Cartacapital, Carta Capital, Manuela Carta, Mino Carta, Lula, Política, Economia, Sociedade, Brasil, Progressista, Jornalismo Crítico, Transparente, Ana Luiza Basilio, Moro, Veja, İstoé, Editora Confiança, Assine Carta, Assine Carta Capital, Esquerda, Luiz Inácio Lula Da Silva, Delfim Neto, Afonsinho, Belluzzo, Revista Época, Bndes, Correios, Funai, Cidadania, Lava Jato

Cartacapital, Carta Capital

Ofensiva contra Sleeping Giants Brasil pode criar precedente perigoso - CartaCapital

Ofensiva contra Sleeping Giants Brasil pode criar precedente perigoso

24/11/2020 19:40:00

Ofensiva contra Sleeping Giants Brasil pode criar precedente perigoso

Conhecido por disseminar desinformação, Jornal da Cidade Online entra na Justiça para obter violação da proteção de dados de administradores

 A contraofensiva não tardou e, logo, o Jornal da Cidade Online, veículo que tem sido sistematicamente questionado acerca da qualidade das apurações e veracidade das informações publicadas, inclusive por parte da CPMI das Fake News, entrou na justiça para obter a violação da proteção de dados do Sleeping Giants no Twitter. A pressão cresceu a partir de outubro com a não permissão por parte do Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul à participação de entidades especializadas em direito à informação e liberdade de expressão no país, bem como, quando exigiu que a plataforma digital entregasse as informações dos administradores do perfil antes do trânsito em julgado do processo.

'Existe um infinito entre ser racista e fazer uma piada de cunho racista', diz Cocielo - Emais - Estadão Bolsonaro muda tom e diz que Forças Armadas jamais aceitariam 'convite' contra a democracia - Política - Estadão Onça resgatada de queimadas do Pantanal retorna à natureza

A indústria da desinformação depende de modelo de negócio das plataformas digitais que agenciam a relação entre editores de conteúdo e anunciantes por meio de ferramentas como, por exemplo, o Google AdSense, a qual era usada pela página desinformativa. Assim, o meio mais eficaz de impedir que tais veículos propaguem notícias falsas causando enormes prejuízos à democracia é alertando os seus anunciantes sobre a desinformação causada pelos veículos onde anunciam.

A forma que o site de notícias falsas do advogado José Pinheiro Tolentino Filho escolheu para atacar o Sleeping Giants na Justiça, exigindo que o Twitter entregue os dados de identificação do usuário autor da página, tem por objetivo acertá-lo pelo menos de duas formas. A primeira seria através de pressão e litigância contra os administradores do perfil, mobilizando processos judiciais por difamação, acusando-os de apontarem que a página Jornal da Cidade Online difunde notícias falsas (o que, na realidade, é um fato amplamente reconhecido, já lhe tendo rendido inclusive condenação por danos morais contra desembargadores e investigação na chamada CPI das Fake News). headtopics.com

A segunda forma, é possível dizer pelo modus operandi como atua o campo político ao qual pertence o Jornal da Cidade Online, se daria através do uso desses dados para mobilizar campanhas de injúrias e ameaças contra as pessoas que operam o Sleeping Giants. Foi, por exemplo, o que aconteceu com a versão estadunidense dessa iniciativa e é o que costuma acontecer cotidianamente com os adversários do bolsonarismo, bastando ler o noticiário para se estar ciente disso.

Matt Rivitz, publicitário que criou o Sleeping Giants nos EUA em novembro de 2016, tem sofrido ameaças de morte desde que um site conservador revelou sua identidade. Não somente contra ele, as ameaças foram dirigidas também contra o seu filho de apenas 14 anos. A versão norte-americana dos gigantes conseguiu impactar, entre outros, o desinformativo site Breitbart News, o qual foi editado por Steve Bannon, ex-estrategista do governo Trump.

Os vínculos da indústria da desinformação com o chefe do Poder Executivo brasileiro são também conhecidos. A importância do Jornal da Cidade Online para as redes de notícias falsas bolsonarista pode ser medida pela reação que causou no círculo íntimo do presidente Bolsonaro a ação do Sleeping Giants. Após a decisão do Banco do Brasil de não mais anunciar na página, Carlos Bolsonaro, filho do presidente, e o secretário de Comunicação à época Fábio Wajngarten se manifestaram publicamente contra o ocorrido e o banco sofreu intervenção para que voltasse atrás na resolução.

De acordo com matéria publicada em abril de 2020 pela agência de checagem de informaçãoAos Fatos, o Jornal da Cidade Online faz parte de uma rede de desinformação que se mantém através de financiamento publicitário e está vinculado diretamente à página bolsonarista mantida pela viúva do torturador Alberto Brilhante Ustra. Ambos os sites compartilhavam até o início do ano o mesmo código de identificação no sistema do Google AdSense, junto com outros domínios. Isto significa dizer, que o dinheiro levantado por eles através do serviço de “publicidade programática” oferecido pelo Google era dividido dentro deste mesmo grupo. headtopics.com

Bolsonaro recua e diz que Forças Armadas são comprometidas com democracia Caminhoneiro é filmado com corpo para fora de veículo com garrafa de bebida na mão enquanto dirige; VÍDEO Nunca houve tantos divórcios como na pandemia, revela estudo dos cartórios

O histórico desse vínculo da indústria da desinformação com os defensores declarados de expoentes da tortura e da violência política acende uma luz de alerta que justifica a preocupação dos defensores de direitos humanos e liberdades civis com a possibilidade da quebra do sigilo de dados dos administradores do Sleeping Giants. Uma vez reveladas essas informações, o seu impacto para a vida dos envolvidos é irreversível, o que é extremamente grave em um país com as altas taxas de violência e assassinato contra comunicadores e defensores dos direitos humanos como é o Brasil. Além disso, o combate à desinformação pode perder talvez o seu instrumento atual mais poderoso de enfrentamento às chamadas fake news, pela sua capacidade de estrangulamento da viabilidade econômica de se manter grandes canais de difusão de conteúdos falsos.

Consulte Mais informação: CartaCapital »

Veja a reação de idosa ao saber que seria a primeira moradora do Rio vacinada contra a Covid-19

Terezinha da Conceição chorou e deu um breve abraço na cuidadora. Técnica de enfermagem que também recebeu a vacina deixa recado: 'É só com a vacina mesmo é que a gente vai lentamente conseguir vencer essa doença'.

A composição dessa quadrilha denominada de slpng_giants_pt, precisa urgentemente ser desarticulada.