mortos. Com um minuto de silêncio, a performance foi um ato em respeito às vítimas da pandemia. Vale lembrar que a Olimpíada inicialmente estava agendada para acontecer no ano passado. […] Pura demagogia engana besta, fora das lentes de TV não existe exemplo de nada, fica em casa otário.

Lula já tem seu ‘novo PAC’ para fazer campanha ao Planalto | RadarO plano de governo do petista deve repetir a aposta no investimento estatal em obras para geração de emprego e renda radaronline radaronline PAC CORRUPÇÃO radaronline Credo kkkkkk sai fora

Bolsonaro admite que voto impresso não tem apoio para aprovaçãoO presidente novamente questionou validade de resultados de pesquisas que indicam queda da aprovação do governo Fake news Isso é um psicopata Ele só quer causar e ficar falando merda pro cercado dele aplaudir

CPI tem aprovação da maioria dos alagoanos, mas 36% a desconhecem | RadarResultado consta em pesquisa encomendada pelo MDB de Alagoas junto ao Instituto Ibrape radaronline 24JForaBolsonaro 24JPovoNasRuas radaronline Típico do brasileiro, acha que política só em de quatro em quatro anos! radaronline Kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Sul-Americana tem boas chances de coroar campeão inéditoDos oito times qualificados para as quartas de final na Sul-Americana, apenas dois deles buscam o bicampeonato do torneio

Brasil tem estabilidade em mortes por Covid; nenhum estado registra alta na média móvelPaís contabiliza 548.420 óbitos e 19.630.273 casos de coronavírus, segundo balanço do consórcio de veículos de imprensa com dados das secretarias de Saúde. São, em média, 1.131 mortos por dia pela doença. Foi só o mito parar de incentivar aglomeração. obrigado, ciencia obrigado, vacina obrigado, sus Me perdoem pelo incômodo, tenho três filhas e estamos passando necessidades, não temos quase alimentos, contas e aluguel atrasado, por favor quem puder nos ajude, me doe qualquer valor, não tenho condições, de RT pra me ajudar, Deus abençoe.*** Pix= beneditoribeiro832gmail.com