Evergrande e variante Delta alimentam dúvidas sobre ritmo de retomada da China - Economia - Estadão

Evergrande e variante Delta alimentam dúvidas sobre ritmo de retomada da China -via @EstadaoEconomia

21/09/2021 14:00:00

Evergrande e variante Delta alimentam dúvidas sobre ritmo de retomada da China -via EstadaoEconomia

Em todo o mundo, especialistas se perguntam se estímulos adotados pelo governo chinês serão o bastante para reaquecer a recuperação do país e reverter os dados econômicos ruins

, voltada a pequenas e médias empresas. Além disso, alterações para ofertas públicas iniciais de ações (IPOs, na sigla em inglês) de companhias chinesas em outros países estão sendo feitas desde a metade do ano. A Securities and Exchange Commission (SEC, a CVM americana) chegou a paralisar o processamento de pedidos de IPO de empresas da China e chamou a atenção para as incertezas sobre as ações futuras do governo chinês, em meio à ofensiva regulatória.

O troco de Moraes em Bolsonaro: um novo inquérito no STF | Radar Maconha era usada em rituais judaicos na antiguidade, diz estudo - BBC News Brasil Queiroz comemora título do Atlético-MG com gesto de resistência à Ditadura | VEJA Gente

Crescimento econômicoEm agosto, a atividade econômica chinesa registrou retração pela primeira vez em 16 meses, com oíndice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês)composto, elaborado pelat eCaixin Media, tendo ficado abaixo da marca 50, que separada separa a contração da expansão. Como o surto da covid-19 foi controlado, ao menos por ora, o PMI de setembro deve apresentar alguma recuperação, prevê a

Pantheon."Mas a tendência é de queda e isso é preocupante, o que fortalece nossa convicção de que, sob a política de tolerância zero à covid-19, faltam drivers para a economia chinesa", reforça Beamish. headtopics.com

Diante dos últimos dados econômicos apresentados pelo país, as projeções para oem 2021 passaram a ser revisadas para baixo. A Pantheon cortou de 10,0% para 6,0%. OABN Amro, de 9,0% para 8,3%. O Citi reduziu de 8,7% para 8,2%. Já o

INGOrganização Mundial do Comércio (OMC)projeta expansão de 6,0% neste ano, após contração de 6,8% em 2020.O estopim para a revisão de crescimento da China se deu com a divulgação das vendas de varejo no país. Analistas consultados pelo

Wall Street Journalpreviam alta anual de 6,3% no mês de agosto, mas foram surpreendidos com o avanço de apenas 2,5%."Sem o efeito de base, as vendas de bens de uso diário,petróleoe produtos relacionados, eletrodomésticos, roupas e bebidas viram uma desaceleração óbvia no crescimento médio de dois anos", observa o Citi. A mais recente onda da covid-19 e os lockdowns parciais afetaram significativamente as vendas físicas, especialmente os serviços ao consumidor, diz o banco.

Os dados de inflação na China também merecem atenção. Em agosto, o índice de preços desacelerou para o consumidor, enquanto acelerou para o produtor. A divergência entre o CPI e o PPI atingiu um nível recorde. Na avaliação do Citi, há a possibilidade que a lacuna se amplie e, por consequência, ameace as políticas econômicas de Pequim. headtopics.com

Mario Frias contrata por R$ 3,6 milhões empresa sem funcionários e com sede em caixa postal, diz jornal Carta ao Leitor: O antídoto da ciência DJ Ivis grava com Marcynho Sensação primeiro clipe após sair da prisão por agressão à ex-mulher

Um dos setores mais afetados foi o do turismo, observa o ING. A expectativa é que, com o controle da covid-19, haja recuperação de ao menos parte das perdas no próximo dado do varejo."Mas estamos começando a nos preocupar com o fato de que as políticas governamentais estão prejudicando o mercado de trabalho e, desse modo, o sentimento em torno dos gastos pode ficar sob pressão", diz a analista Iris Pang."Individualmente, as medidas não criam um prejuízo óbvio à economia. Mas juntas, poderiam resultar em um golpe considerável".

Analista do Commerzbank, Hao Zhouconcorda que o setor de serviços - que representa 55% do PIB chinês, segundo a OMS -"claramente" foi"duramente" atingido pelas medidas de restrição, sugerindo que a demanda doméstica segue como um"grande obstáculo para a economia". Na mesma linha, a manufatura, que liderou a recuperação econômica da China, também está perdendo força, observa Hao."A fraca demanda doméstica e os elevados preços dos insumos devem ter influenciado o desempenho de muitas firmas industriais".

As empresas de tecnologia também têm sido alvo de reformulações pelo. Novas diretrizes foram emitidas na última semana para criar um ambiente virtual mais"civilizado" e"bem regulamentado", segundo o governo. De acordo

com o membro doBanco do Povo da China, Cai Feng,a regulação se dá para prevenir e quebrar eventuais monopólios no setor. O maior controle sobre suas big techs vem sendo imposto há meses.CommoditiesNa última semana, a China afirmou planeja seguir liberando estoques de cobre, alumínio e zinco para abaixar seus preços no mercado internacional. Parte de suas reservas de petróleo também serão lançadas ao mercado por meio de um leilão, com o intuito de"aliviar a pressão de alta nos custos de matérias primas" a produtoras. headtopics.com

Consulte Mais informação: Estadão »

Após receber medalha, Bolsonaro é vaiado e chamado de genocida na Câmara

Sob protestos de deputados da oposição, presidente foi condecorado por Arthur Lira (PP-AL)

Economia A grande e eterna farsa ching ling. A única coisa que o falseamento constrói com solidez é a derrota. China lixo Economia EVERGRANDE 🏗 Entenda como a empresa mais endividada do mundo ameaça a economia chinesa