O acelerado processo de “bolsonarização” de Marcelo Queiroga | Maquiavel

O acelerado processo de “bolsonarização” de Marcelo Queiroga

22/10/2021 19:40:00

O acelerado processo de “bolsonarização” de Marcelo Queiroga

Em nome da aproximação com o presidente, Ministro da Saúde vem se afastando cada vez mais da ciência

Atualizado em 22 out 2021, 13h37 - Publicado em 22 out 2021, 13h33O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga -  Fernando Frazão/Agência BrasilPublicidadePublicidadeO anúncio do substituto do general Eduardo Pazuello no Ministério da Saúde provocou algum otimismo entre aqueles que ainda acreditavam em uma guinada na direção negacionista do governo frente a pandemia. Afinal, o escolhido não vinha do setor militar e, sim, da área médica: Marcelo Queiroga ocupava o cargo de presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia e, até então, era um profissional respeitado entre seus pares. Passados sete meses da posse, no entanto, a expectativa de uma atuação mais técnica e totalmente embasada na ciência se frustrou, a ponto de Queiroga ser um dos citados pelo relatório final da CPI da Pandemia. A comissão sugere que ele seja indiciado por epidemia com resultado de morte e prevaricação. Queiroga negou-se a falar sobre essas acusações: “Não sou comentarista de relatório”, disse.

Porquinho amarrado com bandeira do Palmeiras no Rio é resgatado por protetores de animais Omicron: O que Brasil deve fazer para impedir a chegada da nova variante detectada na África do Sul - BBC News Brasil Morador em situação de rua acha carteira, busca ajuda e devolve R$ 5,8 mil a agricultor em SP

Cada vez mais, em nome de suas ambições políticas e da tática de sobrevivência na Esplanada dos Ministérios, Queiroga vem se “bolsonarizando”. Embora venha declarando que pretende seguir no governo até 2026, nos bastidores comenta-se que ele tem a pretensão de tentar uma candidatura ao senado em 2022. Antes de assumir o atual posto, Queiroga já era conhecido pela família do presidente. Ele foi uma indicação do senador Flávio Bolsonaro, de quem é amigo pessoal. O ministro é próximo do também cardiologista Hélio Figueira, sogro do filho de Bolsonaro. Após as eleições de 2018, Queiroga integrou a equipe de transição do governo na área de saúde.

Um dos episódios que mostrou seu esforço para não trombar de frente com o chefe foi no caso da suspensão da vacinação de adolescentes. O Ministério da Saúde recomendou a paralisação da imunização de jovens entre 12 e 17 anos sem comorbidades, em setembro. Queiroga classificou a vacinação de adolescentes como “intempestiva” e admitiu que havia recebido um pedido de Bolsonaro para rever a orientação. Na tentativa de defesa da medida, o ministro usou argumentos falsos. Queiroga disse que a OMS não indica a vacinação de jovens nessa faixa etária e que os seu benefícios não haviam sido ainda claramente definidos. Na verdade, a OMS não tem nenhuma contraindicação à imunização de jovens entre 12 e 17 anos, apenas considera mais urgente a priorização das populações mais vulneráveis que ainda não tiveram acesso aos imunizantes. O ministro também citou o caso de um adolescente de São Bernardo que morreu após tomar a primeira dose da Pfizer, mas o óbito não estava ligado à vacina. headtopics.com

Outra cruzada de Queiroga em nome do alinhamento com Bolsonaro é na questão do uso obrigatório de máscaras. Em agosto, Queiroga afirmou ser contra a medida em entrevista ao canal Terça Livre, de Allan dos Santos (o blogueiro bolsonarista teve o pedido de prisão decretado na quinta, 21, por ordem do ministro Alexandre Moraes, do STF) . Recentemente, Queiroga reforçou o seu posicionamento:

“Sou absolutamente contrário [a leis que obrigam o uso de máscara e passaporte de vacinação]. O governo federal defende primeiro dignidade da pessoa humana, a vida, a liberdade. Eu acho que uma lei para obrigar qualquer coisa é um absurdo, porque não funciona. Temos que fazer as pessoas aderirem às recomendações sanitárias”, argumentou.

Alvo constante de críticas por causa dessas posturas, Queiroga deu vexame em viagem a Nova York, na qual fez parte da comitiva que acompanhou o presidente por ocasião da Assembleia Geral da ONU em Nova York. Diante de um grupo de brasileiros protestavam contra Bolsonaro, Queiroga respondeu com um gesto obsceno. Um vídeo da atitude do ministro foi amplamente divulgado nas redes sociais. Na mesma viagem, Queiroga contraiu Covid-19 e foi obrigado a permanecer no hotel em Nova York, cumprindo a quarentena obrigatória. Após o diagnostico, ele compartilhou no Instagram uma postagem anti-vacina. A publicação sugere

uma ineficácia dos imunizantes e do uso da máscara no combate à doença. Consulte Mais informação: VEJA »

Após receber medalha, Bolsonaro é vaiado e chamado de genocida na Câmara

Sob protestos de deputados da oposição, presidente foi condecorado por Arthur Lira (PP-AL)

Quando a gente vê que ideologias estão rondando a liberdade da Nação, só resta defender o correto, o certo, o direito...tendeu? Sempre foi, né? Agora é apenas descarado Admitindo que que processos deste tipo existam, podemos concluir que a revista já atingiu o estado da arte no processo lulopetização. A lularização da imprensa está a todo vapor

A seita da desgraça Bolsonaro tem poder pífio que pra jagunços é incantador Não é bolsonarização, ele já era assim e vocês não sabiam. Aliás na classe médica talvez a maioria seja assim. Quase sempre só fedelho filho de rico consegue essa carreira. Eles têm nojo do povo. Agora tá mais fácil demonstrar.

É o processo de deixar a pessoa Burra e Corrupta. Mais um desequilibrado. Os CURTICULUNS estão derretendo nesse governo , Bolsonaro é o Midas inverso , tudo que ele toca vira merda Desprezível cúmplice 🤮🤮🤮🤮🤮🤮🤮💩💩💩💩💩🗑🗑🗑🗑 Para ter aceitado o cargo, já era bolsominion desde o berço. Bolsonaro sempre piora as pessoas, sempre.

Os (poucos) indícios de financiamento de fake news apresentados pela CPI | MaquiavelRelatório da comissão aponta empresários bolsonaristas Otavio Fakhoury e Luciano Hang como financiadores de desinformação, mas apuração é inconclusiva se fossem do lado oposto, esses poucos seriam chamados de pergaminhos infinitos né folha Corruptos, comunistas, mamadores do estado, mídia vendida e interesses estrangeiros: todos juntos criando uma peça de ficção absurda para atacar quem enfrenta esses vagabundos que há tanto infelicitam o Brasil. porra já começou Veja?

A bolsonarização já existia qdo ele foi contratado, e ela já havia sido paga antes mesmo dele assumir. Nem tem o que falar do staff desse desgoverno... é uma falta de caráter explícita demais Tarot mestre jose Bolsonarismo não existe! Bolsonaro é só o vagabundo que cretinos reacionários do Brasil colocaram as esperanças de que ele conseguisse fazer acontecer a política nazifacista.

Freixo e PSOL: os alvos de lulistas após rejeição da PEC de controle do MP | MaquiavelPT votou em peso para ampliar fiscalização do Ministério Público, mas proposta foi rejeitada por 11 votos, com apoio de psolistas e deputados do PSB e PDT HAHAHAHHAAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHWHWHWHWH Tô com Freixo. Essa PEC ia beneficiar muitos corruptos. A esquerda fofa, agora serve de argumento para a direita grotesca. Defender a Lava jato, só para quem não tem escrúpulo.

Defesa de Mari Ferrer vê suspeição de juiz e pede paralisação do processoJuiz de 1ª instância do caso foi acusado de tentar interferir em decisão de desembargadores um dia antes da audiência que absolveu réu André Aranha Já deu essa aí. Tentou o golpe e não deu. Agora a mídia quer forçar a todo custo. A guria tá se achando o Lula já Deve ser de Taubaté

Queiroga questiona governadores do Nordeste: ‘Quantas vacinas trouxeram?’Ao lado de Bolsonaro, ministro atacou os governadores que compõem o Consórcio Nordeste JSPendot Na boa o mqueiroga2 é um peixe de boca grande....já sabe o final né? Esse definitivamente se revelou. foraqueiroga ForaBolsonaro E com que moral ele faz esse questionamento?

Depois de muito tempo, antiga Lava Jato comemora, enfim, uma vitória | MaquiavelNomes ligados à extinta força-tarefa de Curitiba, como Dallagnol e Moro, celebraram a rejeição de proposta na Câmara que aumentava controle sobre o MP Bandidos que se travestiam de 'juiz' e 'promotores' apoiados e acobertados pela imprensa vagabunda. deltanmd livre pra cometer mais absurdos? Isso é “justiça”? Acabaram com algo que devia ser permanente , se ninguém fiscalizar e investigar os politicos não haverá limites pro que os políticos poderão faze !!

Apesar de apoio das maiores bancadas, PEC que mudava CNMP é rejeitada | MaquiavelFaltaram onze votos para a aprovação do texto no plenário, mesmo com orientação do PT e do PSL favorável à Proposta de Emenda à Constituição Obrigado Deus ! Obrigado Brasil. Deus salve o BRASIL dos corruptos políticos 🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷 Obrigada a todos Deputados que resguardam o mínimo de bom senso pelo país. PEC5NÃO camaradeputados qual a intenção dessa pec ?