Da Bahia para o mundo: Ana Marcela é ouro na maratona aquática

Da Bahia para o Mundo: Ana Marcela é ouro na maratona aquática

04/08/2021 02:33:00

Da Bahia para o Mundo: Ana Marcela é ouro na maratona aquática

Brasileira venceu a disputa da prova dos 10 km e conquistou a medalha em sua terceira Olimpíada

Da RedaçãoAtualizado em 3 ago 2021, 20h41 - Publicado em 3 ago 2021, 20h30Ana Marcela na disputa da prova dos 10 km na maratona aquática dos Jogos Olímpicos de Tóquio - 3/8/2021 - Jonne Roriz/COBPublicidadePublicidadeO Brasil conquistou seu quarto ouro logo no início do dia 4 em Tóquio – começo na noite do dia 3 no Brasil. A baiana Ana Marcela garantiu o quarto ouro do país nos Jogos Olímpicos com a vitória na prova dos 10 km da maratona aquática, disputada a partir das 6h30 no horário local na Marina de Odaiba, na capital japonesa.

Lil Nas X faz rap afrontoso e pop redondo em ‘Montero’, melhor álbum do ano até agora; G1 Ouviu Menino de dois anos é levado a UPA após ficar com panela de pressão presa na cabeça, no Ceará Vacinação contra a Covid: mais de 80 milhões de brasileiros estão totalmente imunizados

A brasileira de 29 anos, que deixou a Bahia em 2007 rumo a Santos para construir uma carreira na maratona aquática, esteve no pelotão de frente durante as quase duas horas de prova. Nos últimos 10 minutos, assumiu a ponta e não foi mais ultrapassada. Ana Marcela chegou na frente com o tempo de 1 hora, 59 minutos e 30 segundos.

“[Meu momento] finalmente chegou. É o meu quarto ciclo olímpico, vindo de uma não classificação [em Londres-2012], frustração no Rio [quando ficou no décimo lugar] e amadurecimento muito grande para chegar até aqui. Deixei escapar algumas vezes, mas agora finalmente sou campeã olímpica. O que é eu posso dizer é acreditem nos seus sonhos e deem tudo de si. Quero agradecer meu clube, meus pais e minha namorada”, disse Ana Marcela em entrevista ao SporTV após a vitória. headtopics.com

A atleta era esperança de medalha para o Brasil após um magnífico ciclo olímpico. Neste ano, foi pódio nas três provas que disputou na preparação para Tóquio, com duas medalhas de ouro e uma prata. A conquista nos Jogos chega após passar em branco em Pequim-2008, na estreia da modalidade nos Jogos, e Rio-2016.

Ana Marcela coroa uma carreira vitoriosa na modalidade com a sua primeira medalha olímpica. A baiana já foi eleita seis vezes a melhor atleta do mundo em maratonas aquáticas, é tetracampeã mundial em provas de 25 km e foi campeã no Pan-Americano de Lima em 2019.

Consulte Mais informação: VEJA »

Bolsonaristas tentam invadir Ministério da Saúde e são contidos por seguranças - Política - Estadão

A informação foi confirmada pela assessoria da pasta ao Estadão/Broadcast; jornalistas presentes no local foram hostilizados

Arrasou !! 🥇👏🏻🏊🏽‍♀️ Da 'Boa Terra' para a consagração do mundo.Meus PARABÉNS Ana Marcela! Baianamente baiana da Bahia! Parabéns !!!!

Ana Marcela Cunha conquista medalha de ouro na maratona aquática da Olimpíada de Tóquio - ISTOÉ IndependenteDepois de 6 prêmios como melhor nadadora de águas abertas, a brasileira Ana Marcela Cunha acrescentou mais um grande feito na carreira: ela ficou com a medalha de ouro após 10km nadados em mar aberto do Japão. Essa foi a quarta medalha dourada para o Brasil nos Jogos de Tóquio. + Inspirados por Ítalo, surfistas mirins […] Aninha estamos orgulhosos, torcemos muito. Que maravilha que as mulheres brasileiras deram o maior show nessas olimpíadas.

COI pede explicação da China por violação da Regra 50 da Carta OlímpicaEXPLICAÇÃO!🗣️🇨🇳 COI pede explicação da China por violação da Regra 50 da Carta Olímpica lancenet

Fora de casa, Sport vence o Bahia e sai da zona de rebaixamentoO Tricolor de Aço domina o jogo, mas no contra-ataque toma gol no fim e perde chance de subir na classificação

CPI da Covid desiste de quebrar sigilo bancário da rádio Jovem Pan - Política - EstadãoO pedido, feito na última sexta-feira, pelo relator Renan Calheiros não alcançou consenso entre os senadores; perseguição às fake news vira foco da comissão Politica Arregou! Politica CPIdaCovid

Jornalista da Globo da mortal ao vivo e impressiona ao relembrar época de ginasta - ISTOÉ IndependenteNa segunda-feira (02), Diego Haidar, repórter do “RJTV 1”, afiliada da TV Globo, em homenagem aos Jogos Olímpicos Tóquio 2021 resolveu relembrar a época de ginasta na adolescência e refez alguns saltos da atleta ao vivo. “Antes de encerrar, Mari e Priscila, eu treinei ginástica num breve período da minha adolescência e eu achei que não […]

Bruno Bioza, o garoto prodígio da ópera e da literatura - Cultura - EstadãoAos 6 anos, ele cantava ária de Puccini, aos 8 escreveu o seu primeiro livro e agora, aos 15, faz shows beneficentes Cultura que energia 'li Dostoiévski aos 2 anos de idade'