Bolsonaro cita Kalil e defende cloroquina em pronunciamento - Política - Estadão

Bolsonaro cita Kalil e defende cloroquina em pronunciamento (via @EstadaoPolitica)

09/04/2020 02:45:00

Bolsonaro cita Kalil e defende cloroquina em pronunciamento (via EstadaoPolitica)

Presidente disse que passou a divulgar, nos últimos 40 dias, a possibilidade de tratamento da doença desde sua fase inicial

, que se recuperou após ter sido contaminado com o coronavírus. Kalil admitiu nesta quarta-feira ter tomado a cloroquina e disse que recomendaria a seus pacientes."Essa decisão poderá entrar para a história como tendo salvo milhares de vidas no Brasil. Nossos parabéns ao Dr. Kalil", disse Bolsonaro.

Celso de Mello envia à PGR pedido de investigação contra Eduardo Bolsonaro Do jeito errado e sem a maioria - Opinião - Estadão Em nota, Aras diz que citação do seu nome para vaga no Supremo causa 'desconforto' - Política - Estadão

No pronunciamento anterior ao desta quarta, Bolsonaro havia admitido a ausência de vacina ou remédio com eficácia comprovada contra o novo coronavírus.“O vírus é uma realidade, ainda não existe vacina contra ele ou remédio com a eficiência cientificamente comprovada. Apesar da hidroxicloroquina  parecer bastante eficaz. O coronavírus veio e, um dia, irá embora”, afirmou. 

A defesa da aplicação da cloroquina, sem restrições, contraria o que diz o ministro da Saúde,. A cloroquina ou a sua variação, a hidroxicloroquina, é usada para o tratamento da malária e de doenças autoimunes.

Mais cedo, em entrevista ao Datena, opresidente parabenizou o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, por ter se convencido do uso da cloroquina, e disse que indicaria o medicamento até para sua mãe, hoje com 93 anos. “Se um irmão meu ligar, imediatamente, vai levar no médico e começar o tratamento (com cloroquina). Ela não pode esperar um dia a mais, caso contrário vem a óbito."

Na segunda, 7, Mandetta afirmou ter sido pressionado por dois médicos a editar um protocolo para administração do remédio em pacientes da covid-19, após reunião com Bolsonaro. Ele se recusou alegando ausência de embasamento científico.

Na fala desta quarta, Bolsonaro disse que seus ministros"devem estar sintonizados com ele". "Tenho a responsabilidade de decidir sobre as questões do País de forma ampla, usando a equipe de ministros que escolhi para conduzir os destinos da nação", afirmou o presidente.

O uso amplo da cloroquina também virou uma arma política na batalha entre Bolsonaro e os governadores. Em recente postagem no Twitter, opresidente desafiou o chefe do Comitê contra a covid-19 em São Paulo, Davi Uip, e também o cardiologista Roberto Kalil – que contraíram coronavírus – a dizer se haviam usado cloroquina no tratamento contra a doença

O dito e o não dito no anúncio de Trump de 'rompimento' entre EUA e OMS Mulher dá à luz bebê com mais de 5 quilos em parto normal e surpreende médicos Gata de estimação se recupera da Covid-19 na França

.O governador de São Paulo, João Doria, reagiu."Peço respeito à medicina e aos médicos. Nossa guerra é contra o coronavírus. O ministro Mandetta vem cumprindo bem sua função como ministro da Saúde. Não faz sentido atacar o médico David Uip, pelo dito gabinete do ódio. E nem o doutor Roberto Kalil. Por favor, respeitem os médicos e a medicina, os enfermeiros, aqueles que estão doando seu conhecimento e dedicação para ajudar as pessoas a manterem sua saúde", disse Doria. “O governador não precisa querer politizar assunto da cloroquina”, rebateu Mandetta.

No pronunciamento, Bolsonaro citou que tem falado da cloroquina há 40 dias. O uso da substância contra o coronavírus entrou no debate da pandemia há menos tempo, no dia 19 de março, quando o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, levantou a possibilidade de o remédio ser eficaz para a covid-19. A fala provocou corrida às farmácias e deixou pacientes que dependem dela sem o medicamento. No dia seguinte, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) passou a restringir a sua venda, exigindo receita médica.

PanelaçoMoradores de diversas cidades do País voltaram a protestar contra o presidente nesta quarta. Em São Paulo, há registro de panelaços em bairros como República, Jardins, Barra Funda, Ipiranga, Alto da Lapa e Bela Vista.

Diversos bairros do Rio também registraram protesto durante o pronunciamento em rede nacional. As manifestações, que tomaram contas de janelas e sacadas, puderam ser ouvidas nas zonas sul, norte e oeste da capital.Em Copacabana, Botafogo e Cosme Velho, na zona sul, o barulho das panelas chegou a ser mais intenso do que os registrados em manifestações na semana passada. Em Jacarepaguá, na zona oeste, o panelaço perdurou até mesmo após o fim do pronunciamento de Bolsonaro.

PronunciamentosDesde que o primeiro caso de infecção pelo novo coronavírus foi confirmado no Brasil, Bolsonaro fez cinco pronunciamentos em cadeia nacional de rádio e TV. Em todos ele foi alvo de panelaços nas janelas.O terceiro foi o mais duro, preparado sob a consultoria ideológica do “gabinete do ódio”, chefiado pelo vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ). Na ocasião, o presidente comparou o coronavírus a uma “gripezinha” e pregou a reabertura do comércio e das escolas. No último pronunciamento, Bolsonaro amenizou o tom e pregou um pacto nacional com Congresso, Judiciário, governadores, prefeitos e a sociedade para o enfrentamento da pandemia.

A fala em cadeia nacional, no entanto, não representou uma trégua. O presidente manteve as críticas a governadores e ao próprio ministro da Saúde. A recusa do ministro de contrariar recomendações de organizações de saúde para atender o que prega o presidente levou a um estremecimento na relação e a rumores de que ele seria demitido.

Manifestantes voltam a ocupar ruas dos EUA em atos após morte de George Floyd Protestos nos EUA pela morte de George Floyd; FOTOS 4ª noite de protestos nos EUA por morte de George Floyd deixa mortos e centenas de pessoas presas

Em entrevista na segunda-feira, Mandetta admitiu que seus auxiliares na pasta chegaram a limpar suas gavetas. Na ocasião, em um pronunciamento à imprensa, ele pediu"paz" para trabalhar e reclamou de  críticas que, em sua visão, criam dificuldades para o seu trabalho. 

Dias antes,Bolsonaro havia afirmado que Mandetta"extrapolou" e que faltava"humildade" ao chefe da pasta da Saúde. E destacou que não o demitiria no"meio da guerra", apesar de ninguém em seu governo ser"indemissível".

A avaliação do presidente é de que seu ministro adotou uma postura arrogante diante da crise e deveria ouvi-lo mais. “Algumas pessoas do meu governo, algo subiu à cabeça deles. Estão se achando demais. Eram pessoas normais, mas, de repente, viraram estrelas", afirmou o presidente no domingo, ao receber apoiadores no Palácio da Alvorada.  Era uma indireta por Mandetta ter participado de uma “live” da dupla sertaneja Jorge e Mateus, quando voltou a defender o isolamento social, um dos pontos de divergência com o chefe do Executivo.

Consulte Mais informação: Estadão »

Politica Parabéns Presidente Politica A manchete deveria ser: Bolsonaro mente ao citar Kalil Politica Quem receita medicação são os médicos especialistas e não políticos. BlogdoNoblat Politica Kalil que ele nao quis que cuidasse dele porque é medico do PT , segundo ele . Politica Lá nos EUA também estão utilizando a Cloroquina mas ainda morrendo 2 mil pessoas por dia.

Politica Onde ele se formou em medicina!?!? 🤦🏻‍♀️🤦🏻‍♀️🤦🏻‍♀️ Politica Bozo tá viciado nessa droga. Politica Nojo desse pnc Politica Ele foi curado Politica BolsonaroEstavaCerto BlogdoNoblat Politica Qual é a do Bozo? Não é médico, nem sequer ouve o ministério da saúde e quer prescrever à população um medicamento que não tem eficácia comprovada. É uma besta. O Brasil está sendo governado por um boçal.

Politica “”as reações adversas e os efeitos colaterais do Difosfato de Cloroquina?As manifestações tóxicas estão relacionadas com efeitos cardiovasculares(hipotensão, vasodilatação,supressão da função miocárdica, arritmias cardíacas,parada cardíaca),e do SNC(confusão, convulsões e coma)” Politica Se fosse tão eficaz, pq outros países não usam? Pq tantas mortes?

Politica O brasileiro não vai morrer do vírus vai morrer de stress provocado pelo Bozo. Politica Politica Pode criar a cura, que esses lixos preferem morrer do que ouvir do presidente que tem algo para o tratamento! Que morram então, falta vocês não iriam fazer. Politica 🇧🇷🌹 Politica Ele acha que cloroquina é igual a paracetamol, como também ele acha que o corona e um resfriadinho. Eu espero do fundo do coração que as pessoas saibam agora o peso de ter colocado alguém inexperiente e que nunca se preocupou com o Brasil na presidência.

Politica Deve ter um vizinho de condomínio produzindo a substância. Politica 🇧🇷👉👉 Politica to em dúvida....esse sr é presidente ou médico Politica Eu não vou a tomar um remédio quê não tem nenhuma correspondência científica. Só porquê este IDIOTA, quere quebrar a quarentena, mas não pelo bem do povo, mas pelo benefício dos capitalistas.

Politica Cloroquina cura gripezinha? Politica Bolsonaro cada dia mais doente. Delírios desse inútil. Ele é daqueles que: se der certo algum dia lá na frente 'Bolsonaro tava certo'; se der errado, ninguém fala nada. Tome remédios por indicação médica e comprovada, não por indicação do Bolsonaro. Politica Morreu 800 pessoas esse tratamento funciona

Politica Politica Politica O fato de a Cloroquina ser uma das drogas que podem ter resultados positivos em algumas pessoas não significa que a população deva sair as ruas. NYC é o exemplo maior disto. Politica Mais do mesmo . Nada muda . Sem noção 🤮 Politica BolsonaroTemRazao 👏👏👏👏👏👏 Politica BolsonaroEstavaCerto RemedioDoBolsonaro

Politica Que orgulho do meu Presidente! Chupa, recalques 😂😂😂😂😛😛😛😛 Politica Porra de cloroquina. Quero saber quantos leitos emergenciais de UTI o senhor mandou construir? Quantos respiradores comprou? O exército construiu quantos hospitais de campanha? Politica CALA BOCA VELHO IGNORANTE Politica EuSouBolsonaroSempre BolsonaroTemRazaoSempre

Politica O amor do Bolsonaro pelo Donald Trump é maior que o do Romeu pela Julieta. Se cloroquina fosse eficiente os mais de 80 mil mortos pelo mundo não estariam mortos. O interesse do Trump a gente sabe, como acionista do laboratório do medicamento, ele só vê números BlogdoNoblat Politica Kalil, o médico de Lula e Dilma, sendo elogiado por Bozo Nero rs

BlogdoNoblat Politica Ué, o Kalil foi médico do Lula e da Dilma. Agora não tem o tal do 'comunista'? Politica 'JUSTIÇA BRASILEIRA' Processo: 10685-6, ano: 98 = 'Me passem por favor a fórmula de comprar remédio e viver no Brasil' - pesquisem o VALOR DOS MEU MEDICAMENTOS E O MEU SALÁRIO QUE VIVO Politica 'Eu sou contra a Cloroquina... Não é comprovado, não dá certo, o mundo não reconhece........ Calma, acabou de chegar.... Pera... Calma...., A Cloroquina é um bom medicamento, vai servir e tem vários médicos usando a Cloroquina. Eu tenho certeza que essa Cloroquina vai funcionar'.

Politica Esse louco aí tá certo ... Os laboratórios não queriam o uso da cloroquina pq a patente já estava vencida. Politica Parabéns presidente! Politica Um presidente infectologista. O uso de cloroquina ainda em estudo e as futuras cobaias mugindo. Politica É um abestado. Politica Politica Foi um ótimo pronunciamento. Os pronunciamentos dele melhoraram muito.

Politica O Dr Kalil fez um desserviço a medicina😒 estimular um remédio que ainda está sendo estudado😒😒😒😒 Politica Pela essa porra de remédio e enfia no cu, porra. Politica ARROMB**OOOO Politica Parabéns Presidente Politica Que canseira desse inútil. PQP Politica Se o Brasil NAO ENTERRAR ESSE CAPIROTO estaremos mais fodidos

Politica Isso porque é um imbecil! Fala somente para o GADO! AcabouBolsonaro ForaBolsonaro ForaBol卐onaro

Cloroquina: Roberto Kalil foi tratado com a medicaçãoO cardiologista tomou o remédio nos primeiros quatro dias de internação, quando seu estado de saúde estava mais grave Oh legal,mas PRO POBRE NÃO PODE! MAS PRO RICO ESTÁ LIBERADO! HIPOCRISIA! E daí ? Existem critérios pra aprovar remédios. Tomar qualquer merda qualquer um e livre

Pronunciamento de Bolsonaro deve focar em cloroquinaO pronunciamento desta noite de Jair Bolsonaro deve focar no uso da cloroquina e da hidroxicloroquina no tratamento da covid-19. Bolsonaro vai procurar deixar brpolitico Só no chute heim brpolitico Puta que pariu brpolitico Ok

Bolsonaro reitera uso da cloroquina e diz que indicaria medicamento para a mãe - Política - EstadãoBolsonaro reitera uso da cloroquina e diz que indicaria medicamento para a mãe (via EstadaoPolitica) Politica Bolsonaro virou médico Pra ficar receitando remédio? Politica Ele é medico agora? Politica Toma um pote e some

Cloroquina: Roberto Kalil foi tratado com a medicaçãoO cardiologista tomou o remédio nos primeiros quatro dias de internação, quando seu estado de saúde estava mais grave Oh legal,mas PRO POBRE NÃO PODE! MAS PRO RICO ESTÁ LIBERADO! HIPOCRISIA! E daí ? Existem critérios pra aprovar remédios. Tomar qualquer merda qualquer um e livre

Eduardo Bolsonaro xinga Doria de 'canalha' em disputa por tutela de cloroquina - CartaCapitalFamília Bolsonaro tem se empenhado em puxar para si a recomendação do medicamento - que ainda é visto com parcimônia por cientistas Quanta finesse. ...FATO: Deus não salvaria Bolsonaro de uma facada por nada. Confia e espera no Senhor...🇧🇷🇧🇷...🇧🇷🇧🇷🇧🇷🇧🇷 Vcs são ridículos, faça um jornalismo sério e que possa salvar vidas. O Presidente já fala neste medicamento a mais de 30 dias, poupem-nos.

Doria critica ataques a Uip nas redes sociais: 'Milicianos internautas' - ISTOÉ IndependenteDurante o anúncio de medidas para conter o avanço do novo coronavírus em São Paulo, o governador João Doria (PSDB) voltou a elogiar o trabalho do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, e criticou o que chamou de “milícias virtuais” que estariam atacando médicos, entre eles o chefe do Comitê contra a covid-19 no Estado, … Força Presidente Bolsonaro