Consumo de novas tecnologias ajuda a manter inflação baixa

Consumo de novas tecnologias ajuda a manter inflação baixa #G1

13.2.2020

Consumo de novas tecnologias ajuda a manter inflação baixa G1

'Efeito Amazon': com a popularização de aplicativos de transportes e compras em geral, concorrência aumentou em vários setores e, com oferta maior, tendência é de queda dos preços.

A mudança no hábito do consumo das famílias provocada pela popularização dos aplicativos de transporte e compras em geral está contribuindo para um comportamento mais favorável dos preços dos serviços no país e ajudando a manter a inflação mais baixa. As principais consequências da incorporação dos aplicativos no consumo diário são o aumento da concorrência em vários setores e a possibilidade de comparar valores, o que leva a uma tendência de queda dos preços. Os benefícios dessa onda tecnológica ficam evidentes na inflação de serviços: em 2019, ela marcou 3,5%, abaixo da inflação geral, que ficou em 4,31%. No acumulado dos últimos 12 meses encerrados em janeiro, o IPCA ficou em 4,19%, enquanto a inflação de serviços atingiu 3,3%. Até o fim de 2020, mesmo com a expectativa de aceleração da atividade econômica, a inflação de serviços deve seguir comportada: entre 3,5% e 4,6%, segundo analistas consultados pelo G1. Preços controlados — Foto: Arte/G1 "Essa discussão tem sido muito forte, de quanto a tecnologia pode ajudar a reduzir os preços na economia, de como esses ganhos tecnológicos ajudaram as empresas a reduzir custo e aumentar a produtividade", diz economista-chefe da Claritas, Marcela Rocha. A inflação de serviços sempre foi um entrave para a economia brasileira porque, historicamente, rodou acima do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a inflação oficial do Brasil. No cálculo de serviços entram, por exemplo, gastos com cuidados pessoais, como manicure, despesas com hotéis, transporte e alimentação fora de casa, entre outros. Nas economias mais avançadas, o impacto da tecnologia na inflação tem sido chamado de "efeito Amazon". A gigante de tecnologia se tornou símbolo desse movimento porque criou um modelo de distribuição de produtos que reduziu os custos de operação e, consequentemente, os preços – e que passou a ser copiado mundo afora. "Essas novidades tecnológicas produzem 2 efeitos relevantes. O primeiro é a comparação de preços: Amazon, Buscapé, Rappi e outras empresas, colocam todas as lojas disponíveis em uma mesma plataforma e [o consumidor] consegue comparar. Isso traz um grau de competitividade maior e faz com que haja um reajuste de preços de forma mais coordenada", diz Júlia Passabom, economista do Itaú-Unibanco. "O segundo é a própria competição. Novos competidores às vezes chegam com políticas de preços mais agressivas", completa. Os efeitos do impacto da tecnologia da inflação devem começar a ficar mais evidentes nas próximas divulgações do IPCA. Com as mudanças de comportamento do consumidor apontadas na Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2017-2018, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) alterou a lista de itens que serão apurados para calcular a inflação. Saem da conta itens que caíram em desuso e cujo peso ficou menor no orçamento das famílias, como aparelhos de DVD, máquinas fotográficas, microondas e liquidificadores; e entram serviços e produtos que ganharam importância na última década, como transporte por aplicativos e serviços de streaming, por exemplo. "O que os modelos mostram é que a inflação de serviços deve seguir muito baixa em 2020, também em 3,5%. O PIB está acelerando, tem alguma retomada da atividade, mas a inflação segue num ritmo comportado e, talvez, isso não seja só pelo nível do emprego", diz Marcela. Mudança de hábito do brasileiro altera cálculo do IPCA Novos hábitos Levantamento realizado pelo Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br) revela bem como a tecnologia mudou o hábito de consumo do brasileiro. Em 2018, de acordo com o Cetic.br, 70% dos brasileiros (126,9 milhões de pessoas) utilizavam a internet. Desses, 60% realizaram algum tipo de pesquisa de preço, 34% compraram ou encomendaram produtos ou serviços, e 19% divulgaram ou venderam produtos ou serviços. O estudo também mostrou que 32% dos usuários de internet pediram táxis ou motoristas por aplicativos. Além dos aplicativos de transporte, outros serviços foram realizados online: "O mercado de compras via internet é um mercado que está crescendo", afirma o analista de pesquisas do Cetic.br, Winston Oyadomari. "Quem oferece algum serviço pela internet está lidando com um mercado consumidor em expansão." Em 2018, 12% fizeram pedidos refeições em sites ou aplicativos — Foto: Carlos Jasso/Reuters Depois que a estação Moema, do Metrô, foi inaugurada, o designer Celso Soares, de 30 anos, decidiu vender o carro em 2018. Para se locomover em São Paulo, começou a utilizar um aplicativo que mostra as rotas de transporte público. "Sou de Brasília e lá a maioria das pessoas utiliza carro. Antes, até a inauguração da estação do Metrô do lado da minha casa, não tinha o costume de usar transporte público", afirma. Celso ainda não fez as contas de quanto economizou com a troca do carro pelo transporte público, mas lembra que passou a não ter gastos com estacionamento e gasolina. Inflação de serviços, velho problema A mudança tecnológica ajuda a explicar apenas uma parte da fraqueza da inflação de serviços no IPCA. Os analistas também ponderam que a lenta retomada da atividade econômica tem sido responsável pelo comportamento desse grupo de preços. "A inflação de serviços fica mais baixa porque o produto [economia] não está crescendo perto de seu potencial", diz Júlia Passabom, do Itaú. A inflação de serviços costuma responder ao desempenho da economia. Se a atividade acelera e a taxa de desemprego cai, os preços de serviços costumam subir. O oposto também ocorre: se há aumento do desemprego, os custos dos serviços tendem a desacelerar, já que há menos gente disposta a consumir. No trimestre encerrado em fevereiro, o desemprego seguia elevado. Essa dinâmica se dá porque, quando a economia está aquecida, há mais margem para o repasse de preços. "Não vemos pressão na inflação vindo da atividade econômica", afirma Lais Carvalho, economista do banco Santander. "A recuperação da economia já era gradual, e ela tende a ser ainda mais", afirmou. Por anos, a economia brasileira lidou com uma inflação de serviços bastante elevada. Em 2011, por exemplo, subiu 9,6%. Naquele momento, a economia brasileira ainda mantinha um certo ritmo de crescimento e o país tinha pleno emprego. Ao longo dos últimos anos, a inflação de serviços só cedeu em 2017, quando o encerrou o ano em 4,5%. "A redução da inflação dos últimos anos não teria acontecido se a inflação de serviços não tivesse caído também", afirma Marcel Balassiano, pesquisador do Instituto Brasileiro de Economia, da Fundação Getúlio Vargas (Ibre/FGV). Em 2019, o IPCA subiu 4,31% e ficou acima do centro da meta, influenciado pelo alta do preço das carnes. Neste ano, a projeção do relatório do Focus, do Banco Central, indica que a inflação deve terminar o ano em 3,25%. Consulte Mais informação: G1

Estou esperando a tal queda de preços faz tempo.... kkkk deixa de ser louca G1 que mané queda de preço! a tendência é algumas falirem, a maior comprar e manter o preço alto Pesquisem Dumping e dps espere uns 2 anos kkkk Os anti liberais agora choram estão chorando no chuveiro! kkkkkkkkkkkk Bem vindos ao liberalismo, rede Globo!

'a tendência é a queda de preços' HAHAHAHAHAHAHAHA Eu conto ou deixa? Olha só... que legal. Aumento de consumo de eletrônicos, inflação menor, e dolar em alta (nos mamtendo competitivos) Esse Guedes é show mesmo. O Mercado Livre sentiu. Valor do frete tá bem menor que uns meses atrás Abdosamira85 O que também ajuda é não ter dinheiro para comprar.

a agenda da precarização tá com tudo aí no editorial do G1 hein

Sob efeito Brumadinho, produção de minério de ferro da Vale cai 21,5% em 2019 - Economia - EstadãoMineradora também produziu menos no quarto trimestre; projeção para 2020 é de crescimento, apesar dos possíveis impactos do coronavírus Mais de 240 mortos, famílias destruídas, nenhuma providência, o importante mesmo é o quanto caiu a produção de minério de ferro da Vale. Bem vindos ao capitalismo.

O que torna a ' inflação baixa ' é a falta de dinheiro mesmo, nunca fiquei tão apertado com mimhas contas, como agora.

Como ir do Brasil para a Argentina gastando apenas R$ 160ID Jovem, carteirinha voltada para jovens de baixa renda, tem modalidade na qual passagens de ônibus interestaduais têm descontos significativos. Morando em Foz do Iguaçu só pôde Alô xxxxxjeff alexandresousa0

Neto cobra mais vontade de Luan e afirma: 'Você vai ser ídolo do Corinthians'COM MORAL😎🦅 Neto cobra mais vontade de Luan e afirma: 'Você vai ser ídolo do Corinthians' lancenet Aha ah ah ah... o Luan tem vontade... mas ele é assim mesmo, ha ah ah ahahah jÁ ERA, HA HA HAHAAH Kkkkkk kkkk kkkk kkkkkkkk kkkkkk kkkk kkkkkk kkkkkk kkkk kkkkkk

Especialista alerta para consumo excessivo e desregulado de melatonina no BrasilDisponível em farmácias graças a decisão judicial, substância pode ajudar qualidade do sono, mas tem sido prescrita para fins diversos; se usada em excesso, pode desencadear diabetes e outros problemas.

Alcolumbre convoca para esta quarta sessão que pode dar ao Congresso controle de R$ 42 bi - Política - EstadãoEstadaoPolitica Alcolumbre convoca para esta quarta sessão que pode dar ao Congresso controle de R$ 42 bi Politica Politica Para quem controla o país, tendo o poder de montar uma farsa para derrubar uma presidente eleita com 54 milhões de votos, o que são 42 bi? Politica PODER + DINHEIRO = ausência de ética e dignidade...

As viagens de Zé de Abreu - Economia - Estadãopfnery: Zé de Abreu anuncia mudança para Nova Zelândia, case de amplas reformas liberais pfnery Lixo da esquerda! pfnery Já vai tarde!! pfnery tchau, querida!



Bolsonaro comete infração de trânsito ao andar de moto com capacete solto em Guarujá

Bolsonaro posta vídeo em que passeia de moto com capacete solto

Americano morre ao se lançar em um foguete caseiro

Estagnação e a sucessão presidencial - ISTOÉ Independente

Adnet desfila fantasiado de Bolsonaro na Sapucaí: ‘Temos essa liberdade’ | VEJA Gente

Antonio Pitanga: “Se Lula pedir, Benedita da Silva será vice de Freixo”

Marcelo Adnet desfila na São Clemente com fantasia e carro alegórico com referências a Bolsonaro

Escrever Comentário

Thank you for your comment.
Please try again later.

Últimas Notícias

Notícia

05 fevereiro 2020, quarta-feira Notícia

Notícias anteriores

Indefinição de Bolsonaro sobre reformas causa receio de novo ‘voo de galinha’ - Economia - Estadão

Próxima notícia

Empresas de SP concluem US$ 3,2 bi em negócios nos Emirados Árabes
O carnaval da crítica política vai dos blocos às escolas de samba Hebert S. Klein: “Nas sociedades que foram escravistas continua existindo racismo” Morre homem que ajudou a resgatar dois bebês em incêndio no DF Ex-marido mata professora na frente dos filhos pequenos por não aceitar fim da relação, diz polícia Morre o ex-ditador egípcio Hosni Mubarak, aos 91 anos Morre Katherine Johnson, a cientista que ajudou a humanidade a chegar à Lua Damares recua e diz que greve de policiais não é permitida por lei Projeto arrecada tampas de plástico para castração de cães e gatos que vivem nas ruas, em Goiás Investigação conclui que Plácido Domingo assediou mulheres sexualmente e abusou de seu poder Rainha Elizabeth agradece aos espiões britânicos em visita à sede do MI5 Políticas de saúde sexual falham ao esbarrar no moralismo do governo - CartaCapital Cúpula das Forças Armadas considera branda pena a sargento preso com drogas na Espanha - Política - Estadão
Bolsonaro comete infração de trânsito ao andar de moto com capacete solto em Guarujá Bolsonaro posta vídeo em que passeia de moto com capacete solto Americano morre ao se lançar em um foguete caseiro Estagnação e a sucessão presidencial - ISTOÉ Independente Adnet desfila fantasiado de Bolsonaro na Sapucaí: ‘Temos essa liberdade’ | VEJA Gente Antonio Pitanga: “Se Lula pedir, Benedita da Silva será vice de Freixo” Marcelo Adnet desfila na São Clemente com fantasia e carro alegórico com referências a Bolsonaro Lula comunica à Justiça que fará viagem internacional - CartaCapital ‘Somos cada vez menos felizes e produtivos porque estamos viciados na tecnologia’ Sargento brasileiro preso com 39 quilos de cocaína na Espanha é condenado a seis anos de prisão - Política - Estadão Recorrendo em liberdade, Lula vai à França, Suíça e Alemanha 'Carnaval é uma mentira', diz Andressa Urach, longe dos desfiles - Emais - Estadão