Paulo Dantas (MDB) é eleito governador de Alagoas em votação indireta | CNN Brasil

15/05/2022 21:18:00

Paulo Dantas (MDB) é eleito governador de Alagoas em votação indireta

Paulo Dantas (MDB) é eleito governador de Alagoas em votação indireta

Dantas foi eleito por 21 votos e terá como vice José Wanderley Neto (MDB)

Jair Bolsonaro (PL).ce-governador do estado entre 2005 e 2008.Paulo Dantas foi eleito governador-tampão de Alagoas Reprodução Assembleia Legislativa de Alagoas elegeu, neste domingo (15), Paulo Dantas e José Wanderley Neto como governador e vice-governador do estado para um mandato-tampão.Acompanhe o Radar das Eleições, novo videocast com informações de bastidores, análises de candidaturas e das pesquisas de intenção de voto Uma ala do MDB defende o apoio do partido a Lula para a Presidência.

A família Calheiros emplacou Dantas para o mandato de governador-tampão com a intenção de que ele dispute o pleito de outubro sentado na cadeira de governador e no controle da máquina estadual.As eleições indiretas foram parar no Supremo Tribunal Federal (STF).Davi Maia (União), Cabo Bebeto (PL), e Danúbia Barbosa (não foi informado o partido) tiveram um voto cada um.Uma decisão do Tribunal de Justiça de Alagoas havia derrubado uma liminar de primeira instância que tinha determinado o adiamento da eleição, a pedido do PSB, sigla que apoiou a candidatura de Davi Maia.Obrigado a todos que acreditaram em uma Alagoas 100%.O partido, então, entrou com recurso no Supremo, e o presidente da Corte, o ministro Luiz Fux suspendeu o processo de forma temporária.Dois deputados faltaram à sessão.Relator do caso, o ministro Gilmar Mendes ordenou no dia 9 a reabertura do edital para as eleições e atendeu o principal pedido do Progressistas, partido de Lira, ao determinar que o registro e a votação dos candidatos a governador e vice-governador fossem realizados em chapa única.Simone Tebet é um nome espetacular.

O primeiro edital autorizava candidaturas separadas para os dois cargos, o que era criticado pela oposição, para quem a regra beneficiava os Calheiros.Desde 2015 o estado é comandado pelo MDB, que teve Renan Filho eleito em 2014 e reeleito em 2018.Em 1º de janeiro tomará posse o governador e o vice eleitos nas eleições de outubro deste ano.Gilmar decidiu ainda que a filiação partidária não pressupõe a escolha do candidato em convenção e que a votação precisa observar as condições constitucionais de elegibilidade e as hipóteses de inelegibilidade previstas na Constituição, também atendendo a questionamentos feitos pela oposição.Além disso, determinou votação nominal e aberta.O agora ex-deputado estadual será candidato à reeleição ao governo, com apoio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) toma posse de forma imediata no cargo.A decisão foi levada ao plenário virtual do Supremo na sexta-feira (13), mas o julgamento foi suspenso por pedido de vista feito pelo ministro Kassio Nunes Marques.Antes de Kassio solicitar mais tempo para analisar o caso, quatro ministros haviam acompanhado o entendimento de Gilmar – Edson Fachin, Dias Toffoli, Alexandre de Moraes e Ricardo Lewandowski."Tentaram golpear nossa democracia tentando desestabilizar Alagoas.Lula deveria estar na cadeia e essas pessoas deveriam estar respondendo a seus processos.

Faltava apenas um voto para que fosse formada maioria a chancelar a decisão do relator.Na prática, o pedido de vista não impediu a eleição e a liminar dada pelo decano do STF no dia 9 segue em vigor.Para a cientista política Luciana Santana, da Ufal (Universidade Federal de Alagoas), a eleição de Dantas dá-se início um processo pré-eleitoral —que deve ter disputa nacionalizada.Após a decisão, a Assembleia Legislativa de Alagoas marcou o pleito para este domingo.Votação A votação deste domingo foi marcada por críticas ao domínio dos Calheiros no Estado durante discursos na tribuna da Casa Legislativa.Será uma disputa envolvendo mais espaço e poder em Alagoas", afirma, A votação A votação ocorreu de forma aberta, com os deputados estaduais citando os nomes da chapa escolhida.“Temos um grupo hegemônico no comando do governo do Estado, e a candidatura do deputado Paulo Dantas representa um governo de continuidade de todas as mazelas vivenciadas pelo povo alagoano nos últimos anos”, disse Davi Maia.Os que querem Bolsonaro estão encantados com os favores, vantagens e emendas do Orçamento.

Dantas, por outro lado, acusou a oposição de tentar “golpear a democracia” ao judicializar o processo eleitoral.A eleição para o governo de Alagoas acentuou a rivalidade de grupos da política alagoana: de um lado o senador Renan Calheiros (MDB); do outro, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP).“Fizeram chicanas, tentaram apequenar o processo legítimo, um vale-tudo, que atrapalha a vida da nossa gente”, afirmou o governador eleito ao falar em “ataques covardes, maquiados de nova política”.Entre os candidatos, o clima era de derrota iminente diante da vantagem de Dantas no pleito.Renan Filho e Paulo Dantas tiram foto com trabalhador rural em São Sebastião (AL) Imagem: Márcio Ferreira/Governo de Alagoas Atraso na votação Até ocorrer, a eleição de hoje enfrentou uma sequência de decisões judiciais contraditórias, que postergaram a votação por 13 dias.Dos 27 deputados estaduais, 15 são filiados ao partido dele, o MDB, mais que a maioria simples necessária para vencer o processo.Tópicos.Aí, em agosto, fariam uma grande pesquisa.

Consulte Mais informação:
CNN Brasil »
Loading news...
Failed to load news.

Sistema vence mais uma vez O candidato do TOGAQUISTÃO puxadinho STF... O jantar dos senadores com o STF rendeu né? Tem pouquíssimo tempo para fazer o pé de meia......

Reportagem: Carlos Madeiro - Em vitória dos Calheiros, Paulo Dantas (MDB) é eleito governador de AlagoasA Assembleia Legislativa de Alagoas elegeu, em sessão especial na tarde de hoje, o deputado estadual Paulo Dantas (MDB) como novo governador para um mandato tampão até 31 de dezembro. Ele terá como vice o médico José Wanderley Neto (MDB), que já foi vi Esquente a cadeira temporariamente!

Paulo Dantas é eleito governador-tampão de AlagoasPaulo Dantas é eleito governador-tampão de Alagoas Chapa conta com José Wanderley Neto como vice-governador. Os vencedores ficarão no cargo até o dia 31 de dezembro

Decano do MDB critica apoio a Lula e diz que votaria em branco no 2º turnoDecano do MDB, o ex-governador do Rio Grande do Sul, ex-senador e ex-ministro da Agricultura de José Sarney, Pedro Simon, de 92 anos, acumulou sete décadas consecutivas de atuação na vida pública. Com essa bagagem, insurge-se contra a ala lulista de se Isso se ele durar até a eleição. O que esperavam desse morista golpista? Múmia paralítica

‘Grupo que apoia Lula deixa marca dolorosa no MDB’, diz Pedro Simon - Política - EstadãoEstadaoPolitica ‘Grupo que apoia Lula deixa marca dolorosa no MDB’, diz Pedro Simon Quadro histórico do partido, aos 92 anos, ex-governador gaúcho defende palanque único da 3.ª via e aposta em Simone Tebet Politica Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento. Este é o grande e primeiro mandamento. O segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Politica O não tem editorial, é matéria paga. Entrou na folha da Secom? Politica

Doria diz que acordo do PSDB com MDB é “tentativa de golpe” | O AntagonistaNa semana passada, as bancadas de deputados federais e senadores tucanos divulgaram uma nota defendendo que Bruno Araújo avance nas conversas com o MDB Se é golpe, a culpa é do Bolsonaro!! Não Fora João Doria , Rodrigo Garcia e PSDB FORA do estado de SP PSDBoficial PSDB_SP Foda-se o PSDB, foda-se o MDB, foda-se o Doria!

Ala do MDB que apoia Lula gostou de “mamar nas tetas” do governo, diz Pedro Simon | O AntagonistaDecano do partido afirma que Renan Calheiros e Eunício Oliveira deixaram uma marca “triste e dolorosa” na legenda E hoje, quem mama? PMDB e PP estão sempre encima do murro para mamar em qualquer teta. Esse velhaco aí sempre mamou e agora quer dar uma de honesto. Os caciques, né? Moreira Franco, Temer, Piccianni, Gedel e por ai vai