PCC movimentou R$ 1,2 bilhão com tráfico de drogas; Justiça manda prender 18 de nova cúpula - Brasil - Estadão

CAPA: PCC movimentou R$1,2 bi com tráfico internacional de drogas

24/10/2020 13:45:00

CAPA: PCC movimentou R$1,2 bi com tráfico internacional de drogas

Dados constam em documentos apreendidos em operação do Ministério Público; Justiça decreta a prisão de 18 acusados de pertencer à cúpula da facção

.Esta á primeira vez que o MPE se aproxima da decisão de qualificar o PCC como organização de tipo mafioso, pois esclarece os esquemas de lavagem de dinheiro do grupo, última etapa para que o grupo pudesse ser considerado uma máfia. “Mostramos que o dinheiro do PCC não fica no Brasil. Ele vai para o exterior”, afirmou o promotor Gakiya.

Trump pede que chefe de órgão responsável por transição com Biden faça os 'protocolos iniciais' Manifestação pede justiça por João Alberto em frente a unidade do Carrefour em Porto Alegre Deputado diz que Marília sugeriu que ele fizesse caixa com assessores

As investigações do MPE começaram no dia 8 de agosto de 2018, quando foi preso Robson Sampaio de Lima, em São Paulo. Com ele, os policiais acharam telefones celulares, computadores e drogas. Ali estavam documentos da contabilidade do setor financeiro da facção.

Setor financeiro do PCCSegundo a denúncia da promotoria, Prado, o Sem Querer, exerceria o controle do setor financeiro do PCC. Ele dava ordens a Lima. Tanto Sem Querer quanto Almeida, o Pisca, foram presos em 18 de julho de 2018, em Assunção, no Paraguai.

Toda a movimentação financeira da facção só podia ser feita por meio de ordens de Sem Querer. Era ele quem determinava a entrega de remessas de dinheiro para os doleiros do PCC, informando os valores e para quem devia ser destinado o dinheiro da rede de casas-cofre. 

As casas-forte foi o meio encontrado pela facção para lidar com a grande quantidade de dinheiro do tráfico de drogas. A rede foi criada – o tesouro do PCC – para que o grupo mantivesse sua liquidez. As casas ainda resolviam o problema de encontrar esquemas para a lavagem do dinheiro. Os investigadores desconfiam que parte delas esteja instalada em casas de luxo adquiridas pelo grupo em bairros nobres.

Nos computadores de Lima foram apreendidas planilhas que mostram que Sem Querer e Pisca eram os dois líderes do PCC aos quais elas estava subordinadas. Os dois eram ligados a Tuta, apontado como o responsável por organizar a facção nas ruas, cuidando da distribuição de drogas. Ele ainda seria responsável pelos depósitos de armas do grupo e manteria relações com Lima.

Prova disso seriam mensagens que ele trocou com Lima nas quais o subordinado pedia autorização para retirar 50 baldes de anfetaminas guardados na residência de um casal que alugava o lugar por R$ 1,2 mil.Outro acusado no caso é Odair Lopes Batista Junior. Subordinado a Tuta, ele seria o responsável pelo chamado setor do Progresso, o varejo das drogas na capital paulista e na Baixada Santista. Só em janeiro de 2019, ele teria movimentado – segundo planilha apreendida – 1,85 tonelada de cocaína. Em fevereiro, esse número ficou um pouco abaixo: 1,73 tonelada. Outras 2,8 toneladas foram trazidas entre março e julho.

Pandemia e novas regras dificultam acesso ao aborto legal no Brasil - BBC News Brasil 10 anos em 10 meses: como cientistas de Oxford criaram em tempo recorde um novo modelo de vacina contra o coronavírus - BBC News Brasil Brasil vive 'início de 2ª onda' de Covid por falta de testes, de política centralizada e de isolamento social, apontam pesquisadores

Ao todo, o PCC movimentou no primeiro semestre de 2019 – incluídos todos os esquemas – 15 toneladas de cocaína, que foram transportadas do exterior para São Paulo e Baixada Santista. A facção passou ainda a atuar na venda de anfetaminas, além de cocaína e maconha. 

RedePara fazer a distribuição da droga e do dinheiro, a facção montou uma rede de celulares que só se comunicavam entre si. Nenhum de seus integrantes podia manter em seus telefones contatos com outras pessoas. Quando o telefone de um deles foi apreendido por policiais militares que não sabiam que estavam diante de um dos guardiões de uma casa-forte da facção, a chefia mandou Lima refazer toda a rede de telefones celulares do grupo, substituindo os aparelhos usados. Em uma única vez, a facção comprou 28 aparelhos por R$ 63,4 mil para os chefes. E usou outros R$ 341 mil para adquirir telefones e chips para outros integrantes do setor financeiro.

Quem era responsável por montar a rede , segundo o MPE, era Carla Ruy Riciotti Lima. Era ela quem gravava nos aparelhos os aplicativos que deviam ser usados e os contatos que cada um deveria ter para resguardar a segurança da cúpula da facção. Com ela foram apreendidas centenas de chips durante as buscas em sua casa, em 14 de setembro deste ano, quando a acusada foi presa.

Seu chefe, Robson Lima foi ainda apontado pela MPE como o responsável por pagar propinas para policiais corruptos e despesas de viagens do grupo. Em sua planilhas há detalhes até de quanto foi gasto para “embrulhar o arame”, como a facção chama a compra de rolo plástico para embalar dinheiro vivo. Há ainda compras de chips para celulares e até o pagamento de IPVA de carros usados para transportar o dinheiro, pois a facção não ia querer perder um carro carregado por causa de imposto atrasado.

Dinheiro fracionadoNos documentos do PCC, os doleiros são identificados por codinomes. Entre eles está o da “Veia”. Ela recebeu, por exemplo, US$ 626 mil dos US$ 900 mil negociados por um dos traficantes da facção em uma operação descrita nas planilhas e mensagens de celular apreendidas. Nelas, os valores em dólares são descritos como “em verde” em contraposição ao entregue aos doleiros em “real”.

O esquema do PCC foi afetado pela Operação Câmbio Desligo, da Polícia Federal, em maio de 2018, que investigou entre outros o doleiro Dario Messer. Após a ação, o membro da facção Robson Sampaio de Lima ficou em dúvida sobre como continuar a remessa de valores para o exterior. O transporte do dinheiro era sempre fracionado. O limite máximo por viagem era de R$ 250 mil.

A história brutal e quase esquecida da era de linchamentos de negros nos EUA - BBC News Brasil A brasileira que descobriu o passado nazista do próprio avô - BBC News Brasil População registra passagem de foguete chinês sobre o céu do Nordeste brasileiro; vídeo

O grupo chegou a discutir instituir o esquema de transportar o dinheiro por meio de pessoas chamadas de formigas ou mulas com sacolas, em razão da necessidade de muitas viagens diárias. Optou-se por contratar motoristas sem antecedentes criminais para fazer o transporte.

O mesmo sistema de fracionamento de dinheiro para o transporte era usado quando se buscava movimentar recursos nas contas bancárias de laranjas. “Os boys contratados para levarem dinheiro às agências bancárias faziam depósitos fracionados e em agencias diferentes”, diz a denúncia da promotoria.

O grupo aplicava o dinheiro na compra de carros, imóveis e na manutenção e compra de aeronaves. Só com aluguel de garagem, compra de combustível e pagamento de pilotos e mecânicos, a facção gastou US$ 990 mil de junho de 2018 a julho de 2019. A promotoria achou anotações sobre a presença de integrantes do PCC em Bulgária, Alemanha, Espanha, Angola e Argentina. De acusados na Operação Sharks, 8 estão foragidos.

Consulte Mais informação: Estadão »

Porto Alegre: Candidato termina debate drive-in cantando música do He-Man

O candidato do Pros à prefeitura de Porto Alegre, Rodrigo Maroni (PROS), protagonizou um novo momento inusitado em debates das eleições municipais deste

O termo 'crime organizado ' não é a toa PCCsdb Com ajuda de servidores públicos do quadro, políticos e empresários de sucesso. Só vender drogras não basta. Sem ajuda seria impossível. Alguém vai mexer com esse sistema? Jamais, é preferível viver no mundinho da briguinha medíocre entre direita e esquerda

e os 40 kg encontrados no avião do bolsomerda? Os lucros vão aumentar porque o marcorelio colocou o andrédorap em liberdade,apto a retomar sua atividade profissional. Diferente do governo o crime é organizado Daqui a pouco vão anunciar uma IPO também Tanto de imposto não arrecadado.. (P)oliciais (C)omando (C)rime ... sim kkk não foi INTERVENÇÃO MILITAR FOI TOMADA DE BOCA com a ( ajudinha da MILICIA FEDERAL )

Chama o MAM para explicar.... alencaramatos PCC já é unicórnio? Não legalizam né?o tráfico agradece Poderiam ter informado na chamada da matéria o tempo, né. É o básico p uma notícia completa. Movimentou essa quantia dentro de qual período? Parabéns para as drogas que ganham mais uma batalha na guerra, faturam bilhão e o estado ainda perde de taxar imposto

Olha o Estado Brasileiro sendo otário em não descriminalizar as drogas. Poderia estar papando 1,2 bi, mas continua na mesma guerra ideológica estúpida de sempre. PCC daqui a pouco tá mais poderoso que a Petrobrás 😂😂😂😂 Duas conclusões:1- as propagandas do governo sobre a atuação da PF só podem ser cortina de fumaça.2-Excelente “negócio” ter sancionado uma lei que permitiu por nas ruas um dos líderes dessa facção. Como dizia Escobar, a parte mais fácil foi comprar o Noriega para usar a Nicarágua

Os liberal tudo sedento num IPO do PCC ah lá Méritos do PSDB há mais de 20 anos no governo de São Paulo, e tem cabeças de pagre da extrema direita paulista preocupados com a Venezuela! Da pra pagar excelentes advogados. O empreendedorismo brasileiro é um sucesso. Ainda perde do pt Discriminalização já! Mas sabemos porque é criminalizado... E não tem nada haver com a família tradicional.

E depois tem político que fica comemorando quando a polícia apreende 10 toneladas de maconha. No final, não fez bem cócegas para os grandes traficantes gduvivier a solução pra diluir o lucro de organizações criminosas? Maconha! Jornal fazendo propaganda para o tráfico. O Brasil cansa. Mas isso não ia acabar em 2019? Oq deu errado? Kkk

O Estado de SP e o Brasil agradecem ao PSDB por permitir o fortalecimento do PCC dentro das cadeias. PSDBNuncaMais Cobrando imposto em cima dessa renda toda haveria receita para várias áreas importantes como saúde e educação Em tese o Brasil não produz droga, ou seja, ela entra no país, circula pelo país é processada e vendida pq alguém deixa Sabe-se q é com conivência pois um cara falou das lagostas do STF e um belo dia a federal estava na porta dele, tinha ip, dados da conta etc etc

Cobra imposto dessa renda toda Aí Ministro Marco Aurélio.. 1,2 bi? Que sabem né ? É muito mais, os caras estão em setores estratégicos da economia O governo de São Paulo tem um acordo com o crime organizado. Eles não afetam a cidade e eles fingem não ver os negócios dessa quadrilha. No Rio de Janeiro os políticos fazem parte das quadrilhas.

Minha nossa isso é dinheiro demais . Mas pelo menos eles já assumem que são do crime mesmo e acabou ,não tentam se passar por cidadãos de bem lol O crime compensa! Essa Esquerda brasileira......

Das unanimidades às apostas: confira 5 opções por posição para a 18ª rodada no Cartola - LANCE!

Kelly Key faz filha passar vergonha em aniversário de 18 anos - ISTOÉ IndependenteDurante uma sessão de perguntas no Instagram, Suzanna Freitas, filha de Kelly Key, respondeu aos seguidores alguns questionamentos sobre a mãe. Segundo a menina, em seu aniversário de 18 anos (em 2019), Kelly a fez passar vergonha pedindo até para estourar champanhe. +“Não comemorem”, diz Ratinho para haters sobre estar com Covid-19 + Leonardo lamenta saída […] Nossa o q rolou Sem noção! 🥱 problema dela...próxima!

Palpitômetro: Quais são os favoritos em cada jogo da 18ª rodada? Escolha! - LANCE!

PCC movimentou R$ 1,2 bilhão com tráfico internacional de drogas - Brasil - EstadãoDados constam em documentos apreendidos em operação do Ministério Público; Justiça decreta a prisão de 18 acusados de pertencer à cúpula da facção E financia duas máfias a da Invasão e do transportes E o SCC que governa SP movimentou quanto ? Tem grana até para pagar a FAB fazer carreto !

Professor da UFRJ comandava esquema de tráfico de fósseis envolvendo mineradores no Ceará - Brasil - EstadãoAs peças eram subtraídas da Chapada do Araripe por pesquisadores que visitavam as minas, levando para países da Europa pelo mar ou de avião; ao todo, foram cumpridos 19 mandados de busca e apreensão Bolsonarista, com certeza Breaking Bad da vida real... Depois eu falo que professor é tudo vagabundo ninguém acredita.

Redes de tráfico de fósseis alimentam coleções no exterior e prejudicam ciência brasileira; entenda - Brasil - EstadãoBacia do Araripe, no Ceará, está no foco de operação da Polícia Federal esta semana; área é um dos principais alvos deste tipo de crime E tá errado? O fóssil é de quem achou uai, se quiser vender pra Jamaica que venda Ciência brasileira? Qual? Quem diabos fumaria um fossil ?