Família de Marília Mendonça libera feat de Naiara Azevedo com restrição; entenda! | Diversão | O Dia

Polêmica começou quando Naiara entrou no 'BBB 22' e revelou que lançaria música gravada antes da morte de Marília

22/01/2022 18:16:00

Polêmica começou quando Naiara entrou no 'BBB 22' e revelou que lançaria música gravada antes da morte de Marília. ODia

Polêmica começou quando Naiara entrou no 'BBB 22' e revelou que lançaria música gravada antes da morte de Marília

Rio - A família de Marília Mendonça,que faleceu aos 26 anos em um acidente aéreo em 2021, autorizou o lançamento da parceria da cantora com Naiara Azevedo após dias de polêmica. A informação foi confirmada pelo irmão de Marília, João Gustavo, nas redes sociais."50%" poderá ser divulgada desde que exiba o videoclipe gravado originalmente, ainda quando a Rainha da Sofrência estava viva.

fotogaleriaA polêmica começou quando a sertaneja foi anunciada no"BBB 22" na semana passada e sua equipe anunciou o lançamento da parceria. No entanto, a família de Marília desaprovou a versão escolhida para divulgação e barrou a veiculação ao afirmar que Naiara queria se promover sobre a morte da cantora.

Consulte Mais informação: Jornal O Dia »

Em cartaz com a peça 'Pós-F', Maria Ribeiro fala sobre o legado de Fernanda Young

No Estúdio CBN desta quinta-feira, Tatiana Vasconcellos recebe a atriz Maria Ribeiro, que está em cartaz com a peça 'Pós-F', baseada no livro homônimo de Fernanda Young. A atriz explica que a obra, escrita em 2018, é um tratado sobre ser feminina e masculina em um momento em que 'grande parte das mulheres começaram a perder o medo de se dizerem feministas'. 'Quando eu li uma matéria sobre o 'Pós-F', eu estava incomodada com este discurso muito puro do feminismo, como se não tivéssemos, ainda, resquícios do machismo. Eu achei que a Fernanda trazer uma semente do contrário era mais feminista do que dizer que estava tudo bem', afirma. Consulte Mais informação >>

Publicado 22/01/2022 11:27 | Atualizado 22/01/2022 11:37 Rio - A família de Marília Mendonça, que faleceu aos 26 anos em um acidente aéreo em 2021 , autorizou o lançamento da parceria da cantora com Naiara Azevedo após dias de polêmica. A informação foi confirmada pelo irmão de Marília, João Gustavo, nas redes sociais."50%" poderá ser divulgada desde que exiba o videoclipe gravado originalmente, ainda quando a Rainha da Sofrência estava viva. fotogaleria A polêmica começou quando a sertaneja foi anunciada no"BBB 22" na semana passada e sua equipe anunciou o lançamento da parceria. No entanto, a família de Marília desaprovou a versão escolhida para divulgação e barrou a veiculação ao afirmar que Naiara queria se promover sobre a morte da cantora. O irmão de Marília chegou a detonar Naiara nas redes sociais e explicar que a família não queria a segunda versão produzida, na qual a confinada no"BBB" aparece chorando enquanto vê cenas de Marília no telão. No entanto, agora, ele voltou às redes para pedir desculpas pelo discurso excessivo e justificar dizendo que a família não havia gostado da segunda versão do videoclipe. "A equipe da Naiara Azevedo nos procurou e entendeu nossa posição contrária ao lançamento de uma gravação feita após a morte da Marília... Um vídeo totalmente diferente daquilo que a Marília havia feito em vida, com um tom apelativo de tristeza e sofrimento", começou João. "Minha irmã sempre levou alegria e felicidade por onde passava, essa é a imagem que queremos defender. Nunca fomos contrários ao lançamento do vídeo feito em vida pela Marília com a Naiara, essa era a vontade dela e será respeitada. A equipe da Naiara se comprometeu a não utilizar o vídeo gravado após a morte da Marília e vão utilizar o videoclipe gravado em vida pela Marília para a divulgação da música 50%", continuou. "Peço desculpas pela forma intempestiva como agi, criticando de uma forma dura a artista Naiara... Quando minha mãe tomou conhecimento do vídeo que queriam lançar, ela ficou muito triste, e vê-la daquela forma me fez perder a cabeça e agir de uma forma impulsiva. Hoje, de cabeça fria, reconheço que fui duro nas palavras e por não ter compromisso com o erro, peço desculpas à Naiara e toda sua equipe", finalizou.