Governo regulamenta consignado para beneficiários do Auxílio Brasil, com juros de até 3,5% ao mês

28/09/2022 14:00:00

A modalidade de crédito estará disponível na primeira quinzena de outubro; o limite do empréstimo é de 24 parcelas de até R$ 160 mensais

Governo regulamenta consignado para beneficiários do Auxílio Brasil, com juros de até 3,5% ao mês A modalidade de crédito estará disponível na primeira quinzena de outubro; o limite do empréstimo é de 24 parcelas de até R$ 160 mensais R7 portalr7

A modalidade de crédito estará disponível na primeira quinzena de outubro; o limite do empréstimo é de 24 parcelas de até R$ 160 mensais

Crédito consignado contratado por aposentados e pensionistas do INSS bate recorde histórico "É proibida a consignação das modalidades de crédito arrendamento mercantil e cartão de crédito", diz a portaria.Beneficiários poderão comprometer até R$ 160 por mês com o consignado Da Redação 27/09/2022 • 09:52 - Atualizado em 27/09/2022 • 09:58 Uma portaria que regulamenta empréstimos consignados para os beneficiários do Auxílio Brasil foi publicada nesta terça-feira (27) em Diário Oficial.O Ministério da Cidadania divulgou nesta terça-feira (27) no Diário Oficial da União a portaria nº816, que estabelece os procedimentos para a realização de consignação em benefícios do Programa Auxílio Brasil..

"O tomador deverá autorizar expressamente a instituição financeira a ter acesso às informações pessoais e bancárias necessárias à efetivação do contrato pleiteado." A autorização, portanto, deverá ser feita por escrito ou por meio eletrônico, em caráter irrevogável e irretratável.De acordo com as regras publicadas nesta terça-feira , as parcelas podem comprometer até no máximo 40% do valor mensal do benefício, considerando o valor antigo do Auxílio Brasil, de R$ 400,00.Não será aceita a autorização por telefone ou por meio de gravação de voz reconhecida como meio de prova de ocorrência.Ainda segundo a portaria, o desconto das parcelas ocorrerá mensal e sucessivamente, observado o prazo contratado.A regulamentação ainda obriga os bancos a informar a taxa de juros aplicada, sendo que eles devem expressar o custo efetivo do empréstimo.A portaria publicada estabelece que o número máximo de parcelas será de 24 e a taxa de juros não poderá ser superior a 3,5% ao mês.Fica vedada a cobrança da TAC (Taxa de Abertura de Crédito) e de quaisquer outras taxas administrativas, e proibido o estabelecimento de prazo de carência para o início do pagamento das parcelas.

Copyright © Estadão.Assim, o beneficiário vai receber apenas o valor restante.Além disso, é vedado o estabelecimento de prazo de carência para o início do pagamento das parcelas.Todos os direitos reservados..São proibidos a cobrança da TAC (Taxa de Abertura de Crédito) e de outras taxas administrativas e também o estabelecimento de prazo de carência para o início do pagamento das parcelas.

Consulte Mais informação:
Portal R7.com »
Loading news...
Failed to load news.

Regras para empréstimos que descontam do Auxílio Brasil são publicadasBeneficiários poderão comprometer até R$ 160 por mês com o consignado...

Empréstimo consignado do Auxílio Brasil terá teto de juros de 3,5% ao mêsPelas regras estabelecidas, o número de prestações não poderá exceder a 24 parcelas mensais Leia-se: Título do tesouro com duration baixo e retorno INACREDITÁVEL. É renda fixa a 3,5% AO MÊS. Se os bancos estivessem na rua ameaçando as pessoas com faca seria uma desonra menor. Febraban é o maior crime organizado do planeta... paulogala ICLNoticias g1economia FEBRABAN itau folha canalmeio Faltou informar na chamada que 3,5 ao mês dá 50% ao ano. Aliás, só interessa o 50%. 3,5 é enrolação de banqueiro esperto - e da mídia conivente - para cima de pobres e miseráveis. Bolsonaro2022

Ana Flor: empréstimo consignado para beneficiários do Auxílio Brasil ‘não chega a tempo de ajudar Bolsonaro’Uma das tentativas de Bolsonaro conquistar o eleitorado mais pobre foi regulamentada nesta terça-feira (27), com a publicação da portaria sobre o empréstimo consignado para beneficiários do Auxílio Brasil. Veja a análise de Ana_Flor: EmPauta GloboNews Ana_Flor Isso só ajuda a enriquecer as financeiras. NÃO É AJUDA AOS POBRES Ana_Flor Juros de 51% ao ano ...kkk... Ana_Flor Quer ferrar mais ainda o ferrado

Juros do consignado do Auxílio Brasil serão de até 3,5% ao mês. Taxa é maior do que a do INSSAbsurdo, já recebem pouco, e ainda estimula dívida. O nome disso é agiotagem. Gente, empréstimo pra quem precisa do auxílio Brasil. É muita maldade sério msm.

Análise: Regulamentação de consignado para Auxílio Brasil pode ajudar Bolsonaro na baixa rendaMinistério da Cidadania publica portaria com regras para empréstimo a beneficiários do programa A uma semana da eleição, é muito pra digerir. Não há impacto real. Todos sabemos que Bolsonaro está mirando a baixa renda para aumentar a popularidade, mas nada surtiu efeito até agora. Nem os bancos querem. Está criando uma massa de endividados. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk vcs são uma piada Sim, crédito consignado para famílias de baixíssima renda vai ajudar muito...