Rússia está mais perto de invadir Ucrânia? Os novos desdobramentos da crise - BBC News Brasil

Há tempos a Rússia vem tentando barrar qualquer movimento da Ucrânia na direção de instituições europeias e da Otan, em particular

26/01/2022 16:06:00

Há tempos a Rússia vem tentando barrar qualquer movimento da Ucrânia na direção de instituições europeias e da Otan, em particular

Governo russo, que postou tropas na fronteira com o vizinho, quer que a Otan não inclua a Ucrânia como membro, o que a organização não aceita.

Uma indicação do que Putin pensa sobre a Ucrânia veio em um longo texto do ano passado, em que ele disse que russos e ucranianos formavam "uma nação". Ele acusou os atuais líderes da Ucrânia de estarem realizando um "projeto anti-Rússia".

Uma ação da Rússia pode ser impedida?A Casa Branca reforçou que qualquer movimento cruzando a fronteira constitui uma nova invasão — mas aponta para o fato de que a Rússia possui outras armas, incluindo ataques cibernéticos e táticas paramilitares.

Consulte Mais informação: BBC News Brasil »

STF e TSE se unem para rebater discurso bolsonarista | Clarissa Oliveira

Embate do Judiciário com o presidente e crise na terceira via são os temas do Giro VEJA desta segunda-feira Consulte Mais informação >>

mmc032 Mídia imperialista estadunidense de merda! Já tem um mês que a imprensa corporativa está falando que a Rússia vai invadir a Ucrânia 🤣🤣🤣🤣🤣🤣 Ainda acham que estão no império russo ou na URSS... É muito bacana a Ucrânia receber investimentos maciços da Rússia a vida inteira e depois querer virar amiguinhos dos EUA, porque não pediram 'aplicações' aos EUA? O Brasil deveria oferecer a Base de Alcântara à Rússia para que essa instale lá alguns misseis nucleares.

A OTAN avança até a Russia desde os anos 90, mesmo tendo acordo e vcs metem essa? Russia tem sim parte da ucrania , na verdade pertencia a Rússia o pais ucraniano !! Não invadiu até agora ! não invade mais....(tem dois problemas) O exército Ucraniano é em menor número, mas muito bem equipado, a U.E é os EUA mais o Japão...mandaram o Putin agir como um wladi-MIR ...não emPutiMcido.

A Ucrânia virou fantoche dos Estados Unidos, que apoiam e armam as milícias nazistas ucranianas, assim como fez Hitler.

Otan reforça defesa nas fronteiras da Ucrânia após Rússia intensificar ações militaresO secretário-geral da Otan publicou uma nota informando que a Espanha vai enviar navios de guerra para se juntarem às forças da entidade e considera também enviar aviões de combate para a Bulgária. A Dinamarca enviará uma fragata para o Mar Báltico e quatro aviões de combate para a Lituânia. A França avalia enviar soldados para a Romênia. Os EUA também planejam enviar soldados para países do leste europeu. RFI_Br A única guerra que estamos travando deveria ser contra o covid19. Não temos um dia de sossego no Planeta.

UE se divide sobre sanções contra ação da Rússia na UcrâniaPaíses divergem sobre como responder a diferentes ações do Kremlin e debatem até sobre o que constituiria um ataque contra a Ucrânia

Tensão na Ucrânia: EUA se dizem prontos para impor 'sanções massivas' à Rússia'Esta não é mais uma resposta gradual. Desta vez vamos começar no topo da escala (de sanções) e ficar lá', ameaçou um alto funcionário da Casa Branca

Rússia planeja “guerra-relâmpago” para tomar capital da Ucrânia, diz Reino UnidoJohnson afirmou que as informações de inteligência mostram que há 60 batalhões russos perto da fronteira com a Ucrânia Só eu acho bizarro e doentio quem pensa em guerras? Cara como assim? Enquanto isso, no Ocidente… Alguém acredita nisso?

EUA põem 8.500 soldados em alerta em meio à tensão entre Ucrânia e RússiaOs Estados Unidos colocaram nesta segunda-feira (24) cerca de 8.500 soldados em alerta para estarem prontos para serem enviados à Europa, se necessário, potencialmente em um prazo muito curto, no mais recente esforço para tranquilizar aliados da Otan n Ucrânia é aquele 'país' comandado por nazistas?

Rússia x Ucrânia: meu retorno a cidade ucraniana dominada por rebeldes pró-Kremlin - BBC News Brasil'Donetsk não é a casa que eu reconheço. Minha cidade está mudada, irreconhecível', relata ex-morador de volta à região dominada por insurgentes pró-Rússia desde 2014 🇷🇺🇺🇦 A BBC não consegue fazer mais do que propaganda anti-Rússia? Quem tem atirado bombas diariamente em Donestsk são os nazistas comandados por Kiev. Não reconhecer esse fato é uma maneira de cozinhar o bolo nuclear que os ingleses não deixarão de engolir. A fazendo propaganda do MI6 ..kkkkk A maioria de moradores dessa região são de etnia russa. Parabéns pra defender uma junta nazista! E aí BBC, algum prazo de devolução das ilhas Malvinas?

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky (dir.), visitou tropas de seu país em dezembro O que a Rússia quer na Ucrânia? A Rússia tomou a Crimeia em 2014 argumentando que possuía uma reivindicação histórica legítima pelo território. A Ucrânia era parte da União Soviética, que se desintegrou em 1991. Putin afirmou que esse colapso foi a "desintegração da Rússia histórica". Uma indicação do que Putin pensa sobre a Ucrânia veio em um longo texto do ano passado, em que ele disse que russos e ucranianos formavam "uma nação". Ele acusou os atuais líderes da Ucrânia de estarem realizando um "projeto anti-Rússia". A Rússia também ficou frustrada com o fato de que um acordo de paz para o leste da Ucrânia, estabelecido em 2015 em Minsk (Belarus), está longe de ser completamente implementado. Ainda não existem arranjos para a realização de eleições monitoradas de forma independente nas regiões separatistas da Ucrânia. A Rússia nega acusações de que esteja envolvida no conflito local. Uma ação da Rússia pode ser impedida? Putin falou com Biden sobre a crise várias vezes, e as negociações de alto escalão continuam. Oficiais russos, porém, avisam que a rejeição por parte do Ocidente de suas principais demandas está levando a crise para um "beco sem saída". A questão é até onde irá a Rússia. Biden alertou que uma invasão de larga escala será um desastre para a Rússia. Se o país, no entanto, realizar uma incursão territorial de pequena escala, o presidente americano afirmou, de forma controversa, que o Ocidente "acabaria tendo que debater sobre o que fazer". A Casa Branca reforçou que qualquer movimento cruzando a fronteira constitui uma nova invasão — mas aponta para o fato de que a Rússia possui outras armas, incluindo ataques cibernéticos e táticas paramilitares. Crédito, Legenda da foto, O secretário dos EUA Antony Blinken, reuniu-se com o russo Sergei Lavrov na Suíça A Rússia também distribuiu 500 mil passaportes para residentes de áreas na Ucrânia dominadas por rebeldes. Com isso, caso não consiga o que deseja, Moscou poderia justificar alguma ação militar dizendo que tinha como objetivo a proteção de cidadãos russos na região. Entretanto, se a o único objetivo da Rússia for forçar a Otan para longe de sua vizinhança, não há nenhum sinal de que será bem-sucedida. Os 30 países-membros da Otan rejeitaram claramente qualquer tentativa de atar suas mãos em relação ao futuro. "Nós não permitiremos que ninguém feche a política de portas abertas da Otan", disse o vice-secretário de Estado americano, Wendy Sherman. A Ucrânia busca um cronograma claro para poder entrar na Otan, e a organização afirma que a Rússia "não tem poder de veto ou direito de interferir nesse processo". A Suécia e a Finlândia, nações nórdicas que não fazem parte da Otan, também rejeitaram a tentativa da Rússia de impedi-los de fortalecer seus laços com a aliança militar ocidental. "Nós não abandonaremos nosso espaço de manobra", afirmou a primeira-ministra finlandesa, Sanna Marin. Até onde irá o Ocidente pela Ucrânia? Os EUA deixaram claro que não possuem planos de enviar tropas de combate para a região, embora mantenham-se comprometidos em ajudar a Ucrânia a defender seu "território soberano". As principais ferramentas que o Ocidente possuiu parecem ser sanções contra a Rússia e ajuda militar à Ucrânia, na forma de consultores e armas. Crédito, Legenda da foto, Os presidentes dos EUA e da Rússia já conversaram várias vezes sobre a crise O presidente Biden ameaçou o líder russo com medidas "que ele jamais viu" se a Ucrânia for atacada. Mas que tipo de medidas seriam essas? A medida econômica de maior impacto seria desconectar o sistema bancário da Rússia do sistema de pagamentos internacional Swift. Isso sempre foi visto como uma espécie de último recurso, mas a Letônia disse recentemente que serviria como um recado duro para Moscou. Na semana passada, senadores democratas dos EUA apresentaram um projeto de lei com a imposição de sanções diretas ao governo russo (incluindo a Vladimir Putin) e a instituições financeiras de Moscou. Essas se somariam a sanções pré-existentes, que vigoram desde 2014 (por causa da anexação da Crimeia) e aumentaram depois do envenenamento de um espião russo no Reino Unido e das acusações de interferência russa nas eleições de 2016 nos EUA (o que a Rússia nega).. Outra ameaça chave seria impedir a abertura do sistema de dutos de gás Nord Stream 2, na Alemanha, cuja aprovação está atualmente sendo decidida pela agência reguladora de energia alemã. Também poderia haver medidas contra o fundo soberano RDIF, da Rússia, ou restrições a transações de bancos na conversão do rublo, a moeda russa, para moedas estrangeiras. Crédito,