Covid: província do Canadá vai cobrar 'imposto de saúde' de não vacinados

Apenas 12,8% dos moradores de Quebec não são vacinados, mas eles representam quase metade de todos os casos hospitalares.

12/01/2022 19:30:00

Apenas 12,8% dos moradores de Quebec não são vacinados, mas eles representam quase metade de todos os casos hospitalares g1

Apenas 12,8% dos moradores de Quebec não são vacinados, mas eles representam quase metade de todos os casos hospitalares.

A província canadense de Quebec cobrará um "imposto de saúde" para os moradores que não estiverem vacinados contra a Covid-19.Quebec, que registrou o maior número de mortes relacionadas à Covid-19 no Canadá, está atualmente enfrentando um aumento de infecções.

Na terça-feira (11), o primeiro-ministro anunciou que a província seria a primeira no país a penalizar financeiramente os não vacinados.Segundo dados federais, pouco mais de 85% dos que vivem na província receberam pelo menos uma dose da vacina até 1º de janeiro.

Consulte Mais informação: g1 »

O Assunto #735: Lembrar de Betinho para combater a fome

Diante do retrocesso brutal na garantia do mais básico dos direitos, especialistas alertam: além de cobrar das autoridades que façam sua parte, retomando políticas públicas hoje esvaziadas, é urgente mobilizar a sociedade civil. Como fez, há três décadas, o sociólogo Herbert de Souza, idealizador de campanha pioneira para levar comida aos brasileiros mais pobres. Consulte Mais informação >>

Como mentem de forma tão descarada, acho que vou pegar os dados dos hospitais de Quebec, só para esfregar na cara de vcs Que coisa linda a rede GLOBE propagando a segregacao ! E faz que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal na mão direita ou na testa, para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome. Ap 13.16-17

45% dos internados, não são vacinados! E os outros 55% são vacinados! É isso produção? Mas lá possuem uma bela motivação né? “Sabemos que as duas doses da vacina oferecem uma proteção muito limitada, se houver”. Denunciem! CEO da Pfizer se alia ao bolsonarismo e propaga fake news sobre a eficácia da Pfizer, que sabemos é de 99%! Antivax negacionista!!

MP pede que Ricardo Salles e mais 12 sejam multados em R$ 800 mil por motociataPromotoria entende que houve desrespeito a normas sanitárias em São Paulo Mas a motociata foi de apenas 12 pessoas ? Ou o MP quer chamar atenção? Kkk próximo

Lula tem 12,5% de chance de vencer no primeiro turno | O AntagonistaLula tem 12,5% de probabilidade de vencer no primeiro turno, de acordo com o agregador de pesquisas do Jota. A mesma ferramenta mostrou que, neste momento, Lula tem 43% dos votos e é seguido de longe por Jair Bolsonaro, com 28%, e Sergio Moro, com 12%... Provavelmente são mais reais do que o Ex juiz parcial Serjio Moro ir ao 2° turno São 0,00! LulaNaCadeia BolsonaroPresidenteAte2026 🇧🇷🇧🇷

Probabilidade de Lula vencer no 1º turno é de 12,5%, diz site - CartaCapitalFerramenta agrega resultados de diferentes pesquisas com metodologias distintas para calcular as probabilidades Esse 0,5% é importante! Ciro 2022 PrefiroCiro

Confira o horóscopo de todos signos para esta quarta-feira, dia 12 - ISTOÉ IndependenteToda sedução se alimenta da fantasia e também da magia. Que tal um dia para resgatar o poder de persuasão em diversos níveis, o que inclui também a capacidade de conquista no âmbito afetivo? Mas, calma, é preciso prudência e revisão profunda de crenças e valores. Afinal, o planeta Vênus ainda segue em movimento retrógrado […] Virginia_Gaia Ciência

Lula tem 12,5% de chance de vencer eleição no primeiro turnoLeia em O Antagonista: Lula tem 12,5% de probabilidade de vencer no primeiro turno, de acordo com o agregador de pesquisas do Jota Eita, vou votar no Bolsonaro no primeiro turno. Sem essa de terceira via. PTNuncaMais Moro irá mudar a chance para zero. O cenário hoje é de vitória acachapante do petista, basta saber se vai se confirmar mesmo no primeiro turno, creio que não. Porém chegará muito forte no segundo turno, seja quem for seu adversário.

Aprenda a fazer uma receita de arroz frito com apenas uma panelaCarole Crema reaproveita ingredientes da geladeira em receita que leva frango desfiado, ervilha, brócolis e castanhas...

O primeiro-ministro de Quebec, François Legault, disse que medida 'é uma questão de justiça para 90% da população' — Foto: Getty Images via BBC A província canadense de Quebec cobrará um "imposto de saúde" para os moradores que não estiverem vacinados contra a Covid-19. Quebec, que registrou o maior número de mortes relacionadas à Covid-19 no Canadá, está atualmente enfrentando um aumento de infecções. Na terça-feira (11), o primeiro-ministro anunciou que a província seria a primeira no país a penalizar financeiramente os não vacinados. Segundo dados federais, pouco mais de 85% dos que vivem na província receberam pelo menos uma dose da vacina até 1º de janeiro. O primeiro-ministro de Quebec, François Legault, disse durante uma entrevista coletiva que as pessoas que não receberam a primeira dose da vacina terão que pagar uma "contribuição". O valor da taxa ainda não foi decidido, mas será "significativo". "Acho que agora é uma questão de justiça para 90% da população, que fizeram alguns sacrifícios", disse Legault. "Acho que devemos a eles esse tipo de medida." Na semana passada, a província anunciou que exigiria comprovante de vacinação para fazer compras em lojas de maconha e bebidas do governo. VEJA TAMBÉM: Clientes fazem fila do lado de fora de loja depois que a maconha recreativa legal foi colocada à venda em St John's, no Canadá, em 2018 — Foto: Chris Wattie/ Reuters Também está em vigor um toque de recolher — o segundo da pandemia —, que funciona das 22h às 5h todos os dias. Na terça, o número total de mortos por Covid-19 em Quebec chegou a 12.028, com 62 óbitos registrados em um período de 24 horas. Foram registrados também 8.710 novos casos, com uma taxa de positividade de 20%. A província tem 2.742 pacientes com Covid-19 hospitalizados, incluindo 244 em terapia intensiva. A porcentagem de pacientes com Covid-19 em UTIs (Unidade de Terapia Intensiva) que não foram vacinados é de 45%, mostram dados regionais. A coletiva de imprensa do primeiro-ministro contou com a presença do diretor interino de saúde pública, que assumiu após o ocupante anterior do cargo renunciar devido a críticas sobre como lidou com o último aumento impulsionado pela variante ômicron. Os hospitais de Montreal, a maior cidade da província, estão chegando a 100% da capacidade e já começaram a limitar os tratamentos não relacionados à Covid-19. Mais de 200 membros da população desabrigada da cidade também tiveram diagnóstico positivo para a doença, o que indica um surto. Ele ocorre em meio a uma forte onda de frio, que está sobrecarregando os abrigos públicos. Quebec não é a única região do mundo que busca impor uma penalidade financeira àqueles que não querem ser imunizados. A partir do fim deste mês, gregos com mais de 60 anos vão ter que pagar uma multa de 100 euros (cerca de R$ 633) para cada mês em que permanecerem não vacinados. Já Singapura exige que pacientes com Covid-19 paguem suas próprias contas médicas se não estiverem vacinados. VÍDEOS: as últimas notícias internacionais 200 vídeos