AliExpress passa a trazer produtos da China para o Brasil em até sete dias - Link - Estadão

AliExpress passa a trazer produtos da China para o Brasil em até sete dias -via @EstadaoLink

16/06/2021 19:20:00

AliExpress passa a trazer produtos da China para o Brasil em até sete dias -via EstadaoLink

Em expansão no País, a empresa vai fretar seis voos por semana para transportar os produtos comprados pelos brasileiros

, por exemplo.O prazo de sete dias de importação conta o tempo de viagem do produto da China até a alfândega brasileira; daí em diante, começa outro processo. O transporte do aeroporto internacional até a casa do cliente é operado principalmente pelos Correios, que têm no máximo cinco dias para levar a encomenda até o consumidor em regiões como a Grande São Paulo.

'Não há meritocracia sem direitos iguais': o desabafo do jovem que ficou famoso ao passar em Medicina estudando sem luz elétrica - BBC News Brasil Ciro Gomes lidera terceira via contra Lula e Bolsonaro, mostra pesquisa | Radar 'É chocante termos que pagar para não usar biquíni' - BBC News Brasil

O AliExpress diz que, nos próximos meses, esse prazo da"última milha" será estendido para todas as principais regiões metropolitanas e grandes cidades do País. Questionado a respeito da eficiência desse modelo, Di destaca a alta capilaridade dos Correios e diz que o AliExpress pode vir a complementar a malha logística no futuro, sem deixar de lado a parceria.

Eugênio Foganholo, sócio da consultoria especializada em varejo Mixxer, considera que a companhia chinesa acerta ao reduzir o tempo de importação, embora o consumidor seja mais paciente com o período de espera nessa categoria de e-commerce."Reduzir o tempo de entrega para o Brasil é bastante relevante. Além disso, as pessoas, sabendo que os produtos vêm da China, têm mais paciência para aguardar. Até porque, em geral, os preços são muito competitivos", afirma. headtopics.com

Segundo Di, o consumidor brasileiro médio do AliExpress é adulto, tem 35 anos e chega a consumir até R$ 1.900 por mês no e-commerce. Pelo volume de compras dos clientes, estima-se que boa parte deles compre para revender os produtos em outros marketplaces."Você escolhe se compra nossos produtos diretamente dos nossos vendedores ou de vendedores em outros marketplaces", diz o executivo.

Para esse recorte de revendedores, que busca a compra de atacado, o preço é ainda mais importante. Di afirma que os produtos da plataforma são cerca de 39% mais baratos do que em outros lugares."Essa porcentagem vira margem para quem revende os produtos", explica.

Loja brasileiraNo entanto, o Alibaba não pretende estar no Brasil apenas via crossborder. Abrir a plataforma para vendedores locais é uma"questão de tempo" para o AliExpress, segundo Di. Ele vê essa abertura como inevitável e avalia que a importação de produtos e o comércio local devem conviver bem, uma vez que o primeiro garante preço, enquanto o segundo prioriza a rapidez e a conveniência na entrega.

"Em breve, no sentido chinês", diz a respeito sobre quando deve se concretizar essa próxima etapa dos planos da empresa, que exigiria, inclusive, o lançamento de um centro de distribuição no País. A inserção desses vendedores brasileiros no crossborder para outros países, aliás, também está nos planos. headtopics.com

Por que Getúlio Vargas inventou em 1930 o Ministério do Trabalho, extinto e agora recriado por Bolsonaro - BBC News Brasil Suspeito de envolvimento na morte de Marielle Franco é preso na Paraíba Macron não pede desculpas, mas reconhece 'dívida' da França com a Polinésia por testes nucleares

Neste próximo passo, Foganholo, da Mixxer, pondera que há desafios logísticos que a companhia chinesa teria de superar."A implantação como marketplace no Brasil é um movimento muito mais complexo. Se eles ficarem dependentes dos Correios, a tendência é que não sejam bem-sucedidos", afirma o consultor. A logística, segundo ele, é um dos fatores cruciais na competição entre os marketplaces locais, e as empresas correm para aprimorá-la. Assim, o AliExpress ainda teria de mostrar como planeja complementar os serviços de seu maior parceiro de entregas.

Questionado ainda sobre o controle da plataforma em relação a produtos falsificados e que infrinjam políticas da empresa, Yan Di afirma que o AliExpress tem mecanismos para fiscalizar esse tipo de delito e que garante a qualidade de seus produtos ao usuário, além de adotar mecanismos de devolução de itens e ressarcimento do valor pago aos clientes que são lesados de alguma forma. Para ganhar musculatura nessa frente, a companhia investiu em uma equipe local de atendimento ao cliente.

Consulte Mais informação: Estadão »

G1 Ouviu #151 Olimpíada de sons: descubra as músicas ouvidas nos países com mais medalhas

Podcast explica quem são o Legião Urbana da Rússia, o Roberto Carlos da China, o Alok francês e mais 32 artistas. Curadoria é do projeto Invasões Bárbaras, da rádio UFMG Educativa.

Link Ai os Correios passa 30 pra entregar... Link Muambaexpress! Link O problema é quando chega no Brasil. A demora aqui é maior do que o produto vir da China. Link Podem os produtos até chegar no dia seguinte... Maaaaaasssss entre a alfândega e os Correios ficam até mais de dois meses então nao adianta.

Link imagina trazer os insumos pra vacina? pena que o presidente é um imbecil e prefere acabar com as relações comerciais entre os países. Link Está muito bom, comprei um mi 10 e em 12 dias estava em casa. Até o correios está rápido... Link Ótimo, deem exemplo de preço e agilidade a esses selvagens liberais daqui. 👏

Link A merda toda são os CorreiosBR ... Tem um mês q um produto q comprei no AliExpressBR tá no CDD da minha cidade e nada de entregarem... Link XeuleBot

Covax Facility quer incluir duas vacinas da China no portfólioAliança para distribuição de antígenos ligada à OMS mantém conversas com as farmacêuticas Sinovac e a Sinopharm Os prefeitos e governadores são os responsáveis para tomar todas as decisões para o combate à pandemia, o governo federal e Bolsonaro ficaram de pés e mãos amarrados com esta decisão do STF, conclusão é que as mortes pela pandemia não são culpa do governo federal ou de Bolsonaro.

Líderes da Otan afirmam que China é desafio para a segurança globalDiscurso firme adotado pelos aliados foi influenciado por Joe Biden, que participa de sua primeira cúpula do grupo desde que se tornou presidente dos EUA Essa criação de narrativas não cola mais. Essa história é tão verdade quanto àquela das bombas químicas alegadas por Bush para invadir o Iraque. O crescimento econômico da China incomodando o Ocidente. Cadê o discurso meritocrático. O G7 não está de esforçando o suficiente.. Otan fascista bolsominion 😡 A veja já é do governo ou continua no purgatório da esquerda?

China envia mais três astronautas para estação espacial - ISTOÉ IndependenteA China confirmou o lançamento de três astronautas, nesta quinta-feira (17), às 9h22 locais (22h22 em Brasília), para sua nova estação espacial, em construção, para uma primeira missão de três meses. Os três astronautas, todos homens, decolarão da base de Jiuquan, no deserto de Gobi (noroeste), anunciou a agência espacial encarregada dos voos tripulados (CMSA) […] A assessoria de imprensa tá on.

OTAN eleva o tom com a China ao situá-la entre os grandes desafios da segurança mundialAliança Atlântica pede a Pequim que respeite a ordem internacional “no espaço, no ciberespaço e no território marítimo” Coração vermelho LIVE SOLIDÁRIA Despertador Dia: 14/06, às 21h RETRANSMISSÃO ESPECIAL - PELA ELETROBRAS PÚBLICA A Xapuri Socioambiental se mantém firme em defesa da da Eletrobrás para todos, todas e todes SalveAEletrobras VotenãoMP1031 Ordem internacional, interessante. Pq essa mesma Otan nunca cobrou nada dos EUA quando eles invadiram o Iraque atrás de bombas e armas nunca encontradas?

UE decide liberar viagens para turistas dos EUA e de outros 5 paísesMedida ainda precisa ser aprovada pelo Conselho Europeu, mas deve entrar em vigor nos próximos dias; Brasil segue fora da lista a classe média alta brasileira chora ao ler esta matéria. O setor de turismo brasileiro agradece Uai q bom né !? Não temos que “ficar em casa”