Estimulado por Bolsonaro, o armamento de cidadãos comuns tem escalada

Estimulado por Bolsonaro, armamento de cidadãos comuns tem escalada no país

25/09/2021 14:30:00

Estimulado por Bolsonaro, armamento de cidadãos comuns tem escalada no país

O aumento dos números se nota especialmente em estados do Norte e Centro-Oeste com histórico de conflitos no campo

Atualizado em 23 set 2021, 21h33 - Publicado em 25 set 2021, 08h00VIGÍLIA - Fazendeiro com espingarda em Mato Grosso do Sul: cada um por si - Antonio Milena/.PublicidadePublicidadeReflexo da obsessão do presidente Jair Bolsonaro em armar a população, o arsenal em poder de cidadãos comuns passa por uma escalada jamais vista na história do Brasil. Os registros na Polícia Federal mais que triplicaram sob o novo governo. Em 2018, na era Michel Temer, foram dadas 51 027 autorizações a civis, número que foi a 94 064 no primeiro ano do bolsonarismo e atingiu 177 782 em 2020. Somente nos seis primeiros meses deste ano já foram 97 243, o que mostra que o fenômeno continua. Embora tenha ocorrido de forma geral no país, a alta foi maior nas regiões Norte e Centro-Oeste. Estados como Tocantins, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul destacam-se nesse ranking (

Guedes defende privatização e diz que Petrobras não valerá nada em 30 anos Bolsonaro ficará uma semana sem poder fazer live no YouTube | Radar Econômico Vereadora Duda Salabert diz que foi vítima de transfobia em loja de shopping em BH

veja o quadro abaixo).Fator de preocupação adicional dentro dessa política bélica bolsonarista, essas são áreas que já figuram como líderes em conflitos armados no país, devido a problemas como o acirramento das disputas por terras e a pressão exploratória por recursos naturais. Áreas indígenas costumam estar no epicentro de muitos desses conflitos e a polêmica sobre os direitos desses povos só vem aumentando e chegou a um ponto de grande tensão. Encontra-se em análise no Supremo Tribunal Federal o marco temporal que fixa que indígenas só podem reivindicar terras já ocupadas antes da Constituição de 1988 — o julgamento foi suspenso por pedido de vista do ministro Alexandre de Moraes. Uma eventual mudança tem potencial de agravar ainda mais as brigas já frequentes, dentro de um cenário de enorme deterioração dos órgãos de controle e fiscalização que ocorre neste governo. “Onde as instituições não chegam, o que vale é a lei do mais forte”, afirma o economista e técnico do Ipea Daniel Cerqueira.

No discurso que entoa desde antes da eleição, Bolsonaro reserva um lugar especial para o armamento de quem vive no campo. Ele permitiu, por exemplo, aos fazendeiros andarem armados em toda a propriedade, e não apenas na sede, como antes. A política ganhou até uma ilustração no dia 28 de julho, quando, a pretexto de comemorar o Dia do Agricultor, a Presidência da República divulgou uma mensagem com a imagem de um homem portando uma espingarda em meio a uma plantação — o material foi apagado horas depois sob o argumento de que ele fazia “referência à segurança no campo”, mas deu “margem a interpretações fora do contexto”. De acordo com Ivan Marques, do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, a lógica do “cada um por si” é a mensagem incutida hoje pelo governo no coração e mente dos brasileiros, o que pode transformar em um barril de pólvora as muitas pendengas fundiárias do país. “O Brasil corre o risco de caminhar 100 anos para trás, onde nós tínhamos territórios tomados por jagunços”, afirma Marques. headtopics.com

O alerta parece um pouco exagerado, mas encontra eco na própria PF. Segundo o delegado Pedro Ivo, titular da Delegacia de Controle de Armas e Produtos Químicos do Tocantins, é para as mãos de produtores rurais que a maioria das armas está indo. “Elas viraram a segunda paixão nacional depois do futebol”, ironiza. Segundo ele, tanto o pequeno produtor quanto o latifundiário estão montando pequenos arsenais, com a diferença de que o segundo cria uma estrutura interna de segurança para defender a propriedade. A flexibilização de normas foi o principal motivo para deixar a PF de mãos atadas diante da demanda. “Não temos mais a discricionariedade (

liberdade de ação administrativa) de exigir que o indivíduo comprove que ele tem a prerrogativa de ter arma”, completa Ivo.Continua após a publicidadeOBSESSÃO - Ato no Distrito Federal: o bolsonarismo encampou a bandeira da direita mundial – Andressa Anholete/Getty Images

No bolsonarismo, claro, a visão é outra. “É a forma que nós temos para ter o nosso patrimônio protegido onde o Estado não consegue se fazer presente”, alega o deputado Nelson Barbudo (PSL-MT), o mais votado no estado, um proprietário rural que já foi alvo do Ministério Público após ameaçar invadir a terra indígena Marãiwatsédé e devolvê-la a agricultores retirados no governo Dilma Rousseff, em 2012. Outro defensor da flexibilização, o deputado José Medeiros (Podemos-MT) argumenta que é preciso se proteger de ladrões. “Não tem como tratar da mesma forma quem mora na Avenida Paulista e quem mora no interior de Mato Grosso. Tem regiões em que a delegacia mais próxima fica a 200 quilômetros”, alega. Por ora, o aumento do arsenal não correspondeu a uma alta da violência, mas especialistas temem o efeito a longo prazo. “As novas armas tendem a ficar em circulação por cinquenta a sessenta anos”, ressalva Ivan Marques.

As portas para essa política vêm sendo abertas por Bolsonaro desde os primeiros dias de sua gestão. Ao colocar o assunto como prioridade, o presidente foi enfileirando uma sucessão de decretos, portarias, medidas provisórias e outros instrumentos legais que simplificaram o processo para a aquisição. Entre os mais de trinta atos que o atual governo editou estão o aumento de duas para seis armas para cada cidadão, o afrouxamento do limite para munições e até a autorização para que indivíduos possam circular com duas armas na cintura (o limite era uma). Também retirou do controle do Exército itens como os pentes de munição e as miras telescópicas, além de revogar medidas que permitem rastrear a produção caseira de projéteis. headtopics.com

Barroso manda à PGR notícia-crime contra Bolsonaro por fake news sobre vacinas Barroso envia à PGR ação sobre live de Jair Bolsonaro Guedes pressiona pela privatização da Petrobras: 'Vai valer zero daqui a 30 anos'

EM ALTA - Novos atiradores: o arsenal da população é quase o dobro do policial – Miguel Schincariol/AFPA ladainha em defesa de armas não é uma invenção de Bolsonaro nem da direita brasileira. O tema é central para esse espectro ideológico em qualquer lugar do mundo, em especial nos Estados Unidos. Lá, a ideia de que o cidadão tem direito à autodefesa está expressa na segunda emenda da Constituição, de 1791 — ela tem origem nos

minutemen, como eram chamados, pela rapidez com que se colocavam para o combate, os colonos que formaram brigadas para lutar pela independência. Não por acaso, os bolsonaristas vivem citando os Estados Unidos como sua inspiração no assunto.

Para o presidente, o tema ajuda a mobilizar a militância radical. Na célebre reunião ministerial de abril de 2020, ele justificou a insistência no assunto com uma teoria conspiratória: “É por isso que eu quero que o povo se arme! É a garantia de que não vai ter um ‘fdp’ para aparecer e impor uma ditadura aqui”. Uma estimativa dos institutos Sou da Paz e Igarapé mostra que no fim do ano passado havia 1,15 milhão de armas nas mãos de cidadãos, quase o dobro das 629 000 em poder das Polícias Militares. “Isso pode acabar gerando milícias favoráveis ao governo. É muito ruim do ponto de vista da democracia”, diz o cientista político Leandro Consentino, professor do Insper.

Essa sanha armamentista, porém, pode sofrer um revés. O STF iniciou um julgamento com potencial para derrubar de vez quatro decretos, cuja eficácia já foi suspensa por liminar da ministra Rosa Weber. Seu voto foi referendado por Moraes e Edson Fachin, mas, na sexta 17, Nunes Marques, indicado por Bolsonaro, pediu vista e parou o processo. Cedo ou tarde, porém, a Suprema Corte vai retomar o assunto, sendo que a maioria dos integrantes é contrária à política bélica. Para um governo que gastou enorme energia para fazer do armamento da população uma de suas pouco bem-sucedidas políticas públicas, será um verdadeiro tiro no pé. headtopics.com

Consulte Mais informação: VEJA »

O país que virou 'lixão' de roupas de má qualidade dos países ricos - BBC News Brasil

Todas as semanas, mais de 15 milhões de peças de roupas usadas chegam a Gana, mas apenas parte disso consegue ser reaproveitada.

A imprensa sempre contra o Presidente. Acho que está faltando milho para alguns. Mas antes um cidadão de bem armado em sua casa do que um bandido de fuzil na minha porta . Liberar o armamento sem mudar as leis que desde 1940 não é atualizada é o mesmo que se dar um tiro na própria cabeça!. Que bom as pessoas de bem q passaram por curso, avaliação psicológica e treinamento estão se armando, bandido não precisa de nada disso, basta comprar de contrabando as armas

Vou comprar uma também ... Quem desarma são Talibãs, Comunistas e imprensa. Triste notícia para MST 😄😄 Graças a Deus ....o número de mortes por arma de fogo por acidente ou briga não chega aos pés de assassinato de inocentes por bandido A matéria deveria ser: Bandidos estão preocupados pela diminuição da oferta se trabalho e pedem ajuda a mídia .

Justo!

😪🇧🇷🙈 Tá certo cidadãos de bens tem q se proteger defender a família nos EUA o.pivo tem direito dexse defender aqui no Brasil tá não hora o país é muito violento e perigoso. Que excelente notícia. Pelo menos não estamos armando cada vez mais os bandidos e traficantes . Em fim armas nas mãos de cidadãos e não na mão de bandidos

Quanto mais armas, menos vagabundos Top Excelente VEJA... SÓ! E são eles que estão assaltando, matando e traficando? A revistinha já foi melhor... XeuleBot

Cenas fortes Parabéns Uma população armada jamais sera escravizada A Bíblia do verdadeiro bolsonarista é a arma !!! Os evangélicos fingem que não sabem !!! mito. mito. mito. mito. Opa minha 12 já está no sítio. Coisa boa. Não tenho armas, mas não sou contra a autorização para quem quiser que possa té-las. Até mesmo, porque, no geral, a maioria dos crimes é praticada com armas irregulares ou ilegais.

Bolsonaro é um ladrão barato e um idiota mas isso não tira o direito do cidadão de bem de se armar para proteger a si, seus familiares e seu patrimônio. Em nosso país os loucos e os bandidos já estão armados, cabe ao cidadão de bem se armar para equilibrar a balança de poder. 🎯 Nos estados unidos, o bandido tem mais medo do cidadão armado que dá polícia, pois a mesma segue protocolos, e o cidadão, não, já manda bala.

Bolsonaro por ser evangélico não deveria estimular o uso de armas, embora muitos evangélicos apoiam, o que não deveria pois Deus é a favor da paz e arma mata. Parabéns FechadoComBolsonaro bandido bom é bandido morto... Ótimo. Em vez de quererem tirar o direito de defesa das pessoas, pq não começam deixando PRESOS os bandidos que já roubaram, mataram estupraram ? Aí não pode né?

Precisamos armar a população. Pelo menos 100 milhões de cidadãos armados pra defender sua vida, sua casa e família. Duvido vagabundo ter coragem de assaltar mais sabendo que pode ser abatido por qualquer um na rua. Bolsonaro está certíssimo em armar o povo ordeiro e de bem E vamos continuar lutando por nossos direitos, a defender a família (haja vista o caso Lázaro e tantos outros), a defender nossas propriedades privadas, a não ser que a Veja, Estadão, Globo etc, se responsabilize em defender a nossa incolumidade e defesa da propriedade privada.

O povo sabe o que faz. Numa região onde nao existe a lei, cada um se defende como pode. A arma de fogo torna todos iguais. Rumo a guerra civil. Bora lá!!! Isso é bom... Nós que somos militares temos certas restrições para o uso e posse!!! A lei criminal primeiramente terá que ser mudada. Dando maior rigor. O DF ser o maior beneficiado com o desarme! O cidadão BR. Tem que aprender a lutar.

Chora esquerdalha! Graças a Deus

Pois é... E melhor só os bandidos estarem armados. Morte de gente de bem da manchetes. Com tantos loucos...Logo, logo estarão usando o povo como alvo! Ótimo Direito a propriedade privada deveria ser uma religiao. Promessa de campanha que ajudou na sua eleição. Eu votei! 👉🏼👉🏼 22 É fogo no rabo dos bandidos

- Normal para vocês e o bandido armado o cidadão de bem é crime!!! Aja paciência para esta turma do politicamente chato!! E a criminalidade caiu ou não? Rebeliões, até aqui ocorreram? A sensação de segurança melhorou. Óbvia que há, visto o que ocorreu em SP, porém não ocorre até aqui os desmando de crime de outrora. O fato é que certas assuntos são pautas de poucos.

Ótima notícia! BolsonaroTemRazao Claro. Combater o MST. Glória a Deus🙌🙏 Boa!!! Cidadão armado não será manipulado Excelente notícia. O bandido que vive de arma ilegal pensará duas vezes antes de sair barbarizando. Quero comprar a minha 12 logo logo E Cristo disse na cruz ao bandido que o pediu perdão: 'ainda estarás comigo no paraíso o caralho, bandido bom é bandido morto'. E Jesus Cristo retirou sua 38 de dentro do seu fraldâo e assassinou os bandidos que estavam na cruz, para alegria e aplausos dos romanos que ali estavam

Parabéns presidente Bolsonaro! 👏👏👏👏👏👏

Boa....chumbo em bandido. Iiiihhhhhuuuuuuuu.... BolsonaroAte2026 Arma vai resolver tudo, vamos virar afeganistao… governo cultista de ideilogia religiosa e armamentista tirando direitos das mulheres Para defesa residencial já basta uma. De preferência uma espingarda calibre 12. Cada tiro se vai um pedaço do meliante. 👍🏻

Opa Graças a Deus 🙏🙏 Pela esquerda so os bandidos que podem ter armas . Qual a surpresa nisso? Ele ganhou a eleição com essa pauta, logo a maioria de quem votou nesse governo também é a favor desta pauta. Esta correto!Aqui em casa vagabundo pode até entrar,sair vivo ou ileso é outra história. Top

👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻👏🏻 Muito obrigado Ótimo.... Grande dia 😀😀😀😀😀 Correto; armado e municiado. Bandidagem que invente de entrar no que é seu … EstiMULAdos por MULA, digo, Lulla; menores matam para roubarem celulares Pior era se aumentasse na mão de bandido , mas isso nem notícia ia virar kkkkkkkk Precisa ser divulgado mesmo. Os comunistas, ladrões, estupradores etc precisam saber que a população está se Armando.

Se grande mídia brasileira usar um pouco da inteligência, fazer uma limpa, demitir redatores e colunistas xiitas , aumentaria o faturamento, pois tem público de direita conservador necessitando de material pra consumir. Acordando quanto tem tempo. Parabéns. Amém!

A casa é Porto Seguro de uma família , se um Estupador ou bandido armado adentra-la sairá ou correndo ou num saco plástico. A família em primeiro lugar. Meninas usam rosinha Pronto, já escolhi ! 😉 Parece que vocês se esqueceram dos recentes 60.000/ano homicídios da era petista. É pra glorificar de pé! P bandidos , o cidadão comum precisa do estado p se proteger , Qd não se tem governo e estado a saída é se armar correndo o risco de fz uma merda e estragar a família p resto da vida

Assim não teremos mais invasões de propriedades rurais e casas residenciais! Bandido sabe que vai levar tiro! Excelente! Excelente notícia!!! Estou na fila para comprar a minha. STF_oficial alexandre O país virou um antro de extremistas políticos e religiosos... Vigiai ou viraremos um Afeganistão futuramente...

A veja é uma vergonha para o Brasil . Ótimo! Seria útil se pudéssemos nós armar para aceitar políticos e magistrados e militares corruptos, limpariamos nossa nação. E exatamente por isso que a criminalidade caiu. O dia que bandido pagar 8 mil para fazer todo trâmite de ter uma arma, eles não serão mais bandidos.

Ainda bem, demorou !!!! Um VIVA para o nosso Presidente !!! Parabéns cidadão armando desde que, dentro da lei............👏👏👏👏👏👏 OPINIÃO: OS MST NÃO FARÃO MAIS ATROCIDADES E SERÃO RECEPCIONADOS COM TODO O CARINHO QUE MERECEM Vamos dobrar a meta e depois dobrar novamente,depois dobraremos de novo e em seguida vamos voltar a dobrar 👍🏻

Ainda bem que ele está devolvendo ao cidadão de bem um direito que lhe pertence previsto na constituição federal que foi suprido por políticos ditadores que querem manter os cidadãos desarmados com o escopo de abusarem e se perpetuarem no poder.

Cidadão: indivíduo que, como membro de um Estado, usufrui de direitos civis e políticos por este garantidos e desempenha os deveres que, nesta condição, lhe são atribuídos. Parabéns ao PR. Excelente. Sempre é bom lembrar que no plebiscito o povo brasileiro escolheu o armamento com 63% dos votos. Claro, veja esquerdalha. Ou prefere o homem do campo o fazendeiro à mercê dos vagabundos fdp do MST!?

E pelo número dessa semana, vocês devem estar extasiados né não?!! E foi assim que Lázaro foi impedido de matar mais gente inocente. Graças a Deus 😅 pq antes era só os ladrões que tinham armas em abundância.