Facebook critica imprensa por reportagens com base em documentos vazados - Link - Estadão

Rede social diz que informações noticiadas ‘deturpam nossas ações e motivações’

20/10/2021 07:00:00

Facebook critica imprensa por reportagens com base em documentos vazados (via EstadaoLink)

Rede social diz que informações noticiadas ‘deturpam nossas ações e motivações’

, uma ex-funcionária do Facebook, divulgar milhares de arquivos internos antes de se demitir em maio deste ano. A rede social é investigada por negligência com a saúde mental de seus usuários, tendo priorizado o crescimento das próprias margens de lucro.

STJ anula condenações de Palocci, Vaccari e outros nomes da Lava-Jato | Radar Por 47 votos a 32, plenário do Senado aprova indicação de André Mendonça para ministro do STF Comissão do Senado aprova André Mendonça para vaga no STF; plenário votará indicação

“Esperamos que a imprensa nos responsabilize, dada nossa escala e papel no mundo. Mas quando reportagens deturpam nossas ações e motivações, acreditamos que devemos corrigir o registro”, disse Pinette. Ele também disse: “Nas últimas 6 semanas, incluindo no fim de semana, vimos como documentos podem ser caracterizados de maneira incorreta. Obviamente, nem todo funcionário do Facebook é um executivo; nem toda opinião é a posição da empresa.”

O Facebook tem defendido que os documentos divulgados foram roubados e que Frances não trabalhou nas áreas em que partes dos textos foram elaborados. Por isso, ela não teria expertise no assunto para discutir os dados vazados. We expect the press to hold us accountable, given our scale and role in the world. But when reporting misrepresents our actions and motivations, we believe we should correct the record. headtopics.com

— Facebook Newsroom (@fbnewsroom)October 18, 2021“Uma seleção com curadoria de milhões de documentos no Facebook não pode de forma alguma ser usada para tirar conclusões justas sobre nós. Internamente, compartilhamos o trabalho em andamento e debatemos opções. Nem toda sugestão resiste ao escrutínio que devemos aplicar às decisões que afetam tantas pessoas”, escreveu Pinette.

Além de questionar o uso de dados vazados, a gigante de tecnologia também criticou jornalistas por, supostamente, aceitarem um cronograma de publicação para divulgar as reportagens. A prática, no entanto, é usada pelo próprio Facebook e por muitas outras entidades que divulgam conteúdo para jornalistas, como faculdades, entes governamentais e corporações. 

“No momento, mais de 30 jornalistas estão finalizando uma série coordenada de artigos com base em milhares de páginas de documentos que vazaram. Ouvimos dizer que, para obter os documentos, os meios de comunicação tiveram que concordar com as condições e um cronograma estabelecido pela equipe de relações públicas que trabalhou nos documentos que vazaram anteriormente”, escreveu Pinette.

Conhecida como “embargo”, o método criticado consiste em um representante de determinada empresa dar as informações para o jornalista, com a promessa de que só serão publicadas em determinado momento. Isso, todavia, não significa que a informação noticiada é suspeita ou que será publicada sem responsabilidade. headtopics.com

A angústia dos aposentados que temem não receber precatórios em 2022 por conta da PEC - BBC News Brasil O que esperar de André Mendonça no STF após aprovação no Senado - BBC News Brasil Ministro equilibrista | Dora Kramer

Maior crise desde 2018Há algum tempo se sabe que o Facebook tem problemas – nos últimos anos, além de protagonizar o escândalo de violação de dados, a rede social tem sido acusada de impulsionar conteúdos nocivos como discurso de ódio e desinformação. 

As revelações, feitas inicialmente pelo jornal americanoWall Street Journal, indicam que o Facebook aumenta o alcance de publicações de ódio, permite a circulação de conteúdos sobre tráfico humano e de drogas, trata celebridades e políticos com regras diferenciadas e não mantém o mesmo nível de moderação em países fora dos Estados Unidos. Há também detalhes sobre o impacto do Instagram na saúde mental de crianças e adolescentes: os estudos mostram que 1 em cada 3 meninas que se sentiam mal com o próprio corpo ficavam ainda pior ao acessar o Instagram. 

Consulte Mais informação: Estadão »

Ron Jeremy: acusadoras de astro pornô falam pela primeira vez - BBC News Brasil

Por décadas, uma das estrelas pornôs mais famosas do mundo, Ron Jeremy, supostamente apalpou, agrediu e estuprou mulheres.

Link A VERDADE ESTÁ LA FORA 😜 Link O Brasileiro sonha com a expulsão da plataforma do Brasil. Foram colar esquerdistas, Petistas como olheiros, deixou todos com ódio de vcs pelas perseguições. Link O povo principalmente o Brasileiro que deveria processar o Foice por banir quem é de direta e apoia o Presidente. Eu já me baniram 53 vezes, e duas páginas fechadas. Um absurdo, mentem e nos difamam. Agora todos estão saindo e indo para um Brasileiro que não nos censura em nada.

Link CAra de pau Link 🍥 Link Falou a rede social que vive de fofoca e documentos vazados

Antes de delatora, outros funcionários já alertavam para os problemas do Facebook - Link - EstadãoEmbora tenham relatado experiências parecidas com as de Frances Haugen, trabalhadores da rede social foram ignorados internamente Link Link

Netflix chega a 213 milhões de assinantes após trimestre altamente positivo - Link - EstadãoO resultado obtido pela companhia é otimista frente à competição no mercado de streamings

MacBook Pro e AirPods: veja o que esperar do evento da Apple nesta segunda - Link - EstadãoAnunciado na semana passada, o ‘Unleashed’, como foi chamado, vai trazer mais novidades da empresa para 2021 Link Don’t let wearamask block your social life, use free BostApp to easily connect with new friends around. Download for free at Apple and Google, simply search by one word 'BostApp'.

Google lança celular Pixel 6 com versão Pro e processador próprio - Link - EstadãoOs novos modelos apresentam, pela primeira vez, um processador desenvolvido pela empresa e ainda não têm data para chegar ao Brasil

Gates foi advertido pela Microsoft sobre troca de e-mails 'inapropriados' com funcionária - Link - EstadãoSegundo uma reportagem do jornal americano Wall Street Journal, o bilionário estava marcando encontros com uma funcionária da Microsoft via e-mail, em 2008, e foi orientado por executivos a parar com as mensagens Link Gates, o jeito é contratar umas 'primas louras'. Link Nada de novo, mais um patrão q come as funcionárias!!🚩😷

Governo americano acusa Amazon de mentir em processo antitruste - Link - EstadãoEm carta, deputados lançam dúvidas sobre a veracidade do testemunho da empresa em relação à documentos e declarações contraditórias de executivos da empresa