Kalil diz que não quer apenas ‘acenos’ de Lula, mas uma ‘aliança formal’

11/05/2022 18:06:00

Kalil diz que não quer apenas ‘acenos’ de Lula, mas uma ‘aliança formal’

Cartacapital, Carta Capital

Kalil diz que não quer apenas ‘acenos’ de Lula , mas uma ‘aliança formal’

De acordo com o pré-candidato ao governo de Minas, Kassab seria um dos maiores entusiastas da aproximação entre PT e PSD no estado

, articuladores da atual composição.“O que combinamos é muito simples: eu apoio o senador Alexandre [Silveira] e ele apoia o governador Kalil. Agora, [uma mudança] depende de cada lado, tanto do PT, quanto do PSD. Eu não posso [decidir sozinho e] fazer um voo solo e nem o Lula pode fazer o mesmo”, destacou.

“Ele está conversando com o partido dele e eu estou conversando com o meu”, completou Kalil sobre a possibilidade de uma das legendas abrir mão de lançar um candidato. Por enquanto, assim como o PSD tem candidatura própria, o PT mantém o compromisso de apoiar

Consulte Mais informação:
CartaCapital »

Carlos Andreazza: 'Tebet mostra coragem ao declarar apoio a Lula'

No CBN Em Foco, você acompanha uma análise aprofundada dos temas que dominam o noticiário. Um programa que tem a proposta de separar os fatos da espuma. Com ... Consulte Mais informação >>

Baixa a bola Kalil. Eu sei qual é esse aceno 💰💶💵 Mas o presidente do partido dele é líder do governo no Senado e candidato... e o PT tem candidato em Minas para o Senado tbm... E com todo o cenário montado, Kalil precisa mais de Lula hoje que o contrário. LulaOficial tomou uma resposta de alexandrekalil recentemente, aqui em BH. Ele não estará com Lula pode apostar...

alexandrekalil que lute. Que tire o apoio ao candidato ao Senado pelo PSD_55 e apoie o candidato do PT. Tá querendo demais esperando que o ptbrasil apoie só o PSD em MG!!! Mais um amante de Corrupto.

Kalil cobra 'aliança formal' com o PT | O AntagonistaEx-prefeito de Belo Horizonte e pré-candidato do PSD ao governo de Minas Gerais descarta apoio à reeleição de Jair Bolsonaro

Sem citar Lula, Kalil ironiza suposto ‘bolo’ em visita de ex-presidente a Minas - Política - EstadãoPré-candidato do PT ao Planalto participou de evento em Belo Horizonte, mas ex-prefeito e pré-candidato ao governo não compareceu Politica Gargamel Politica Lula, Só tem um jeito de lotar os seus comícios: da próxima vez, em vez de convidar a Daniela Mercury, convide o Bolsonaro. Politica O Kalil sabe do fracasso do Lula em Minas. Sabe que a indicação ao Senado é mera fachada pois o desempenho do candidato do Carniça não ganha em Minas e ao mesmo tempo enfraquece a posição do Kalil pra disputar o governo do Estado.

Kalil é pressionado a recuar e descartar apoio a Lula | O AntagonistaA bancada mineira do PSD, partido do ex-prefeito de BH e pré-candidato ao governo, prefere uma aliança com Jair Bolsonaro no estado. PERDE MEU VOTO 🤣🤣🤣🤣 Ninguém quer vincular o seus nomes a Lula! Corrupto sem futuro.

Sem acordo com o PSD de Minas, Lula deixa BH depois de tomar 'bolos' de KalilIsso é tudo que esse pasquim do Grupo Globo tem para noticiar do estrondoso sucesso da passagem do LulaOficial por Belo Horizonte!! A propósito, quem perdeu foi o Kalil, já que LULA vence no 1º turno em Minas Gerais, segundo pesquisa recente!! Rato imundo

Sem acordo com o PSD de Minas, Lula deixa BH depois de tomar 'bolos' de KalilA assessoria de Kalil informou que ele não tem qualquer compromisso agendado com Lula até a próxima quarta Quem acredita nesse falastrão enganador? rafaelbboa

Sem citar Lula, Kalil ironiza suposto 'bolo' em visita de ex-presidente a MinasPré-candidato ao governo de Minas Gerais, Alexandre Kalil (PSD) ironizou nesta terça-feira, 10, um suposto 'bolo' que teria dado no ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Sem mencioná-lo direta

Rodrigo Pacheco , articuladores da atual composição.× Reprodução/Câmara Municipal de Belo Horizonte Em sabatina da Folha e do UOL, Alexandre Kalil (PSD), ex-prefeito de Belo Horizonte e pré-candidato ao governo de Minas Gerais, descartou a possibilidade de seu partido apoiar Jair Bolsonaro.Por., mas agora tem sido pressionado pela bancada do partido que prefere aliança com Jair Bolsonaro “A bancada mineira tem posição clara de rejeitar a coligação [com Lula]” , disse ao Estadão o deputado Subtenente Gonzaga O jornal paulista lembra que o deputado Diego Andrade (PSD-MG), líder da maioria na Câmara, ainda tem o controle da Funasa.

“O que combinamos é muito simples: eu apoio o senador Alexandre [Silveira] e ele apoia o governador Kalil. Agora, [uma mudança] depende de cada lado, tanto do PT, quanto do PSD. Eu não posso [decidir sozinho e] fazer um voo solo e nem o Lula pode fazer o mesmo”, destacou. “Ele está conversando com o partido dele e eu estou conversando com o meu”, completou Kalil sobre a possibilidade de uma das legendas abrir mão de lançar um candidato. Por enquanto, assim como o PSD tem candidatura própria, o PT mantém o compromisso de apoiar Reginaldo Lopes para o Senado.

O político é o atual líder do partido na Câmara dos Deputados e aparece como um dos favoritos na busca pelo cargo de senador. O ex-prefeito negou ainda que Kassab faça qualquer resistência contra a aliança com o PT em Minas. Segundo relatou, o dirigente do PSD seria, inclusive, um dos integrantes mais entusiasmados com a composição. “Não há nenhuma resistência de Kassab [a fechar aliança com Lula em Minas]. Pelo contrário, Kassab tem se esforçado muito para que essa aliança dê certo”, destacou o político mineiro.

“ É público e notório que o PSD tem uma posição de segundo turno, verbalizada por Kassab, que é de apoio ao presidente Lula . Ele tem simpatia pessoal por Lula, então é um dos que tem se esforçado para que isso dê certo”, acrescentou mais adiante. Sobre a ida de Lula a Minas Gerais nesta semana, Kalil disse não ter se encontrado com o petista e reforça que nem mesmo recebeu um convite para um encontro político. Afirmou ter sido chamado por integrantes do PT para um ‘jantar social’, mas que não poderia comparecer ao encontro. Ciro Gomes Apesar de afirmar diversas vezes que pretende mesmo formalizar uma aliança com Lula, Kalil disse ainda não ter descartado uma composição com Ciro Gomes (PDT) , por quem admite ter um ‘apreço pessoal’.

“O Ciro é um cara que eu tenho um apreço pessoal por ele e ele por mim. O Rodrigo já se pronunciou sobre ele também. Então ninguém está descartando ninguém. Apenas estávamos falando de Lula e Bolsonaro”, respondeu ao ser questionado. Relacionadas .