Bolsonaro tenta minimizar atrito com Anvisa e diz que não 'brigou' com Barra Torres - Saúde - Estadão

13/01/2022 00:56:00

Bolsonaro tenta minimizar atrito com Anvisa e diz que não 'brigou' com Barra Torres

Bolsonaro tenta minimizar atrito com Anvisa e diz que não 'brigou' com Barra Torres

No sábado, 8, Barra Torres cobrou retratação pública após o presidente questionar os 'interesses' de integrantes da Anvisa ao reclamar do aval à vacinação infantil; Bolsonaro afirmou que apenas questionou liberação

, dois dias após o presidente questionar os “interesses” de integrantes da Anvisa, ao reclamar do aval à vacinação infantil. “Se o senhor não possui tais informações ou indícios, exerça a grandeza que o seu cargo demanda e, pelo Deus que o senhor tanto cita, se retrate”, escreveu o militar da reserva da Marinha, ao desafiar o presidente a apontar indícios de corrupção contra ele.

Barra Torres deu tom desafiador e pessoal à nota, assumindo para si uma insinuação que Bolsonaro fez genericamente à Anvisa, em mais um episódio de confronto do presidente com as instituições.Na entrevista àJovem Pan

Consulte Mais informação:
Estadão 🗞️ »

Ainda dá tempo de mudar o rumo das eleições? Adnet, Bernardo M. Franco e Malu Gaspar comentam

O podcast desta sexta-feira fala sobre as estratégias de Lula e Bolsonaro para a reta fina das eleições presidenciais. O trio também faz um panorama geral sobre as disputas eleitorais estaduais Consulte Mais informação >>

Me engana que eu gosto! Rsrsrs...daria pra dizer tanta coisa...mas seria deselegante! Continua passando vergonha. Mentiroso e 🤡🤡🤡🤡🤡🤡🤡 Fingido, falso, negativista criminoso! Bolsonaro tem cocô na cabeça 😂🇧🇷 Arregou! Não brigou, apenas atacou pelas costas. Foi falar bosta e descobriu que as Forças Armadas estão soltando a mão dele . Repararam que nem os 3 porquinhos deram um pio sobre o assunto ?

Militares desembarcando para o juíz ladrão Oh corja Falso, duas Caras, Mentiroso, Hipócrita, Preguiçoso,

“Anvisa não tem opinião, ela libera”, diz Barra Torres, sobre acusações de Jair Bolsonaro | O AntagonistaEm entrevista à Globo News, o diretor-presidente da Anvisa, Antonio Barra Torres, voltou a rebater as acusações de Jair Bolsonaro, que questionou o interesse do órgão em ter aprovado a imunização contra Covid para o público infantil... Não, ele não 'voltou a rebater', primeiro ele rebateu um espantalho, já que ninguem havia falado em corrupção. Ato falho? Tem PT tem crimes !!!

Bolsonaro vê Barra Torres agressivo e repete: 'O que está por trás da Anvisa?'Presidente sustentou crítica feita depois que a agência liberou a vacinação contra covid-19 para crianças... A pergunta é: o que há por trás desse desgoverno? O Inepto gosta de atribuir aos outros, aquilo que é dele, o que ele faz, o que ele é. Se fosse uma mulher que tivesse emitido essa nota esse verme estaria vomitando asneiras, como é um homem e militar simplesmente afinou, bundão Se esse frouxo pergunta o quê está por trás da Anvisa, pq ainda não mandou investigar?

Bolsonaro diz que nunca acusou Anvisa de corrupção e que não havia motivo para ‘carta agressiva’ de Barra Torresbabaca Mas é um alecrim dourado

Bolsonaro diz que nunca acusou Anvisa de corrupção e que não havia motivo para ‘carta agressiva’ de Barra TorresPresidente admitiu que se tivesse tido mais convivência com contra-almirante talvez não o tivesse indicado para a agência BolsonaroCagao Kkkkkk Cuzao, covarde!

O Grande Debate: Valente e Tadeu debatem a relação entre Bolsonaro e Anvisa | CNN BrasilO episódio de O Grande Debate desta terça-feira (11) conta com a participação dos deputados federais Ivan Valente (PSOL-SP) e Coronel Tadeu (PSL-SP) Em toda a terra, dois terços serão ceifados e perecerão; todavia a terça parte permanecerá!”Mas se ainda ficar nela a décima parte, tornará a ser consumida, como o terebinto, e como o carvalho, dos quais, depois de derrubados, ainda fica o toco. A santa semente é o seu toco. Essa emissora é um lixo

Bolsonaro diz que Anvisa deveria ter 'antídoto' contra colaterais de vacinasEm entrevista a um canal bolsonarista, o presidente afirmou que cobrou de Marcelo Queiroga a divulgação dos números de reações adversas Vagabundo.

Barra Torres cobrou uma retratação pública de Bolsonaro , dois dias após o presidente questionar os “interesses” de integrantes da Anvisa, ao reclamar do aval à vacinação infantil.Redação O Antagonista 11.Tarifas de táxi sofrem aumento nesta terça-feira na cidade do Rio "Se o senhor dispõe de informações que levantem o menor indício de corrupção sobre este brasileiro, não perca tempo nem prevarique, Senhor Presidente.A BRASÍLIA — O presidente Jair Bolsonaro comentou pela primeira vez nesta segunda-feira a carta divulgada no sábado pelo presidente da Agência Nacional da Vigilância Sanitária (Anvisa), Antonio Barra Torres, em que exigiu que o chefe do Executivo se retratasse das suspeitas levantadas sobre o órgão envolvendo a liberação da vacina contra a Covid-19 para crianças.

“Se o senhor não possui tais informações ou indícios, exerça a grandeza que o seu cargo demanda e, pelo Deus que o senhor tanto cita, se retrate”, escreveu o militar da reserva da Marinha, ao desafiar o presidente a apontar indícios de corrupção contra ele. Barra Torres deu tom desafiador e pessoal à nota, assumindo para si uma insinuação que Bolsonaro fez genericamente à Anvisa, em mais um episódio de confronto do presidente com as instituições.22 21:43 Diretor-presidente da Anvisa também defendeu que o presidente tivesse uma “sinalização mais clara” a favor da vacinação contra Covid × Em entrevista à Globo News, o diretor-presidente da Anvisa, Antonio Barra Torres , voltou a rebater as acusações de Jair Bolsonaro , que questionou o interesse do órgão em ter aprovado a imunização contra Covid para o público infantil. Na entrevista à Jovem Pan , o presidente disse que a Anvisa é um órgão independente, não sofre interferência, mas que o trabalho “poderia ser diferente”. Mas sustentou que desconfia de irregularidades nas decisões da Anvisa. “Não estou acusando a Anvisa de nada. “Não é razoável, não é justo dizer que a Anvisa está com algum tipo de intenção [em liberar a vacina]. Agora, se tem alguma coisa acontecendo, não há a menor dúvida”, afirmou ele, que falou em “segundas intenções” da agência. Ninguém acusou ninguém de corrupto, tá? E, por enquanto, eu não tenho o que fazer pra tocante a isso aí — disse.

Bolsonaro também disse que Barra Torres ganhou “luz própria” depois de ter sido indicado para o cargo. “Então eu vejo que seria tão bom se essas três forças [se unissem]: a força da vacinação brasileira, que é massiva; a adesividade da população, que é tradição nossa, conquistada ao longo de décadas, e se houvesse uma sinalização mais clara do presidente [a favor da vacinação]” , declarou Barra Torres. Então o que está por trás? Quais outras intenções da Anvisa? Não houve menção à corrupção, e ele quis fazer uma nota bastante agressiva", reclamou Bolsonaro. “Eu sei que é ele quem decide”, afirmou. “Eu não tinha convivência com ele, se tivesse tido convivência, talvez não o indicasse. Não quero dizer com isso qualquer crítica desabonadora ao almirante Barra Torres.” O presidente da Anvisa não pode ser demitido do cargo antes de 2025, de acordo com a legislação vigente. Bolsonaro disse que após nomeação para a agência o contra-almirante da Marinha ganhou “luz própria”.

  Notícias relacionadas .