Bloomberg pede perdão por política anticrime que prejudicou minorias

  • 📰 VEJA
  • ⏱ Reading Time:
  • 63 sec. here
  • 3 min. at publisher
  • 📊 Quality Score:
  • News: 28%
  • Publisher: 92%

Brasil Manchetes Notícia

Brasil Últimas Notícias,Brasil Manchetes

Mudança de posição do ex-prefeito de Nova York parece ser reconhecimento de necessidade do apoio para vencer primárias democratas

voltou atrás neste domingo, 17, no apoio dado à controversa política policial de “deter e revistar”, que se concentrou de forma desproporcional – segundo admitiu – nos negros e latinos de Nova York durante sua gestão como prefeito da cidade.

“Estava errado e lamento”, disse o ex-prefeito da capital financeira dos Estados Unidos em uma igreja de maioria negra no Brooklyn, reforçando a ideia de que se prepara para lançar formalmente sua pré-candidatura à Casa Branca. Bloomberg, de 77 anos, defendeu por muito tempo o recurso da polícia a técnicas mais agressivas no âmbito de um programa de combate à criminalidade. Ele continuou apoiando este programa, que está sendo gradativamente eliminado, inclusive depois de um juiz federal afirmar em 2013 que o mesmo violava os direitos das minorias, protegidos pela Constituição.

O discurso do empresário no Centro Cultural Cristão, em um bairro carente do Brooklyn, parece ser um reconhecimento tácito do apoio de que vai precisar das minorias para vencer a corrida pela indicação democrata às eleições presidenciais de 2020 e poder desafiar o presidente republicano Donald Trump, que aspira à reeleição.

Segundo a União pelas Liberdades Civis de Nova York, em 2011, no auge da aplicação da política “deter e revistar” , 87% das pessoas que de fato detidas foram afro-americanas e latinas.

 

Obrigado pelo seu comentário. Seu comentário será publicado após ser revisado.

Reconhecendo o erro !!!

otário d+

Atenção robôs da milícia digital, essa é a nova tag agora para pressionar Alcolumbre a pautar o nosso pedido. AbraImpeachmentAlcolumbre

Resumimos esta notícia para que você possa lê-la rapidamente. Se você se interessou pela notícia, pode ler o texto completo aqui. Consulte Mais informação:

 /  🏆 5. in BR

Brasil Últimas Notícias, Brasil Manchetes

Similar News:Você também pode ler notícias semelhantes a esta que coletamos de outras fontes de notícias.

Coluna | Morte de menina negra mostra como desigualdade se impõeAo se debater a ausência e a inserção social dos negros e negras em espaços de conhecimento e de poder, é preciso ter em mente que não estamos abordando um problema de raça, mas sim buscando um escalada civilizatória. Por giubianconi giubianconi giubianconi Mas o CIDADÃO SUSPEITO de matar a menina só vai preso daqui a 50 anos...despois de N recursos e prescrição da pena. giubianconi Cala boca!!! Sou pobre, pardo moro na favela não tem esgoto aqui, sou natural de São Paulo. Deixa o povo trabalhar montar empresas e gerar riqueza e daqui 20 anos todo cenário muda!! Não venham querer me ajudar para depois, me obrigarem á dar minha bunda para vcs!!
Fonte: RevistaEpoca - 🏆 17. / 63 Consulte Mais informação »

McCollum faz 32 pontos e lidera vitória dos Blazers na casa dos Spurs - ESPN VideoMcCollum faz 32 pontos e lidera vitória dos Blazers na casa dos Spurs NBAnaESPN
Fonte: Mundo ESPN - 🏆 31. / 51 Consulte Mais informação »

FHC: 'Ideia da renda universal não sei mais se é absurda'Para ex-presidente, a mudança da forma de produção, que aumenta sem a criação de emprego ou renda, levará à necessidade de políticas de distribuição de renda É impressão minha ou FHC está tentando seus cinco minutos de fama em meio a todo esse caos É seu calhorda usou o erário público para bancar amantes O que importa é que neste momento o BrasilContraGilmarMendes
Fonte: Terranoticiasbr - 🏆 29. / 51 Consulte Mais informação »