Tibete

Tibete

Arte de mãos e pegadas do Tibete pode ser a mais antiga do mundo - Planeta

Arte de mãos e pegadas do Tibete pode ser a mais antiga do mundo #Tibete

17/09/2021 12:59:00

Arte de mãos e pegadas do Tibete pode ser a mais antiga do mundo Tibete

Impressões encontradas no Planalto Tibetano datam do Pleistoceno, entre 169 mil e 226 mil anos atrás, e poderiam ter sido feitas por denisovanos

Impressões simétricas“A questão é: o que isso significa? Como interpretamos essas impressões? Elas claramente não foram colocadas acidentalmente”, disse Urban, coautor do artigo. “Não há uma explicação utilitária para isso. Então, o que são? Meu ângulo era: podemos pensar nisso como um comportamento artístico, um comportamento criativo, algo distintamente humano. O lado interessante disso é que é muito cedo.”

João Doria vence prévias e será candidato do PSDB à presidência em 2022 - BBC News Brasil BBC resgata vozes e sambas esquecidos dos soldados brasileiros na 2ª Guerra - BBC News Brasil Como o homem esqueceu o mais valioso tesouro, o silêncio - Aliás - Estadão

O envolvimento de Urban com o grupo surgiu de seus esforços contínuos para estudar pegadas de humanos e animais no Parque Nacional White Sands, no Novo México (EUA), como uma forma de entender o comportamento dos ancestrais humanos. Um dos colegas de Urban nesse trabalho, Matthew Bennett, da Universidade de Bournemouth, fez parte da equipe inicial que examinou o “painel artístico” encontrado em um promontório rochoso em Quesang, no Planalto Tibetano, em 2018. Uma série de cinco impressões de mãos e cinco pegadas simétricas foram feitas em travertino, um calcário de água doce que foi depositado por uma fonte termal próxima e depois endureceu com o tempo.

“Teria sido uma superfície escorregadia e inclinada”, disse Urban. “Você não iria realmente dar de cara com ela. Alguém não caiu daquele jeito. Então, por que criar esse arranjo de impressões?”Arte parietalO fato de o painel incluir impressões de mãos dá uma dica. Embora as pegadas sejam comuns no registro humano, as impressões das mãos são muito mais raras. Sua presença conecta o painel tibetano a uma tradição de arte parietal – isto é, arte que é imóvel – tipificada por gravuras manuais nas paredes das cavernas. headtopics.com

Consulte Mais informação: Revista ISTOÉ »

Ponto de Vista: Lula pode desistir da corrida presidencial? | Clarissa Oliveira

Entre alguns adversários e até aliados, cresce a tese de que o petista poderia desistir e dar a vaga a Fernando Haddad, dependendo do cenário político

Leandro Erlich desembarca no Brasil com sua arte ilusionistaArtista argentino, autor de instalações que desafiam os sentidos, ganha mostra no CCBB, passando por Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo

Artistas refugiados cobrem tapumes de cores e arte em São Paulo - São Paulo - EstadãoProjeto de ONG transforma muros cinzas em galerias de arte a céu aberto na capital paulista

A arte de virar meme l QUE MEME É ESSE l G1Da 'pior restauradora do mundo' até a 'Santa Barbie', o Túlio Mello relembra artes que viraram meme no 'Que Meme é Esse?' no YouTube do G1; assista e se inscreva no canal == G1 QueMemeéEsse artefail Quando a 'arte vira meme'. Ou quando destroem a arte. kkkkkkkkkkkkkkkk que bagui feio kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk parece eu pintando

O Cânone em Pauta: A Independência do Brasil - Estado da ArtePODCAST: A trama rocambolesca da Independência do Brasil. Quais os mitos e verdades sobre o nascimento da nação com o maior território, população e economia da América Latina? Ouça em oestadodaarte oestadodaarte Nah. No buenas ideias é melhor. Veja esse vídeo Depois esse vídeo oestadodaarte oestadodaarte

NFTs: moda passageira ou um novo paradigma de arte e investimento? - Comportamento - Estadão E-Investidor - As principais notícias do mercado financeiroOs NFTs (tokens não fungíveis) são uma moda passageira ou um novo paradigma? Confira a opinião de especialistas EInvestidor Lavagem de dinheiro EInvestidor aka lavagem de dinheiro EInvestidor LAVAGEM DE DINHEIRO. NA CARUDA

Grafiteiro Ozi celebra 35 anos de carreira com mostra que relembra primórdios da arte urbana em SPAos 63 anos de idade, artista do estêncil contou ao G1 sobre riscos e diversões de fazer arte na rua e explicou seu processo criativo. Excelente local de exposições pouco conhecido em São Paulo, Chácara Lane abriga mostra até o próximo final de semana; veja FOTOS. naosalvo