Col\U00f4mbia, Direitos Humanos, Javier Ord\U00f3\U00f1ez, Viol\U00eancia, Viol\U00eancia Policial

Col\U00f4mbia, Direitos Humanos

Justiça determina prisão de policiais em caso de violência na Colômbia - CartaCapital

Justiça determina prisão de policiais em caso de violência na Colômbia

18/09/2020 02:40:00

Justiça determina prisão de policiais em caso de violência na Colômbia

Vídeo mostra que policiais aplicam vários choques com uma arma elétrica em Javier Ordóñez, de 43 anos

A defesa da vítima pede que os policiais sejam processados por “tortura” e “homicídio qualificado”.Segundo a primeira versão da polícia, Ordóñez teria resistido à prisão por iniciar uma briga. A família conta que os agentes o abordaram quando ele saía para comprar bebidas na companhia de dois amigos.

Motoboy que constrói a casa própria viraliza nas redes sociais após levar 'bolo' de amigos Polícia encontra 30 versões inéditas de músicas de Renato Russo Prometer vacinação para dezembro ou janeiro 'não é realista', diz brasileira que integra comitê da OMS contra Covid-19

O pai de dois meninos, de 11 e 15 anos, empresário e estudante de Direito, era desconhecido até 9 de setembro. Mas seu rosto se tornou o símbolo de protestos grandes e violentos contra a violência policial que deixaram 12 mortos, 258 civis feridos, 315 policiais feridos e 95 postos de comando atacados.

A prefeita de Bogotá, Claudia López, denunciou que alguns agentes recorreram ao “uso indiscriminado da força” e “armas de fogo” durante as manifestações.A polícia disse que 58 deles estão sendo investigados por supostamente atirar em manifestantes.

O caso de Ordóñez evocou o do afro-americano George Floyd. Sua morte em maio, sufocado em Minneapolis por um policial branco que ignorou seus apelos enquanto o prendia, gerou uma onda de protestos nos Estados Unidos.Muito obrigado por ter chegado até aqui...

... Mas não se vá ainda. Ajude-nos a manter de pé o trabalho deCartaCapital.Nunca antes o jornalismo se fez tão necessário e nunca dependeu tanto da contribuição de cada um dos leitores. AssineCartaCapital Consulte Mais informação: CartaCapital »

Chineses mudam de lugar prédio de 7 mil toneladas; veja vídeo

Graças a pernas robóticas instaladas na base do edifício, escola construída em 1935 foi deslocada por 60 metros ao longo de 18 dias. Terreno dará lugar a centro comercial em Xangai, maior cidade da China.

E eu pensando que fosse no Brasil, chega tomei um susto (Br tá mudando) aí leio o final(Colômbia)...

Sergio Moro faz nova inscrição na OAB, mas continua impedido de advogarEx-juiz deixou o Ministério da Justiça, do governo Bolsonaro, em abril deste ano; antes, atuava na Justiça de primeira instância do Paraná e era a principal referência da Operação Lava Jato. Parabéns SF_Moro , enquanto isso BolsonaroFujao O cara largou a mão de ser juiz pra ser ministro nesse (des)governo. E eu achando q faço escolhas erradas na minha vida 😂😂😂

Jogador é preso suspeito de matar a facadas dirigente do Nacional de Rolândia, diz políciaJogador é preso suspeito de matar a facadas dirigente do Nacional de Rolândia, diz polícia G1 Rolândia é de fudê asjsjakkaja Rolândia KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Justiça do DF determina compra de medicamento mais caro do mundoFamília de Arthur Belo, de 1 ano e 10 meses, aguarda depósito da União no valor R$ 8,39 milhões, para tratar o bebê, diagnosticado com Atrofia Muscular Espinhal (AME) Se o governo achar ruim mandem cobrar os impostos das igrejas. Tenho certeza que Jesus vc aí gostar. Deus o abençoe e te de a vitoria amém.

Justiça condena chefe que chamou estagiária de 'macaca' em BH - CartaCapitalEm sua defesa, a mulher alegou que o termo “macaquice” seria para indicar a 'alegria' da funcionária Só podia ser “chefe”... Ainda considero IMPRESSIONANTE acontecer esses TREM, entretanto, acontece! É pior que o CORONAVÍRUS...; é a pandemia moral. Vagabundo não tem cor e nem idade, fez merda tem que pagar. Parem com esse mimimi que o vagabundo que morreu era preto, morreu pq tava fazendo merda.

Adilson Batista aciona o Cruzeiro na Justiça com dois processoso treinador, demitido em março, é mais um na fila para tentar receber valores que acreditam ter direitos do clube mineiro Acho é pouco, tem mais não? Mais não era amor,? Quando ele assumiu ele falou isso.. Acho que acabou o amor

TJ anula júri e manda soltar pai condenado a 24 anos de prisão por matar filha de 4 anos asfixiada em São PauloRicardo Krause foi condenado em 2018. Menina morreu asfixiada com um saco plástico em 2015. Desembargadores acolheram pedido da defesa sobre divergência no voto dos jurados. Ele terá novo julgamento e aguardará em liberdade. Estamos perdido mesmo... o Brasileiro não tem mais jeito 😔😪 O brasileiro não tem um minuto de paz, cada hora do dia é uma decepção nova, seja com politica, sociedade, justiça, economia, humanos... Cabe aos familiares fazer justiça com as próprias mãos.