Casal vai responder por calúnia após falsa acusação a professor de surfe negro no Leblon | Rio de Janeiro | G1

Mariana Spinelli e Tomás Oliveira aparecem em um vídeo sugerindo que um Matheus Ribeiro teria furtado uma bicicleta.

17/06/2021 02:30:00

Mariana Spinelli e Tomás Oliveira aparecem em um vídeo sugerindo que um Matheus Ribeiro teria furtado uma bicicleta G1

Mariana Spinelli e Tomás Oliveira aparecem em um vídeo sugerindo que um Matheus Ribeiro teria furtado uma bicicleta.

A professora de dança Mariana Spinelli e o designer Tomás Oliveira prestaram depoimento nesta quarta-feira (16) na 14ª DP, no Leblon, sobre episódio em que teriam sugerido que o professor de surfe Matheus Ribeiro, que é negro, teria furtado a bicicleta dela.

Atletas empatam e decidem dividir ouro no salto em altura; veja comemoração Apoiadores de Bolsonaro fazem atos pró-voto impresso neste domingo - Política - Estadão Rebeca Andrade, ouro histórico no salto: veja FOTOS e VÍDEOS da ginasta em Tóquio

Após a oitiva, a delegada Natacha Alves de Oliveira tipificou a ação como crime de calúnia pelo qual Mariana e Tomás vão responder.O caso aconteceu no sábado (12), quando Matheus esperava a namorada na frente do Shopping Leblon, na Avenida Afrânio de Melo Franco. Mariana e Tomás se aproximara de Matheus e ela pergunta se ele pegou a bicicleta, que seria dela. Ele nega e segue uma discussão que só termina quando Tomás tenta abrir o segredo do cadeado da bicicleta e não consegue.

Matheus Ribeiro registrou um boletim de ocorrência on-line na segunda-feira (14), e prestou depoimento presencial na terça-feira (15) também na delegacia do Leblon."Não quero dar ênfase só pro meu caso, quero dar ênfase pra esses casos, para que as pessoas quando se veem numa situação de desespero não pensarem que foi o preto que roubou e toda vez que acontecer isso com um negro ele se sentir forte o suficiente para denunciar para botar a cara, falar que isso não é certo e que a gente não vai aceitar isso", disse Matheus após o depoimento. headtopics.com

1 min ‘É um problema que está enraizado na nossa sociedade’, diz surfista negro acusado de furtoVídeo mostra discussãoParte da discussão foi filmada pelo professor de surfe e postada nas redes sociais, o que gerou forte repercussão. Internautas cobraram um posicionamento das empresas que empregavam Mariana e Tomás, que acabaram demitidos.

O vídeo postado por Matheus mostra ele e o namorado da jovem próximos um do outro, com este último segurando o cadeado da bicicleta da namorada."É que acabou de roubar a bicicleta dela, é igualzinha, desculpa", disse o rapaz, aparentemente tentando justificar a abordagem.

A partir daí, eles iniciam um diálogo."Você conseguiu? Você conseguiu?", perguntou o professor, sobre a tentativa de encaixar o cadeado na bicicleta dele."Não", afirmou o jovem que estava com a menina que dizia que teve a bike furtada.

"O que vocês acabaram de falar e o que eu respondi?", questionou Matheus."Eu não te acusei, só estou te perguntando", disse o jovem, interrompido pelo professor que, revoltado, no vídeo, exige que o casal se retire. headtopics.com

Menina pega mais de 50 ursos em máquina de mercado e doa para crianças carentes: 'Sempre gostei de ajudar' Abert repudia pedido para quebrar sigilo bancário da Jovem Pan na CPI da Covid - Política - Estadão Polarização no Brasil supera média mundial e causa mais tensão que diferenças entre classes sociais - Política - Estadão

LEIA TAMBÉM: Matheus contou que essa não foi a primeira vez que sofreu uma abordagem do tipo."Essa foi a única vez que consegui gravar, mas também foi a mais constrangedora", disse ele ao G1.O professor disse que não ia denunciar, mas explicou porque mudou de ideia "o vídeo repercutiu muito, e eles podem acabar me denunciando pela imagem se eu não fizer B.O."

"A repercussão disso me dá um sinal de esperança que vamos mudar. Isso é estrutural. Eles não são as piores pessoas do mundo. Eles vivem em um mundo ruim e todos podemos mudar isso", disse. Consulte Mais informação: G1 »

Covid: 3 boas notícias e 3 motivos de preocupação após melhora no Brasil - BBC News Brasil

Passado o pico, o país parece viver agora um momento de curvas em descenso: desde o fim de junho, temos uma diminuição constante nas notificações de infectados e óbitos causados pelo coronavírus.

Posta agora q a bicicleta era mesmo roubada... nao desse casal... mas de uma outra pessoa... não colocaram a fuça dos racistas já o garoto vcs mostram? E dessa sugestão sai mais um para a conta do povo pobre e negro ! Por causa da cor , do status ! Muitos brancos pobres se safam pq o preconceito tá enraizado e não para de ser velado

VidasNegrasImportam Se fosse um branquinho não teriam essa dúvida, ainda dariam a dica! cuidado tão assaltando bike ,levaram a nossa tbm... se cuidem 😪😪 O negro de bike, ei Há nossa é parecida com essa! Não foi vc que pegou agora pouco? 🤔 tem certeza! Não sou punitivista, mas esses casos tem de ter punição, pra que contribua com a diminuição do racismo.

Salcifufu 😀😀😀😀 “sugerindo”

Lojas demitem jovens que teriam acusado professor de surfe de roubar bicicleta no LeblonPapel Craft respondeu comentários em redes sociais que pediam o afastamento de jovem que aparece em vídeo discutindo com professor de surfe Matheus Ribeiro, de 22 anos. Ser demitido pela mamãe não vale! Precisa passar um tempinho de molho numa prisão. Que bom. Que sirva de lição. Se é que esses babacas aprendem alguma coisa sobre racismo. Eles tem que estar na cadeia... Esse casal desgraçado... Racismo é crime

Casal que acusou jovem negro de roubar bicicleta no Leblon perde empregosMatheus Ribeiro foi acusado indevidamente de roubar uma bicicleta elétrica pela dupla Deveria tomar um pau na rua. Literalmente se fuderam de verde e amarelo 👉🇧🇷 faz arminha que já já rola outro trampo naralucia Bem feito!

'Está enraizado na nossa sociedade', diz professor de surfe que registrou ter sofrido falsa acusação de furto'Problema está enraizado na nossa sociedade', diz professor de surfe que registrou que sofreu falsa acusação de roubo de bicicleta G1 E realmente é entristecedor. Para uma pessoa, ser chamado de ladrão sem ser, dói demais. Espero que se retratem com o rapaz. O Brasil é um país racista e sempre será, ocorre que agora com o nazifascismo que governa o país, essas pessoas se sentem respaldadas pra explicitar sua intolerância, seu ódio, sua ignorância, é como um requisito para ser um 'cidadão de bem e patriota'. O brasil não deveria ter racismo ja que é um pais cheio de diversidade racial so que na policia a maioria são brancos e não deveria ser assim, negros e brancos sao pessoas, seres humanos que merecem respeito, e minha opinião particular !

Mariana Spinelli, da ESPN, é confundida com mulher acusada de Racismo no Leblon e recebe ataquesNo último sábado, um jovem negro foi vítima de racismo ao ser acusado por um casal de jovens brancos de furtar uma bicicleta elétrica Essa galera, além de ignorante é preguiçosa, basta pesquisar e se informar... não a toa que vivem confundindo o coitado do MC Guime com o MC Gui rs Esta salada tem cara de quem.defende os negros e lgbts, mas é lacradora e covarde que não assume o seu racismo.

Empresas demitem casal de jovens acusados de racismo no Leblon - ISTOÉ IndependenteO casal de jovens acusado de racismo após sugerir que um rapaz negro teria furtado uma bicicleta no Leblon, na zona sul do Rio de Janeiro, foi demitido de seus respectivos empregos. As informações são do jornal O Globo. Mariana Spinelli e Tomás Oliveira questionaram no último sábado (12) o instrutor de surfe Matheus Ribeiro […] Playboizada Fair enough Playboy fdp

AO VIVO: Wilson Witzel depõe nesta quarta-feira à CPI da PandemiaEx-governador do Rio recebeu do STF o direito de não comparecer à audiência, mas disse a VEJA que irá ao Senado e 'vai responder a todas as perguntas' Pau no genocida Está tentando explicar o inexplicável mesmo, que esculhambacão vergonhosa mesmo é essa CPI não? É uma CPI da vingança e do revanchismo mesmo,tudo o que Renan Calheiros,Omar Aziz e Randolfe queriam ouvir mesmo, um governador cansado,juntando-se à senadores enrolados com a justiça! Maldito.