Especialistas veem testes de covid-19 para alunos como válidos, mas apontam ressalvas - Educação - Estadão

Especialistas veem testes de covid-19 para alunos como válidos, mas apontam ressalvas (via @EstadaoEdu)

26/09/2020 11:15:00

Especialistas veem testes de covid-19 para alunos como válidos, mas apontam ressalvas (via EstadaoEdu)

Prefeitura de São Paulo anunciou que a partir da próxima semana pretende começar a fazer testes sorológicos em todos os alunos e professores da rede municipal de ensino antes do retorno às aulas, em novembro

Estadãodivergiram se a iniciativa pode trazer mais segurança para a volta às aulas.  Para Pedro Hallal, reitor da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e epidemiologista, qualquer retomada de atividades deve vir acompanhada de um protocolo de testagens. “A iniciativa de testar todos os estudantes e professores antes de retomar às aulas é uma ótima ideia e tem de ser elogiada”, disse. O especialista também explicou que a testagem deve ser usada de forma contínua e que a cada vez que haja uma contaminação na escola, deve haver um protocolo de ação previamente pensado.

Onça-pintada que sofreu queimaduras graves no Pantanal de MT é solta após tratamento em GO; veja vídeo Ministério anuncia compra de 46 milhões da vacina Coronavac e diz que imunização começa no 1º semestre de 2021 'Será um grande erro não investir no Brasil', diz Paulo Guedes

Leia TambémPrefeitura quer testar todos os alunos e professores da rede antes da volta às aulasAlém da testagem de professores e alunos, Hallal ressaltou a importância de outras medidas para manter a segurança sanitária nas escolas. “Garantir um certo distanciamento entre as pessoas. A questão de disponibilizar opções de lugares para as crianças e para os jovens lavarem as mãos com sabonete, porque é uma coisa que, às vezes, as escolas não tem. As máscaras são fundamentais, porque tem uma série de estudos mostrando que as máscaras protegem bastante. Além de proteger do próprio contato do vírus, protegem do tamanho da exposição, ou seja, quem pega com máscara, pega com uma carga viral menor”, falou.

O professor de infectologia daUniversidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Edimilson Migowski, também considerou válida a iniciativa da prefeitura, mas alertou para o fato de que se o indivíduo se infectou pelo coronavírus há muitos meses, existe a possibilidade de ele não ter mais anticorpos detectáveis. “Acho legal fazer (a testagem), porque é um dado adicional. Quem testar positivo, ótimo, provavelmente está protegido. Quem testar negativo, pode ou não estar suscetível”, explicou.  

Migowski destacou, entretanto, que não condicionaria o retorno às aulas a esses dados de testagem. Para o professor, detectar a infecção e tratar precocemente, além de “capacitar os professores, alunos e pais responsáveis para identificar precocemente (os sintomas da covid-19)” são algumas das medidas que devem ser adotadas no processo de retomada das escolas. 

Já Domingos Alves, professor da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto daUniversidade de São Paulo (USP), considerou a testagem de professores e alunos “paliativa”. “Se der positivo, indica que a pessoa teve em algum momento atrás, mas não que a pessoa tem (a infecção). Ela tem uma resposta imune ao vírus, mas não detecta a presença do vírus. Ou seja, se a pessoa tiver transmitindo, esse teste não é suficiente para saber isso”, disse. Para o professor, os testes de swabs (coleta no nariz) ou de saliva são mais efetivos. 

Consulte Mais informação: Estadão »

Cão que nasceu com doença no cérebro ganha cadeira de rodas para voltar a se locomover

Esperança da tutora do Thor, de Novo Horizonte (SP), em ver o cão com uma vida normal veio de um projeto chamado 'Rodinhas para Todos', de Sorocaba (SP).

Edu Quando eu vejo palavras especialista no Brasil é sinônimo de esquerdistas criminosos. Edu A zona tá aberta, mas a escola não. Edu FORA BOLSONARO GENOCIDA! ForaBolsonaro BolsonaroGenocida ImpeachmentBolsonaro

Joelma conta que teve ‘pulmão, visão e mente’ afetados pela covid-19 - Emais - EstadãoJoelma conta que teve ‘pulmão, visão e mente’ afetados pela covid-19 (via Emais_Estadao) Emais_Estadao Estadão conta que teve covid-19 afetada editorialmente Emais_Estadao Despero pela atenção do Chimbinha. Rei da Guitarra Emais_Estadao Isso é a covid ou é o Shaka, o Cavaleiro de Ouro de Virgem?

Canadá vive segunda onda da pandemia de covid-19, diz Trudeau - Internacional - EstadãoMédia diária de novos casos de covid-19 quase triplicou nas últimas semanas; primeiro-ministro disse que 'outono pode ser pior que a primavera' no país Inter deve ser incrível ter um líder que admite a gravidade da doença e toma as medidas necessárias pra diminuir os danos Inter A culpa é dos prefeitos e governadores Inter Tai uma coisa BEM preocupante porque o pessoal lá no geral é mais cuidadoso, educado, IDH melhor etc

Hospital lotado em Israel instala leitos para pacientes com covid-19 no estacionamento - Internacional - EstadãoAla foi criada em área construída para servir de refúgio em caso de hostilidades durante o conflito com o Hezbollah em 2006

Fatores genéticos e imunológicos podem explicar casos graves de covid-19, mostram estudos - Saúde - EstadãoPresença de anticorpos que boicotam o sistema de defesa do corpo pode levar a uma piora da doença; essa resposta incorreta do organismo está relacionada com alteração em genes COVID Já temos VACINA. NÃO sejam BURROS demais. APLICA-se a VACINA EM 100 PESSOAS e DÁ um BANHO de COVID em TODAS ELAS e se NINGUÉM FICAR DOENTE em 30dias,a VACINA está APROVADA.NOVE mil médicos tomaram VACINA a 2 mêses e ninguém morreu ou tomaram XIXI? NÃO SEJAM BURROS DEMAIS.

Monique Evans está com Covid-19: 'Muita dor de cabeça e cansada' - ISTOÉ IndependenteMonique Evans informou seus seguidores nos stories do Instagram que que testou positivo para o novo coronavírus. + SP deve receber cinco milhões de doses de vacina chinesa em outubro, diz Doria Em uma publicação nesta quinta-feira (24), a artista tranquilizou os fãs e admiradores e disse quais sintomas está sentindo: “Hoje veio o resultado […] E a idade muie, e a idade !!

Como a pandemia de covid-19 pode levar a uma revolução nas vacinas - BBC News BrasilUma tecnologia promissora testada há 30 anos usa engenharia genética para criar vacinas mais baratas e simples de produzir em grande escala. O novo coronavírus criou uma oportunidade para que ela finalmente chegue ao mercado. Curioso não? *Mais rápidas, simples e baratas: ChinaLiedPeopleDied