PF faz buscas em investigação de fraude na gestão de Ricardo Barros na Saúde

@fausto_macedo PF faz buscas em investigação de fraude na gestão de Ricardo Barros na Saúde

21/09/2021 16:35:00

fausto_macedo PF faz buscas em investigação de fraude na gestão de Ricardo Barros na Saúde

Dois dos alvos da operação são ex-diretores do Departamento de Logística (DLOG) do Ministério da Saúde empregados

No caso, a PF já identificou indícios de favorecimento à Global para ofertar as medicações por força de decisão judicial. O caso envolve a aquisição dos medicamentos Aldurazyme, Fabrazyme, Myozyme, Elaprase e Soliris/Eculizumabe pelo DLOG. Apesar do pagamento milionário antecipado, a empresa não entregou os remédios. Estima-se que ao menos 14 pessoas morreram por não terem os remédios.

Carla Zambelli diz que vai acionar o STF para ser ouvida na CPI da Covid 'Todas as companhias precisam repensar como transportam animais', diz dono de cachorro que morreu em voo da Latam Bolsonaro fica entre o crime contra a humanidade e o charlatanismo no relatório da CPI da Pandemia

A Global é presidida por Francisco Maximiano. A empresa e Ricardo Barros são réus em ação de improbidade administrativa que tramita na Justiça do Distrito Federal. Por ordem do então ministro, a pasta liberou o pagamento pelos remédios sem que a empresa tivesse apresentado documentos suficientes à Anvisa para a importação.

Maximiano também é sócio da Precisa Medicamentos, empresa que está no foco da CPI da Covid por suspeitas de fraudes na oferta ao Ministério da Saúde da vacina indiana Covaxin. As suspeitas recaem sobre o Departamento de Logística da Saúde da gestão de Jair Bolsonaro. headtopics.com

A operação deflagrada nesta terça foi batizada de Pés de Barro, autorizada pela Justiça Federal do Distrito Federal. Entre os alvos, dois ex-diretores da pasta da Saúde também investigados na ação de improbidade junto com Ricardo Barros. O ex-ministro, porém, não é alvo.

Alvo da operação, Tiago Pontes Queiroz, ex-diretor de Logística do Ministério da Saúde, é o atual secretário Nacional de Mobilidade e Desenvolvimento Regional e Urbano, do Ministério do Desenvolvimento Regional — a secretaria é responsável por uma licitação bilionária com sobrepreço de R$ 130 milhões como revelou o

Estadãonas reportagens sobre o tratoraço.Outro alvo é Davidson Tolentino, que foi diretor de Logística na Saúde antes de Tiago Pontes Queiroz. Tolentino acaba de deixar um cargo de diretoria na Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). Ele era diretor da Área de Revitalização das Bacias Hidrográficas da Codevasf até 1º de setembro.

Tanto Tiago Queiroz como Davidson Tolentino são apadrinhados de lideranças do Progressistas, partido de Ricardo Barros e presidido pelo ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira. Queiroz também é ligado ao Republicanos.A PF diz já ter identificado indícios de inobservância da legislação administrativa, licitatória e sanitária, além do descumprimento de reiteradas decisões judiciais, com o aparente intento de favorecer determinadas empresas. A operação busca aprofundar a investigação. headtopics.com

Unidades do supermercado Extra em SP que entregavam bandeja sem carne até pagamento ser concluído suspendem prática Deputados vão investigar hospital no RJ ligado a Flávio Bolsonaro | Radar Bento XVI diz em carta que anseia pela morte 'em breve'

Ao todo, são 15 mandados de busca e apreensão, em seis cidades: Maceió, em Alagoas; Belo Horizonte e Montes Claros, em Minas Gerais; Recife, em Pernambuco; São Paulo e Brasília. Consulte Mais informação: Estadão »

O Assunto #561: Aula presencial - hora de reverter a evasão

A partir desta segunda-feira (18), os alunos das redes estaduais de São Paulo, Bahia e Mato Grosso voltam às aulas 100% in loco - além deles, mais 11 Estados optaram pelo presencial. Urgência no retorno às escolas é para garantir acesso a mais de 5 milhões de estudantes privados à educação durante a pandemia.

Fumaça de queimadas tem potencial cancerígeno, mostra pesquisa no interior de SP - Saúde - EstadãoFiltragem do material particulado do ar revelou compostos químicos que causam a morte de células e danos ao DNA A poeira que entra em casa é só fuligem, você varre a casa e na mesma hora já tá cheio dessa poeira. É uma poluição invisível que fica suspensa na atmosfera por séculos. INTERIOR? QUE BOM QUE TENHO MÁSCARA.

VÍDEO: Ministro da Saúde faz gesto obsceno a manifestantes em NY | RadarMarcelo Queiroga gesticulou em direção ao grupo, que retribuiu com xingamentos e gestos obscenos radaronline Kkkkkkkk esse é o Queirogão da massa. Paciência com comuna mimizento tem limite. Os antis já vão dizer que isso é má influência do Bonorão da massa. 😂 radaronline Eu acenava com o pênis mesmo!! FechadoComBolsonaroAte2026 ou mais... radaronline BolsonaroVergonhaDoBrasil

Em NY, Ministro da Saúde faz gesto obsceno para manifestantes anti-Bolsonaro; veja o vídeoQueiroga está na cidade acompanhando o presidente Jair Bolsonaro que discursa na abertura da Assembleia Geral da ONU ... A imprensa massacrou o Lula, e apoiou a eleição do Bolsonaro o.O A esquerda seria ruim porque governa para todos e o Bolsonaro é bom porque tortura e mata brasileiros Só peço que a imprensa seja justa, e fique do lado do povo dessa vez, LULA EM 2022! Pela Democracia... A imprensa é uma piada Oh, que horror. Gesto obceno! 😂

Brasil tem 37,64% da população totalmente imunizada contra a covid - Saúde - EstadãoA quantidade de pessoas vacinadas contra a covid-19 com ao menos uma dose no País chegou neste domingo, 19, a 141.623.847 Imunizada? Kkkkk Se tivessem não estavam morrendo tomando vacinas.... Precisamos chegar a 80% rápido 😥 Imunizada não, vacinada. Imunizada é quando você toma a vacina e NÃO CONTRAI A DOENÇA. Não é isso que estamos vendo.

Ministério da Saúde diz que morte de jovem não está relacionada à vacinaPasta confirma que a adolescente de 16 anos morreu de púrpura trombocitopênica trombótica, doença que causa trombos que entopem vasos sanguíneos Canalhas! o lance é colocar medo na população! Ah vá Perguntar para a Ana Paula do vôlei

Por que investir em cultura faz bem para à saúde e à economiaOpinião | 'Programas de participação cultural para o bem-estar mental no país pode gerar benefícios por todos os lados: individuais, sociais, econômicos e para os trabalhadores da cultura'