Análise: Tim Maia foi uma ilha no país que poderia tê-lo como escola - Estadão

28/09/2022 17:40:00

Análise: Tim Maia foi uma ilha no país que poderia tê-lo como escola (via @EstadaoCultura)

Análise: Tim Maia foi uma ilha no país que poderia tê-lo como escola (via EstadaoCultura)

Cantor que faria 80 anos nesta quarta buscou a excelência das bases do canto norte-americano, driblando a normalização das limitações trazidas pela Bossa Nova

e Não Quero Dinheiro , para ficar nas mais acessadas pelo Spotify, Tim também é mais que isso, superior ao ponto em que ele mesmo se via.Em família, cantor Daniel comemora aniversário da mãe, dona Maria Aparecida - Reprodução / Instagram Em família, cantor Daniel comemora aniversário da mãe, dona Maria Aparecida Reprodução / Instagram.MC Poze do Rodo mostra BMW destruída após acidente - Reprodução Internet MC Poze do Rodo mostra BMW destruída após acidente Reprodução Internet.Record TV se pronuncia sobre possíveis maus tratos a animais em 'A Fazenda' O vídeo, que tem se espalhado nas redes sociais hoje, faz referência ao ex-governador do Rio de Janeiro, Leonel Brizola - também símbolo histórico do PDT ao lado de Ciro Gomes.

Ao falar de sua pessoa é preciso falar de voz na música brasileira, por mais incômodo que isso possa soar ao entorno.Assim como Elis foi a maior voz feminina de seu tempo, Tim foi a maior voz masculina, e pelos mesmos motivos – recursos técnicos e de como os dois os usavam quando acionavam seus vulcões.Assim, rir de Tim, assim como rir de Elis e chamá-la de cafona no início de sua carreira, funcionou também como uma espécie de proteção de classe num país que já havia feito sua opção pela escola vocal que queria seguir.Generosa aos compositores, a bossa nova do final dos anos 50, o portal para a modernidade da música popular dos LPs e da pós Era do Rádio, enquadrou os antes efusivos instrumentistas e potentes cantores em campos mais delimitados.Pouca emissão, nada de improviso, quase nenhum recurso, extensões curtas e possíveis desafinações.O vídeo tem sido espalhado em grandes páginas nas redes sociais, além de disseminado em grupos de WhatsApp.

Tudo válido, desde que a serviço de uma composição sublime.De repente, cantar não era mais um ato reservado aos agraciados por grandes vozes, mas um gesto natural possível até aos desafinados que tinham um coração.A bossa, que circunscreve e embranquece o canto brasileiro, é um ponto importante não apenas por aquilo que foi nessa meia década inicial dos anos 60, mas pelo grau de ruptura comportamental que vai provocar com relação às bases do canto pop norte-americano.Por não terem experimentado nada comparável à bossa nova, todas as revoluções musicais dos norte-americanos se deram à luz dos instrumentos, não da voz.O blues, o soul, o jazz, o rock, o funk, o rap, o R&B e seus filhotes – as reformas foram feitas nas bases instrumentais e sob o manto de um mesmo canto que, em essência, não muda desde as blue notes de Robert Johnson e os campos de algodão do século 19.

Assim, sem um ponto em sua história que validasse uma voz de amplitude menor, a música pop norte-americana pode admitir qualquer coisa, mas não admite farsas vocais.Ao contrário do pop brasileiro, ela, a farsa, não foi normalizada por lá nem nos artistas de massa.Tim Maia vai buscar seu canto no pensamento negro norte-americano e consegue a façanha de transcrevê-lo para o português sem deixá-lo caricato.É um instante raro num país em que o canto masculino vinha sendo linearizado desde que os compositores de vozes instintivas excepcionais mas nada técnicas, como Gil, Caetano, Milton e Chico, passaram a gravar suas próprias músicas em vez de procurar intérpretes para elas.Tim é um assombro já no primeiro disco, lançado em 1970.

Coroné Antonio Bento tem o drive (uma distorção típica dos roqueiros) e o vibrato negros já nos primeiros versos.Cristina traz uma mudança de marcha excepcional quando ele diz o “vou ver Cristina” pela segunda vez, jogando a voz de peito para um quase falsete, um mix voice que os cantores de blues amam.Jurema , em inglês, escancara toda a soul music que Tim queria para si, com um recurso agudo de James Brown depois do refrão.E foi só o começo.Ao reduzirmos Tim Maia a uma história cheia de passagens engraçadas, reduzimos também seu alcance.

Hoje, quando faria 80 anos, ele ainda é uma ilha num país que poderia tê-lo como escola.Encontrou algum erro?.

Consulte Mais informação:
Estadão 🗞️ »
Loading news...
Failed to load news.

Cultura

Cantor Daniel celebra aniversário da mãe nas redes sociais: 'Amor e gratidão' | Celebridades | O DiaArtista de 54 anos compartilhou registro de festinha familiar em comemoração ao dia de dona Maria Aparecida. ODia

MC Poze do Rodo mostra carro destruído após acidente | Celebridades | O DiaCantor não estava no veículo no momento da batida. ODia

Paula Lavigne diz que Caetano não produziu vídeo que viralizou contra CiroVídeo do cantor Caetano Veloso com slogan ('TiraGomes') para tirar votos do ca

Bolsonarista e desafeto da Globo, Sérgio Reis faz ponta em ‘Pantanal’ | Tela PlanaCantor foi personagem marcante na novela original de Benedito Ruy Barbosa, mas chegou a dizer que não daria audiência à emissora dos Marinho Já sabe que precisa mudar a linha depois de domingo, ciente da derrota nas urnas Estragou a novela!😂🤦🏻‍♀️ Na hora que chama pra aparecer em novela todo mundo ama a globo

STJ mantém arquivado inquérito contra Wesley Safadão por vacina da Covid | RadarO cantor, sua mulher e sua produtora foram acusados de furar a fila da vacinação contra o coronavírus, em Fortaleza, no ano passado

Hailey Bieber responde acusações de que 'roubou' Justin Bieber de Selena GomezHailey Bieber responde acusações de que 'roubou' Justin Bieber de Selena Gomez Modelo participou de podcast e abriu o jogo sobre o casamento com o cantor R7 portalr7 balancogeral Notícia lixo