Mãe de Miguel, Mirtes se matricula em curso de direito: 'meu filho me deu o dever de ajudar o próximo'

Mãe de Miguel, Mirtes se matricula em curso de direito: 'senti na pele as injustiças e a morosidade do sistema' #G1

25/11/2020 17:45:00

Mãe de Miguel, Mirtes se matricula em curso de direito: 'senti na pele as injustiças e a morosidade do sistema' G1

Ex-empregada doméstica se prepara para começar a graduação no primeiro semestre de 2021. 'Acabei escolhendo o direito porque senti na pele as injustiças e a morosidade do sistema', disse.

A dor de perder o filho Miguel Otávio em junho deste ano deu forças a Mirtes Renata Santana de Souza para assumir um novo desafio: o de cursar direito a partir de 2021, no Recife, para se tornar advogada. “Me vi nessa missão. Meu filho me deu o dever de ajudar o próximo”, afirmou.

Mulher, negra e enfermeira é a primeira a receber dose da Coronavac contra covid-19 - Saúde - Estadão Enfermeira de SP é a 1ª vacinada do país; Doria e Pazuello trocam farpas - BBC News Brasil Mulher, negra e enfermeira será a primeira a receber dose da Coronavac - Saúde - Estadão

Miguel tinha 5 anos quando faleceu ao cair do 9º andar do prédio de luxo em que Mirtes trabalhava como empregada doméstica, no Cais de Santa Rita, no Centro do Recife. Segundo ela, o luto pela morte do filho trouxe a determinação para começar uma nova carreira, além da força para enfrentar preconceitos.

“Eu já estou preparada para os desafios. Pode ser que eu passe por algum preconceito, mas já estou passando por coisas piores. Nada se compara à dor que estou sentindo”, declarou.Os planos de chegar ao ensino superior, segundo Mirtes, eram antigos. “Antes, eu pensava em fazer administração a distância, para poder ter tempo de cuidar de Miguel. Agora, com essa tragédia, acabei escolhendo o direito porque senti na pele as injustiças e a morosidade do sistema. Me vi nessa missão de cursar direito para poder ajudar outras pessoas”, disse. headtopics.com

Conciliar o trabalho em uma organização não-governamental no Recife com a faculdade também vai ser outro desafio na nova rotina da mãe de Miguel. “Eu vou participar de um treinamento para dar palestras, fazer oficinas. Já expliquei que vou começar a faculdade, que tenho essa necessidade de conciliar o trabalho e os estudos, e me disseram que não vai ter problema”, contou.

Em junho de 2020, Mirtes guardou pertences do quarto do filho Miguel, morto após cair de prédio de luxo no Recife — Foto: Reprodução/TV GloboA graduação de Mirtes vai ser feita de forma presencial, a partir do primeiro semestre de 2021. Ao falar das expectativas com relação à vida de universitária, a tristeza dá lugar à empolgação em seu tom de voz. “Fiz a prova, passei, entreguei a documentação, fiz a matrícula. Agora só falta começar”, falou.

Além da torcida de parentes, amigos e advogados que acompanham Mirtes após a morte de Miguel, a ex-empregada doméstica também sente, no coração de mãe, o orgulho do filho pela decisão de se tornar advogada.“Ele sempre teve orgulho de mim. Em qualquer brincadeira com os meninos da rua, em qualquer festa que eu organizava, ele dizia ‘foi a minha mamãe que fez’. Agora ele deve estar muito orgulhoso”, afirmou.

A primeira audiência do Caso Miguel foi agendada para o dia 3 de dezembro, no Recife. "Estou muito confiante", afirmou. Além da esfera criminal, a mãe, o pai e a avó de Miguel pediram na Justiça uma indenização por danos materiais e morais, totalizando R$ 987 mil, a Sari Gaspar Corte Real, primeira-dama de Tamandaré e ex-patroa de Mirtes. headtopics.com

Anvisa aprova, por unanimidade, uso emergencial das vacinas Coronavac e Oxford - Saúde - Estadão Enfermeira de São Paulo é a primeira brasileira vacinada contra a Covid-19 Homem deixa mulher desacordada após espancamento e é preso por tentativa de feminicídio; veja vídeo

Caso Miguel Caso Miguel: 'Ver que meu filho não vai mais voltar é muito difícil', diz mãeMiguel caiu do 9º andar do edifício Píer Maurício de Nassau, no bairro de Santo Antônio, no Centro do Recife, no dia 2 de junho. A queda aconteceu após a mãe dele deixá-lo com Sari Corte Real para passear com Mel, a cadela da família que a empregava (veja vídeo acima).

No dia da morte de Miguel, Sari foi presa em flagrante por homicídio culposo, quando não há intenção de matar. Ela pagou uma fiança de R$ 20 mil para responder ao processo em liberdade.Em 1º de julho, ela foi indiciada pela polícia por abandono de incapaz que resultou em morte. Esse tipo de delito é considerado "preterdoloso", quando alguém comete um crime diferente do que planejava cometer.

Investigação policial Polícia indicia ex-patroa por abandono de incapaz na morte do menino MiguelSegundo a polícia, a criança saiu do apartamento de Sari para procurar a mãe e foi até os elevadores do condomínio. Imagens das câmeras de segurança mostram que, por pelo menos quatro vezes, a primeira-dama de Tamandaré conseguiu convencer Miguel a sair do elevador social e de serviço (veja vídeo acima).

Por meio de perícias, o Instituto de Criminalística de Pernambuco (IC) constatou que Sari Corte Real acionou a tecla do elevador que dá acesso à cobertura às 13h10, saindo do elevador em seguida. O laudo contradiz a versão dada pelo advogado de defesa de Sari. headtopics.com

Sari Corte Real é indiciada no caso que apura a morte do menino Miguel — Foto: Jornal NacionalO elevador parou no 9º andar, e a criança seguiu em direção a um corredor. Depois, parou na frente da janela da área técnica, escalou um vão e alcançou uma unidade condensadora de ar. Miguel tinha 1,10 metro e a janela, 1,20 metro. Marcas das sandálias que a criança usava atestaram que ele ficou em pé na condensadora.

Para descer de lá, Miguel pisou em um segundo equipamento do mesmo tipo e se dirigiu a um gradil que tem função estética. A criança escalou as grades e, ao chegar ao quarto "degrau", se desequilibrou e caiu.A perícia descartou a hipótese de que alguém estivesse com a criança no 9º andar. Para isso, foi calculado o tempo em que o garoto saiu do elevador e caiu no térreo: 58 segundos. Também não havia vestígios de outra pessoa no corredor em que a criança entrou.

Seja digno, Bolsonaro, peça desculpas e reconheça que errou - ISTOÉ Independente Anvisa autoriza o uso emergencial das vacinas Coronavac e da AstraZeneca/Oxford contra a covid-19 Doria: 'Hoje é o dia V. O triunfo da Ciência sobre os que preferem o cheiro da morte'

Protestos e homenagensJustiça por Miguel foi o tema do ´protesto realizado no Recife por causa da morte do menino que caiu do 9º andar de um prédio — Foto: Marlon Costa/Pernambuco PressO caso ganhou repercussão nacional, com manifestações de políticos e artistas na internet e criação de um abaixo-assinado virtual com mais de 2,5 milhões de assinaturas pedindo justiça.

No dia 12 de junho, durante um ato em frente ao prédio de onde Miguel caiu, manifestantes levaram cartazes com pedido de justiça e caminharam até a delegacia onde o caso é investigado. Eles exigiram que a ex-patroa da mãe do menino seja punida por homicídio doloso, quando há intenção de matar, e não culposo, como entendeu a polícia.

Em 9 de junho, artistas pediram justiça em um protesto em barcos no Rio Capibaribe, no Recife. Na véspera, 8 de junho, uma missa de sétimo dia foi celebrada virtualmente devido à pandemia da Covid-19.Protesto pediu justiça por Miguel no Centro do Recife — Foto: Marina Meireles/G1

No dia 7 de junho, outra homenagem a Miguel foi feita, mas em Tamandaré. Em 6 de junho, uma pintura com o rosto do menino foi feita na frente do prédio onde ocorreu o acidente. Em 5 de junho, um protesto reuniu centenas de pessoas em frente ao prédio onde vive a família dos ex-patrões de Mirtes, com forte participação do movimento negro.

Em julho, parentes e amigos da família de Miguel fizeram uma passeata pelo Centro do Recife. No ato, o grupo buscou pressionar o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) para dar prosseguimento ao caso, oferecendo denúncia à Justiça.

Funcionárias-fantasma Caso Miguel: empregada doméstica, mãe de menino aparece como comissionada de TamandaréNo dia 1º de julho, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) entrou com uma ação civil pública contra o prefeito de Tamandaré, Sérgio Hacker (PSB), por improbidade administrativa. É que o gestor contratou a mãe e a avó de Miguel como servidoras públicas, pagas com dinheiro do município, embora elas trabalhassem na casa da família (veja vídeo acima).

Em junho, o Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE) confirmou que a mãe e a avó de Miguel eram contratadas da Prefeitura de Tamandaré. Durante a apuração do caso, foi descoberta outra funcionária-fantasma que prestava serviços particulares à família do prefeito.

Os técnicos do TCE fizeram uma visita à prefeitura de Tamandaré e constataram a contratação de Mirtes e Maria, além de Luciene Neves, que trabalha na casa de praia do prefeito. Segundo o conselheiro do TCE, Carlos Porto, isso implica em improbidade administrativa por estar sendo usado servidores com recursos públicos em trabalhos particulares.

O prefeito Sérgio Hacker afirmou, na época da morte de Miguel, em nota, que forneceu documentos ao TCE e ao Ministério Público de Pernambuco que demonstram que não houve prejuízo aos cofres públicos. Disse, ainda, que continuará contribuindo com as investigações.

Vídeos mais vistos do G1 nos últimos 7 dias Consulte Mais informação: G1 »

200.000 mortos | Coronavírus | G1

Parabéns para você, sucesso em sua nova jornada! um tapa na minha cara doeria menos Noticia boa! Deus que ilumine seu caminho... parabéns! 👏👏👏👏👏👏 miguel lucasbayo Força! Parabéns 👏🏾. Que coragem!! Muito sucesso pra você e força. Lembrei do caso da criança que foi morta num evento da escola e até hoje não foi solucionado. A mãe também está fazendo direito, com o objetivo de ajudar e esclarecer. Forças! ❤️⭐️🙏🏽

✨ Que a injustiça te radicalize e nos traga a mudança Sucesso Guerreira! Muito foda! Que seja uma das melhores mirtes o curso de direito agregado aos valores que você quer defender são imprescindíveis para um país como o nosso. carrefourbrasil obrigação moral de patrocinar todo o curso de direito dessa mãe que perdeu o seu filho Estamos de olho!

Viiiixe, minha nossa Senhora, coitada!! Faça essa porcaria não, minha senhora! Faça, medicina, nutrição, enfermagem, odonto, Fisioterapia, qualquer coisa, mas Direito é perdido sem futuro. Meu amor esse mundo tem que ser seu!! Lute, ganhe! A gente nem tem o q falar pra essa senhora que perdeu o filho de uma forma absurda e horrorosa. Eu espero q ela possa se reerguer e encontrar um caminho, q possa ressignificar seus dias.

Mulher guerreira, está lutando pra seguir em frente, não consigo imaginar a dor de perder um filho assim :( ..... .... Sem prestar vestibular ou O ENÉM ? Massa Steeeee220 👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼 Parabéns pra ela! Que força! Mas tem gente que fala não existe racismo ou eletismo A culpa não foi só da patroa dela, lugar criança é na creche ou com o responsável. Não o lugar de trabalho! Nem noção a criança tem.

Uau! A gente quer é isso! Nosso judiciário brasileiro é embranquecido, elitista e cheio de preconceitos. Que a jornada dela seja de vitórias, estaremos torcendo daqui! ♥️ Que tenha muito sucesso nos estudos e na futura carreira 🥰🥰🥰🥰 parabéns pela força! à luta Isso mesmo preta, faz a vida do seu filho grande. Mostra que nossa raça sabe guerrear.

❤️🙏🏽 Essa mulher é guerreira, desejo toda a sorte do mundo pra ela nessa nova etapa Cara.., eles tinham posto o nome dela pra receber dinheiro público e ela nunca tinha recebido nada.. Força! O Miguel não será esquecido! Punição aos responsáveis, é o que toda a população deseja. No Recife é comum esse tipo de prédio com fossos mortais. Vertigens, calafrios, angustiantes. Prendam o dono da construtora imediatamente.

Novidades Que mulher incrível! Todo respeito e admiração. Que garra, mano, que garra! Serás ministra Na prática ela vai ver a morosidade. O direito não vai resolver nada. Se virar ativista vai ter voz. Como advogdavaibser subjugada pelo sistema sujo da justiça Vai se decepcionar mais ainda (quando perceber q Justiça só é aplicado para os pobres, p os ricos se possível eles editam uma lei, ou até criam, p estes não serem condenados).

marcelamcgowan gizellybicalho ajudem ela 💔 leidinhaahm XeuleBot Massa demais a garra de converter a dor em vontade de mudar as coisas e buscar um curso superior para isso, só fica triste que ela vai sofrer mais uma vez ao se decepcionar com o curso. Todo estudante de direito que entra nessa vibe 'vou mudar o mundo' quebra a cara. Inevitável.

quando o luto vira luta 3 mirtes é um exemplo. Que guerreira!!! Parabéns e sucesso! Essa mulher é muito guerreira, uma força admirável. Quem assistiu falas negras tem uma noção mínima do que foi o sofrimento dela ao perder o filho, a dor que ela sente deve ser dilacerante e mesmo assim ela está lutando com unhas e dentes com um novo propósito 🙏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼

Quer mudar o 'sistema' ? vota em quem realmente quer fazer a diferença, e não em quem paga de populista salvador dos pobres ou 'conservador' ou 'pessoa de bem' E ela vai muito longe! Nada e nem ninguém vai conseguir parar essa mulher Parabéns Mirtes Tenho certeza que será uma excelente advogada hoje em dia ate parente de bandido se matricula em direito essa dai deixou o filho hiperativo com quem nao deixava ter autoridade com ele e ainda posa de santa se promovendo no cadaver dele tipica comuna

Mulher forte, entendi sua ação, foi o que fiz ao entrar na universidade aos 50 anos para fazer ciências sociais. Será outro desafio além de superar a perda do filho. Mulher guerreira 💪🏽 Que vc consiga vencer na vida! Guerreira! ❤️ Aí sim!!!! Toda força a Mirtes, sucesso em sua caminhada no curso! 💛👏👏

Tem meu Respeito! Sucesso... E que a cada dia o Eterno Continue consolando seu ❤️ Parabéns a essa senhora, usou a dor como mola... Estive em Recife e o Uber me disse ao passar em frente ao prédio ' aqui que aconteceu o crime do Miguel'.... Isso é resignificar a dor. Conseguir transformar a raiva em reconstrução emocional

Tá certíssima......meus parabéns. Foda pra caralho! Transformar a dor que deve ser perder um filho em força pra combater injustiça 👏👏👏👏👏👏👏 Que mulher guerreira, todo arrepiado!! Boa sorte, Mirtes. ❣️ Vai ter mulher mãe do Miguel no curso de direito sim 😌✊🏿✊🏿 FORA BOLSONARO FORA TRUMP FORA ELON MUSK DITADURA NUNCA MAIS VIVA A DITADURA SOCIALISTA ✊🏿✊🏿

Teu filho era pertubado também, não levasse ele pro trabalho. Queria ter 10% da resiliência dessa mulher.