O Assunto #740: PEC Kamikaze - auxílios e bombas

01/07/2022 15:00:00

#OAssunto - O projeto institui estado de calamidade pública e autoriza o gasto acima do teto, além de burlar a legislação eleitoral: “É a última opção para levá-lo (Bolsonaro) ao 2º turno', diz o analista @traumann. Ouça o podcast com @RenataLoPrete: #g1

Oassunto

OAssunto - O projeto institui estado de calamidade pública e autoriza o gasto acima do teto, além de burlar a legislação eleitoral: “É a última opção para levá-lo (Bolsonaro) ao 2º turno', diz o analista traumann. Ouça o podcast com RenataLoPrete: g1

A proposta de emenda constitucional esnobada pelo ministro da Economia em fevereiro acaba de passar, em versão mais que turbinada, em dois turnos no Senado. Entre uma data e outra, falharam seguidas manobras para conter a alta dos combustíveis. Agravaram-se as condições de vida da população e também a situação eleitoral de Jair Bolsonaro.

“É a última opção para levá-lo ao segundo turno", diz o analista político Thomas Traumann sobre o texto que, ao instituir estado de calamidade pública até 31 de dezembro, permite gastar sem respeitar teto, além de dar a volta em restrições da legislação eleitoral. Entre benefícios, vales e vouchers para caminhoneiros e taxistas, serão aproximadamente R$ 41 bilhões de impacto fiscal, a ser sentido a partir de 2023. Na conversa com Renata Lo Prete, Traumann, colunista da revista Veja e do site Poder 360, analisa ainda outros itens da pauta pré-recesso do Congresso, como o esforço para blindar o Orçamento secreto, seja qual for o próximo governo.

Consulte Mais informação: g1 »

A euforia na Faria Lima depois da mudança de rota da inflação | Radar Econômico

VEJA Mercado em vídeo: inflação americana veio abaixo do consenso de mercado e alavancou as bolsas Consulte Mais informação >>

traumann renataloprete Este homem simples é mais inteligente que os jornalistas que defende vagabundos traumann renataloprete O desespero da mídia é tão ESCANDALO, estão contra a baixa de preço e a ajuda aos mais vulneráveis, acabou gente.... Vcs não manipulam mais o povo! traumann renataloprete Engraçado não vi esses 'especialistas' falarem nada sobre o ladrão descondenado acabar com o teto de gastos🤔, mas baixar o preço dos combustíveis dentro da lei nossa um crime! Estado de calamidade foi trancar todo mundo em casa e a economia a gente vê depois! HIPÓCRITAS!

traumann renataloprete Dar-se todo o amor necessário, aprender a dizer não, impor limites, respeitar-se, ser sua prioridade, não ser depósito do lixo alheio e nem próprio, e buscar saúde emocional são tarefas suas. Não espere que alguém faça isso por vc! Busque ajuda! Um psicólogo pode ajudar! traumann renataloprete SenadoFederal KatiaAbreu senadorhumberto EduardoBraga_AM randolfeap ContaratoSenado _AlessandroSE jaqueswagner paulopaim IzalciLucas leiladovolei Reguffe

traumann renataloprete Vcs não estão falando a verdade, foi senado federal quem autorizou.. traumann renataloprete traumann renataloprete traumann renataloprete Eleições2022 NÃO votar ou reeleger devedores da justiça, investigados, réus, condenados e afins. Chega de usarem as instituições para interesses escusos e diálogos anti democráticos! Chega de pessoas de vida ilícita ditar o que você de vida lícita deve ou não fazer! DEMITAM!

traumann renataloprete Cartões clonad tá tendo rapaziada, esquema tbm. Chama que 75$ vai 650$ direto na conta traumann renataloprete Vivendo pra ver a midia militante e os petistas reclamando que auxílios não sejam pagos aos mais pobres em momento de crise, pq isso pode beneficiar o governo. Vivendo para ver reclamarem de redução de impostos. Nunca foi em defesa dos mais necessitados. Hipócritas.

SBT News - A sua fonte segura de informação

traumann renataloprete traumann renataloprete Não vai mesmo. traumann renataloprete traumann renataloprete traumann renataloprete traumann renataloprete Enquanto Bolsonaro aumenta o Auxílio Brasil, de R$ 400 para R$ 600 reais, os governadores do PT atendem Lula e se comprometem a não baixar o ICMS. Aqui no PIAUÍ, a governadora petista entrou no STF para manter 31% de ICMS sobre combustíveis. Vergonha nacional.

traumann renataloprete Se fosse alguém da esquerda fazendo isso vocês estariam aplaudindo. traumann renataloprete A Miriam leitoa não quer que a gasolina diminua de valor kkkkkkkk traumann renataloprete 'Última opção para leva-lo (Bolsonaro) ao 2º turno'. Esse é o nível dos analistas da Globo. traumann renataloprete Ok. Agora fale-nos sobre isso. 👇

De “PEC kamikaze” a “PEC salva-vidas” | O AntagonistaProposta que foi criticada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, agora é elogiada por integrantes do Poder Executivo às vésperas das eleições. Vão quebrar o Brasil até outubro...esses auxílios aumentam preços e transferem renda do pobre para o rico Medida eleitoreira.

Senado deve votar PEC do Auxílio Brasil nesta quarta | RadarSenador Fernando Bezerra apresentou relatório final nesta manhã; proposta inicial previa compensação de ICMS aos estados, mas trecho foi retirado

PEC que amplia Auxílio Brasil em ano eleitoral é 'passar a perna na lei', diz especialista - BBC News BrasilMedida prevê lançamento de 'voucher' no valor de R$ 1.000 para caminhoneiros e eleva valores do Auxílio Brasil de R$ 400 para R$ 600 e do auxílio para o gás de R$ 60 para R$ 120 no bimestre. Já há precedentes no TSE Choro de mais Esses 'especialistas' de vcs!!!

Com R$ 41,25 bilhões em auxílios, Senado aprova PEC dos CombustíveisMedida viabiliza o aumento de R$ 200 no benefício do Auxílio Brasil, o reajuste do auxílio-gás e a criação do “voucher caminhoneiro” e auxílio-gasolina para...

SBT News - A sua fonte segura de informação

Você pode ouvir O Assunto no g1, no GloboPlay, no Spotify, no Castbox, no Google Podcasts, no Apple Podcasts, no Deezer, na Amazon Music, no Hello You ou na sua plataforma de áudio preferida.SBT Copyright © 2022 - Todos os direitos reservados Nós utilizamos cookies e tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência com os nossos serviços, a fim de personalizar as publicidades e recomendar conteúdo de seu interesse, seguindo a nossa .× Foto: divulgação Após ser chamada pela própria equipe econômica do governo federal de “PEC kamikaze”, a emenda constitucional 1/2022, apresentada no início do ano pelo senador Carlos Fávaro (PSD-MT), passa a ser vista como a tábua de salvação do Executivo Federal .Por Atualizado em 29 jun 2022, 16h42 - Publicado em 29 jun 2022, 16h30 O senador Fernanda Bezerra (MDB-PE), relator da PEC 16/2022 Jefferson Rudy/Agência Senado Publicidade Relator da PEC 16/2022, o senador Fernando Bezerra (MDB-PE) apresentou na manhã desta quarta-feira o relatório final da proposta que deverá aumentar em 200 reais o Auxílio Brasil Inicialmente prevendo repasses da União para estados que zerassem o ICMS do diesel e do gás de cozinha, o texto teve o conteúdo original retirado, anunciou Bezerra, por entender que as compensações fiscais representariam risco de “insegurança jurídica”.

Assine ou siga O Assunto, para ser avisado sempre que tiver novo episódio. “É a última opção para levá-lo ao segundo turno", diz o analista político Thomas Traumann sobre o texto que, ao instituir estado de calamidade pública até 31 de dezembro, permite gastar sem respeitar teto, além de dar a volta em restrições da legislação eleitoral.. Entre benefícios, vales e vouchers para caminhoneiros e taxistas, serão aproximadamente R$ 41 bilhões de impacto fiscal, a ser sentido a partir de 2023. Por meio do Twitter, o senador Carlos Fávaro alfinetou o ministro da Economia, Paulo Guedes. Na conversa com Renata Lo Prete, Traumann, colunista da revista Veja e do site Poder 360, analisa ainda outros itens da pauta pré-recesso do Congresso, como o esforço para blindar o Orçamento secreto, seja qual for o próximo governo. O que você precisa saber: O podcast O Assunto é produzido por: Mônica Mariotti, Isabel Seta, Tiago Aguiar, Lorena Lara, Gabriel de Campos, Luiz Felipe Silva, Thiago Kaczuroski, Gustavo Honório e Eto Osclighter.

Apresentação: Renata Lo Prete. — Foto: Comunicação/Globo .