O site liderado por cientista dos EUA que monitora coronavírus e tem 1 bilhão de acessos por dia

Com 1 bilhão de acessos por dia, o portal da Universidade Johns Hopkins se tornou a fonte de maior autoridade para monitorar o coronavírus ao redor do mundo.

10/04/2020 01:54:00

Com 1 bilhão de acessos por dia, o portal da Universidade Johns Hopkins se tornou a fonte de maior autoridade para monitorar o coronavírus ao redor do mundo.

Lauren Gardner comanda portal da Universidade Johns Hopkins, que exibe número de casos confirmados, de mortes e de sobreviventes de covid-19 em todos os países do mundo.

"Estávamos explodindo os servidores da Amazon com toda a demanda. Agora, o Laboratório de Física Aplicada [na Hopkins] ajuda na curadoria e na tecnologia de dados de back-end. A Esri, empresa que possui o software de mapeamento, ajuda a gerenciar a plataforma. Os funcionários da Hopkins gerenciam a mídia e as comunicações. Mas o grupo ainda é muito menor do que deveria ser para o que estamos fazendo", assinala.

Bolsonaristas resgatam boato falso sobre participação de Dilma em assaltos a banco e homicídios na ditadura Namorado é levado para hospital após acidente doméstico na casa da mãe de Neymar, diz assessoria do jogador 'Destino de todo mundo', diz Bolsonaro sobre mortos; Brasil bate recorde de óbitos por coronavírus - Saúde - Estadão

Embora o trabalho manual seja menor, uma vez que o site é automatizado, ele é"cansativo", ressalva a pesquisadora."Por mais de dois meses, estávamos tentando tomar decisões sobre onde coletar dados, quais dados eram confiáveis, como agregá-los, validá-los. Inicialmente, fizemos tudo manualmente. Agora, quase tudo é automatizado com várias verificações cruzadas", explica.

"O painel é atualizado automaticamente a cada hora. Também estamos em um turno rotativo de 24 horas para questões como servidor e curadoria de dados. Por exemplo, temos um estudante de doutorado que mora na Inglaterra e que inicia o nosso turno pela manhã (por causa do fuso)", acrescenta.

"É um grande esforço de serviço público baseado em voluntários. Estamos apenas tentando o nosso melhor para que seja o melhor possível, mas sabemos que não é perfeito".Apesar desse esforço, o site esteve envolvido em polêmicas - identificou Taiwan como Taiwan (a China considera o país uma província rebelde) e inicialmente localizou os casos confirmados de coronavirus dentro do cruzeiro de luxo Diamond Princess, que estava em quarentena no Japão, no meio dos Estados Unidos.

"As implicações geopolíticas têm sido estressantes e perturbadoras. Só quero relatar os dados que serão os mais úteis e adequados para as pessoas que estão tentando obter acesso a eles. O vírus não se importa com as fronteiras", diz.

Segundo Gardner, com a automatização completa do site, ela e sua equipe estão concentrados em fazer outros tipos de pesquisa."Quase 90% dos meus interesses e esforços estão concentrados na modelagem matemática em torno dessa doença. Estamos fazendo uma avaliação de risco em tempo real do que está acontecendo nos Estados Unidos, com o objetivo de fornecer esses resultados aos formuladores de políticas públicas", diz.

Gardner diz acreditar que o trabalho vai continuar"por pelo menos mais alguns meses""Estamos fazendo isso desde janeiro. Largamos todo o resto do laboratório. E provavelmente será assim por pelo menos mais alguns meses. E acho que acompanharemos o surto por um ano. Portanto, estamos nos esforçando 110%, com certeza", conclui.

Giovanna Ewbank fala sobre racismo: 'Preocupação com o futuro dos filhos é inevitável' - Emais - Estadão Coronavírus: Brasil bate novo recorde e registra 1.262 mortes em 24 horas Pelé adere à campanha em protesto contra o racismo - Esportes - Estadão Consulte Mais informação: BBC News Brasil »

oatila , recomenda? Quem é Johns Hopkins perto da autoridade de Jair Bolsonaro? Não era o jairbolsonaro? Acredito que todos os sites dessa natureza estão incorretos. Com os n°infectados desde meados de fevereiro impossível estarem vivos infectados até agora. BolsonaroTinhaRazao RemedioDoBolsonaro Melhor confiar no que os alucinados da Bozolândia dizem... 🐂🐂🐂🐂

Eles não conhecem a cloroquina? Esses americanos são de 3° mundo Divulgaram um estudo onde não aconselham o uso de cloroquina devido aos efeitos colaterais. Já já entra pra lista de esquerdistas comunistas EUA mais uma vez salvando o mundo!

Ignorados pelos EUA, imigrantes ilegais apelam ao governo brasileiro por ajudaEm meio à quarentena, trabalhos desapareceram e brasileiros dependem da solidariedade da comunidade para não passar fome; muitos deixam de pagar aluguel para ter dinheiro para comida e remédios. Daqui a pouco vai chegar um monte de alma boa, pra tripudiar e julgar. Até pq eles não pagam impostos sobre o que consomem nos EUA né Trump? Nem podem infectar quem é americano nativo caso peguem a doença. Podem tossir no rosto das pessoas que vai dar boa. Nem precisam ficar em casa (ironias) E nada,ué o EUA não e o paraíso, melhor lugar do mundo, seguro, hospitais maravilhosos,ganha dinheiro a rodo, tudo barato no supermercado pode trabalhar e 3 empregos, agora que o bicho pegou pede socorro ao governo do Brasil,sei.

Centro de doenças dos EUA tira do ar orientações sobre cloroquina - CartaCapitalAntes, o CDC noticiava em seu site que havia médicos usando o remédio no tratamento da covid-19; agora, ele só pede prudência Lá vem o Lixão do Maior Ladrão do Mundo noticiar M****! Xô torcida Organizada da PesteChinesa

Morre Linda Tripp, peça-chave do escândalo Lewinsky nos EUADenúncias de funcionária do Pentágono, amiga da estagiária da Casa Branca, levaram à abertura de processo de impeachment contra ex-presidente Bill Clinton JairNobeldaPaz Morreu com 70 anos de idade, sofreu bastante com a doença, será que se arrependeu do que fez ? Amiga confiou na mesma e ela a traiu, que sirva de exemplo para todos. Na época ninguém acreditou em Clinton, e ele revelou depois de anos que tinha mentido. Linda não guardou segredo, ainda mais do homem mais poderoso do mundo à época, igual as vizinhas do bairro só que neste caso a repercussão era mundial.

Ignorados pelos EUA, imigrantes ilegais apelam ao governo brasileiro por ajudaComunidade de brasileiros sem autorização para viver nos Estados Unidos passa por dificuldade com falta de trabalho em período de pandemia JairNobeldaPaz Ou eles não souberam ir para lá ilegalmente invadindo a casa dos outros? Porque eles acham que o dinheiro dos impostos dos brasileiros que estão no Brasil tem que safar eles pela besteira que fizeram? Votaram no bolsonaro, escolheram outra pátria, e agora querem que a pátria rejeitada lhes preste favor!!! Ah, só lembrando que Haddad perdeu para o bolsonaro no EUA!!! EUA não era um sonho de consumo 🤔

Peça-chave do escândalo Lewinsky nos EUA, Linda Tripp morre aos 70 anos - Internacional - EstadãoEx-funcionária do Pentágono, Tripp se tornou amiga de Monica, gravou confidências sobre Bill Clinton e entregou fitas a promotor Inter Killary🤷🏻‍♂️ Inter Só escandalizou o Estadão pelo jeito kkkk Inter A Imprensa, governadores, Manbeta estao com as maos sujas de sangue, 800 mortes que nao tiveram acesso ao menos uma tentativa com a cloroquina. Triste! ImprensaLixo

CDC dos EUA tira orientações sobre cloroquina e hidroxicloroquina de seu site - Saúde - EstadãoA orientação original foi elaborada pelo CDC depois que o presidente Trump pressionou pessoalmente autoridades reguladoras para tornar os medicamentos mais amplamente disponíveis para o tratamento do novo coronavírus OmarCarrionT Que houve? Sei que lá tem o Remdesivir, que é mais efetivo e menos tóxico que a Cloroquina.